Guia do Estudante

Aventuras na História

Anos de chumbo: 1968-1973

01/04/2005 00h00

1968

Ações armadas, protestos contra a ditadura e discurso no congresso geram clima usado para justificar o AI-5, na prática uma carta branca para os que queriam mais repressão

1969

Grupo seqüestra o embaixador dos EUA e consegue libertar presos, na ação mais bem-sucedida da luta armada, que no entanto logo teria pela frente contra-ofensiva mortal

1970

O Brasil ganha a copa do mundo em pleno milagre econômico, com o pib crescendo mais de 10% e a inflação abaixo dos 20%, e o governo medici faz propaganda: “ame-o ou deixe-o”

1971

A “guerra suja” segue a todo vapor, com dezenas de mortes causadas pela repressão e por grupos de esquerda, que perdem o líder carlos lamarca, morto com um tiro em cerco no sertão baiano

1972

Começa o combate das forças armadas a um grupo guerrilheiro no araguaia, enquanto o pib brasileiro cresce 11%

1973

Ano fecha com 14% de aumento do pib, um recorde, mas o crescimento se vê ameaçado pelo 1º choque do petróleo

 

Compartilhe

Busque em História

Edições Anteriores

Edição 130
Edição 130

Edição 129
Edição 129

Edição 128
Edição 128

Edição 127
Edição 127

Edição 126
Edição 126

Edição do mês

edição 133

edição 133,
agosto 2014
Como uma ideologia que prega o ódio renasceu e hoje é uma ameaça à democracia

Assine Aventuras na História