logo-ge

Graduação inovadora une línguas e negociações internacionais

Curso, oferecido por quatro instituições públicas, reúne conhecimentos de Línguas, Comércio Exterior e Relações Internacionais

 

Você já ouviu falar do bacharelado em Línguas Estrangeiras Aplicadas às Negociações Internacionais (Leani)? É bom esclarecer que não se trata de uma graduação em Letras ou em Comércio Exterior, mas sim de um curso multi e interdisciplinar que dialoga com essas áreas. Os cursos de Línguas Estrangeiras Aplicadas surgiram na França, nos anos 1970, com o objetivo de atender a demanda de quem queria aprender línguas, sem se tornar professor.

Quatro instituições públicas oferecem o curso no país: a Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), em Ilhéus (BA); a Universidade Federal da Paraíba (UFPB), em João Pessoa; e o Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca (Cefet-RJ), no Rio de Janeiro. Na UnB, ele é denominado Línguas Estrangeiras Aplicadas ao Multilinguismo e à Sociedade da Informação.

Caminho singular

A proposta dessa graduação, conforme explica a professora Adriana Ramos, coordenadora do curso do Cefet-RJ, é “ formar um profissional totalmente adaptável e globalizado que pode transitar nos campos de Línguas Estrangeiras, Administração, Relações Internacionais, Comércio Exterior, Turismo e Eventos etc”.

Com o conhecimento de duas ou mais línguas estrangeiras e suas culturas, o aluno é formado para assessorar, intermediar e coordenar processos de negociações internacionais em diversas frentes. Na UFPB, por exemplo, os focos de atuação do egresso são as áreas de comércio exterior (negócios internacionais), direito internacional, turismo, roteiros e eventos internacionais”, conta o professor Roberto Vilmar Satur, coordenador do curso.

Uma característica interessante dessa graduação é que, ao contrário de um profissional de Comércio Exterior, por exemplo, que tem seu perfil profissional de certa forma já definido, cada profissional de Leani possui seu percurso próprio, traçado ao longo do curso e da vida profissional.

Disciplinas

Na Uesc, pioneira na oferta do curso, o estudante aprende três línguas estrangeiras (inglês, francês e espanhol) e suas culturas ao longo dos quatro anos do bacharelado. Paralelamente, tem conteúdos de direito, marketing, estatística, economia, história e comércio exterior, entre outros. Fazem parte das disciplinas estudadas Leitura e Produção de Textos; Estudos Culturais; Formação da Sociedade Brasileira Contemporânea; História Diplomática; Planejamento Estratégico; Organismos Mundiais e Blocos Econômicos; e Produção Cultural e Entretenimento.  Os alunos devem realizar estágio e trabalho de conclusão de curso.

Veja também
Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s