logo-ge

Administração: “é preciso gostar de lidar com pessoas”

Como é a rotina de um curso de Administração? Que características, em geral, os alunos têm? O Guia do Estudante entrevistou dois coordenadores de curso – os professores Aziz Xavier Beiruth, da Fucape Business School, em Vitória (ES), e Carlos Augusto Loures, da Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (Fecap), em São Paulo (SP) – para esclarecer e revelar dados sobre os principais aspectos do curso. Administração é a segunda graduação com o maior número de matrículas no país, segundo o Censo da Educação Superior 2015, só perdendo para Direito.

(imagem: istock)

1- Qual o perfil dos alunos de Administração? Que características, em geral, eles têm?

Prof. Aziz: O perfil varia entre aqueles vindos de famílias que possuem negócios e que têm interesse em suceder os pais ou montar seu próprio negócio e alunos que querem trabalhar em empresas ou empreender.

 

2- Como um aluno de Ensino Médio pode saber se ele tem o perfil  para o curso?

Prof. Loures: Uma dica é avaliar se ele gosta de lidar com pessoas. Embora possa parecer um mero jargão, as atividades da área de Administração se dão por meio das pessoas. É preciso interagir para produzir resultados. Quando o estudante entra numa função técnica como estagiário, essa é uma característica ainda discreta, porém para quem deseja chegar aos cargos de gerência, de direção, ou até mesmo empreender, saber lidar com pessoas se torna cada vez mais fundamental.

Prof. Aziz: Para estudantes de Ensino Médio, a Fucape oferece cursos gratuitos de pré-nivelamento. Eles dão aos interessados a oportunidade de vivenciar o ambiente da escola e o tema de negócios antes de ingressarem no ensino superior.

 

3- Quais as maiores dificuldades encontradas pelos alunos, sobretudo pelos ingressantes?

Prof. Aziz: As maiores dificuldades se encontram em termos de concentração e em fundamentos de matemática e fluidez na escrita. Isto é um reflexo das deficiências na educação de base brasileira.

 

4- Do que parte do curso os estudantes costumam gostar mais?

Prof. Loures: Eu destacaria três grandes áreas de interesse dos estudantes hoje em dia: Finanças, Marketing e Empreendedorismo.

Prof. Aziz: Os módulos aplicados, do quinto semestre em diante, como Gestão Estratégica de Marketing e Gestão de Pessoas, geralmente são vistos como o ponto alto do curso. Nas disciplinas, o interesse está centrado em estudos de casos e resolução dos problemas reais enfrentados pelas empresas.

 

5- Como está estruturado o curso?

Prof. Loures: Cerca de 25% da grade é formada por disciplinas básicas e os cerca de 75% restantes por disciplinas específicas. As atividades práticas são compostas principalmente por estudos de caso, apresentação de trabalhos e palestras.

 

6- Quais as principais disciplinas básicas? Que conteúdos elas trazem?

Prof. Loures:

Matemática: diferentemente de outras áreas, o objetivo de estudar Matemática em Administração não é obter conhecimentos avançadíssimos, mas sim os fundamentos necessários para poder compreender conceitos das áreas de Finanças e Operações, por exemplo.

Redação Empresarial: também diferentemente de outras áreas, o objetivo não é ser um expert em Português, mas comunicar-se melhor de forma oral e escrita. Lembre-se de que Administração é lidar com pessoas e, portanto, a comunicação é um instrumento fundamental no trabalho do administrador.

Lógica: ajuda a estruturar o pensamento, o que, juntamente com Redação Empresarial, melhora a capacidade de argumentação.

Prof. Aziz:

Microeconomia I: o sistema de preços e o papel do governo, formação de preços e oferta e demanda.

Comportamento Organizacional: o comportamento individual: personalidade, valores, atitudes e a cultura corporativa.

 

7- E as disciplinas específicas? Quais os destaques?

Prof. Loures:

Teorias da Administração: a história da Administração, desde os estudos clássicos até os mais recentes desenvolvimentos da área, levando o aluno a refletir sobre as práticas de gestão.

Marketing: o comportamento do consumidor, como uma empresa desenvolve novos produtos e administra seus produtos atuais, e de que formas ela se comunica com seu público-alvo.

Finanças: como se dá a gestão dos recursos financeiros de uma empresa, como seus investimentos, pagamentos e recebimentos.

Empreendedorismo: como se dá a criação de negócios, levando os alunos a se colocarem na posição de empreendedores – papel pelo qual, cada vez mais, os estudantes se interessam.

Prof. Aziz:

Comportamento do consumidor e marketing organizacional: o comportamento de compra do consumidor, comportamento de compra organizacional, marketing nas organizações, marketing no comércio, aplicações do marketing.

 Estratégia empresarial: busca explicar o que é estratégia e o  ambiente de negócios

Administração da produção de materiais I: o setor produtivo com foco no planejamento e controle da produção, previsão, avaliação, gestão de compras, gestão de estoques, distribuição física.

Gestão de pessoas: foco em recursos humanos; recrutamento e seleção de pessoas; treinamento, desenvolvimento e aprendizagem; cargos, salários e benefícios; avaliação de desempenho; administração de carreiras.

 

8- Poderiam descrever exemplos de atividades práticas?

Prof. Loures: Eventos em que a Fecap abre as portas para receber executivos e empreendedores, muitos deles alunos ou ex-alunos. No primeiro semestre de 2016, por exemplo, recebemos cinco ex-alunos que exercem cargos de diretoria e gerência em diversas áreas da Administração para relatarem suas experiências.

Prof. Aziz: Estudos de caso com situações reais vivenciadas por empresas e dinâmicas em grupo buscando a resolução de problemas.

 

9- Há obrigatoriedade de trabalho de conclusão de curso? Em geral, como ele é feito?

Prof. Aziz: Sim. Na Fucape, o TCC é realizado em dois semestres e pode ser um plano de negócios, um artigo cientifico ou um estudo de caso.

Prof. Loures: Sim. Na Fecap, os alunos realizam, em grupo e sob orientação de um professor, uma pesquisa de campo sobre um tema escolhido e apresentam seus resultados perante uma banca avaliadora ao final do 8o semestre.

 

10 – Poderia dar exemplos dessas pesquisas de campo?

Prof. Loures: Um grupo de alunos deseja estudar como universitários usam as redes sociais para tomar decisões de compra. Os alunos elaboram um instrumento de pesquisa, em geral um questionário, que será aplicado a universitários para desvendar o problema proposto.

Outro exemplo: um grupo de alunos deseja saber se uma empresa que se destaca em atividades de responsabilidade social tem um desempenho melhor na bolsa de valores do que outras empresas do mesmo setor que não o fazem. O grupo pesquisaria uma empresa que se destaca nesse tema e compararia o valor de suas ações ao longo do tempo com o de outras empresas do setor para saber se suas ações se valorizaram mais do que as das empresas concorrentes.

 

11- Há necessidade de realização de estágio para se formar?

Prof. Aziz: O estágio é necessário e tem a duração mínima de seis meses. Na Fucape, os estágios são feitos em grandes empresas do estado (Espírito Santo) que já possuem parceria com a instituição.

Prof. Loures: Sim. O chamado estágio supervisionado consiste na comprovação de 300 horas de atividades profissionais ligadas à área de Administração. Na Fecap, essas atividades têm de ocorrer em qualquer momento entre o 5º e o 8º semestres do curso. Em geral, elas são realizadas em empresas privadas, empresas públicas, ONGs ou na condução de negócios próprios.

 

12 – Quais as áreas de atuação da maioria dos egressos do curso?

Prof. Aziz: Carreira em grandes empresas (em áreas diversas, como marketing, controladoria e finanças), sucessão familiar, carreira no setor público e carreira acadêmica.

Prof. Loures: Dada a amplitude do curso, os egressos atuam em diversas áreas da Administração e em diversos tipos de organização. Eu destacaria as áreas de Finanças, Marketing e Operações e Logística. Em termos de organizações, eu citaria instituições bancárias e financeiras, empresas de bens de consumo, além de empresas de auditoria e consultoria.

 

13 – Já citamos na questão 7 no que consistem as  áreas de finanças e marketing. Poderia dar um exemplo de como é a atuação na área de Operações e Logística?

Prof. Loures: Essa área tem a ver com o funcionamento da empresa, com suas operações. Por exemplo, imagine um laboratório médico. Todo o atendimento dos clientes, a coleta e a realização de exames, o envio para uma área central onde são feitas as análises, a disponibilização dos resultados e a distribuição física (exames de imagem via motoboy) fazem parte de Operações e Logística. Esse conjunto de atividades dá uma ideia do quanto a área de Operações e Logística oferece oportunidades para os estudantes de Administração.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s