Guia do Estudante

Conheça os melhores cursos de Engenharia de Produção do País!

Simone Toledo | 11/08/2016

O curso tem duração média de 5 anos, é obrigatório estagiar e apresentar uma monografia para obter o diploma de nível superior. Se você gosta de matérias como cálculo e matemática, mas também se interessa por gestão de projetos ou pessoas, qualidade ou produtividade esse curso tem tudo a ver com você! Sim, estamos falando de Engenharia de Produção!

Mas você sabe quais são os melhores cursos de Engenharia de Produção do Brasil?

Beautiful of industrial petroleum plant on evening twilight

iStock

De acordo com a Avaliação do Guia do Estudante 2015, os melhores cursos de Engenharia de Produção são:

Sudeste (MG) Belo Horizonte – UFMG ★★★★★
Sudeste (MG) Itajubá – Unifei ★★★★★
Sudeste (MG) Juiz de Fora – UFJF ★★★★★
Sudeste (RJ) Niterói – UFF ★★★★★
Sudeste (RJ) Rio de Janeiro – PUC-Rio ★★★★★
Sudeste (RJ) Rio de Janeiro – UFRJ ★★★★★
Sudeste (SP) Bauru – Unesp ★★★★★
Sudeste (SP) Guaratinguetá – Unesp – Engenharia de Produção Mecânica ★★★★★
Sudeste (SP) São Carlos – UFSCar ★★★★★
Sudeste (SP) São Carlos – USP ★★★★★
Sudeste (SP) São Paulo – USP ★★★★★
Sul (PR) Curitiba – PUCPR ★★★★★
Sul (RS) Porto Alegre – UFRGS ★★★★★
Sul (SC) Florianópolis – UFSC – Engenharia de Produção Mecânica ★★★★★

Fique atento! Algumas escolas oferecem o curso voltado para alguma ênfase ou habilitação específica. A mais comum é a mecânica, mas também existem cursos direcionados para indústria química, agroindústria, elétrica, construção civil, software entre outras.

Quer mesmo fazer Engenharia? Faça o teste e descubra que tipo de Engenheiro você é.

Leia também: qual o perfil ideal de um estudante da área de Engenharia? 

O curso da UFRGS incentiva o empreendedorismo.

 

 

 

 

Compartilhe

Engenharia Aeronáutica: conheça os melhores cursos do país!

Maria Fernanda Teperdgian | 29/07/2016

Se você pensa que o engenheiro aeronáutico trabalha apenas com foguetes e satélites, você está enganado! Ao escolher o curso de Engenharia Aeronáutica você vai elaborar projetos para a construção de aeronaves e as atividades de manutenção. Você pode trabalhar com helicópteros e com todos os tipos de aviões, e também com a área aeroespacial.

iStock

iStock

Esse engenheiro que é o responsável pela realização de reparos e pelas inspeções periódicas da estrutura e dos equipamentos, como asas, motores e fuselagem. Além da indústria, você pode atuar em obras e serviços ligados à infraestrutura aeronáutica, como a construção de aeroportos, o planejamento de linhas e o gerenciamento de tráfego aéreo.

Quer saber quais são os cursos cinco estrelas do Brasil? Confira a tabela abaixo, segundo a Avaliação do GE de 2015:

Universidade Estrelas Duração Mensalidade Por meio do Sisu
(SP) São Carlos – USP ★★★★★ 5 anos gratuita Não
(SP) São José dos Campos – ITA (Eng. Aeroespacial / Eng. Aeronáutica) ★★★★★ 5 anos gratuita Não

O que você pode fazer?

Engenharia espacial: projetar satélites e foguetes, definindo os dados técnicos necessários a sua construção, a seu lançamento e a sua operação.

Manutenção: coordenar a realização de reparos, manutenção preventiva e inspeções periódicas das estruturas, dos sistemas e equipamentos de aeronaves.

Projeto: desenhar a estrutura e os componentes de aeronaves, definindo os materiais e os processos empregados na produção. Você vai realizar ensaios e testes antes da fabricação em escala industrial.

Qual a engenharia que combina com você? Clique aqui e descubra!

Atenção! Não confunda Ciências Aeronáuticas com Engenharia Aeronáutica. O primeiro curso forma pilotos comerciais que podem trabalhar também na área de gestão, na torre de controle dos aeroportos, ou supervisionar o trabalho das equipes em terra. Já o engenheiro projeta e constrói aeronaves, na indústria.

Compartilhe

Universidades brasileiras perdem posição em ranking de países emergentes

Ana Lourenço | 20/07/2016

O Brasil perdeu posições, pelo segundo ano consecutivo, no ranking da consultoria britânica Quacquarelli Symonds (QS) dos países dos BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). O Brasil tem sete universidades entre as 50 melhores, duas a menos do que em 2015, e 17 entre as 100 primeiras.

Entrada USP
Entrada da Universidade de São Paulo. (Foto: Cecília Bastos/USP Imagens)

A USP permanece no topo das brasileiras, em décimo lugar geral, mas caiu de dois anos para cá: esteve na nona posição em 2015 e na sétima em 2014. A Unicamp mantém o 12º lugar. A China lidera o ranking geral, com a Universidade Tsinghua, e detém sete colocações no top 10.

Entre as 10 brasileiras mais bem colocadas, estão também a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) em 29º; a Universidade Estadual de São Paulo (Unesp) em 36º; a Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) em 45º; a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) empatadas em 46º; a Universidade de Brasília (UnB) em 51º; a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP) em 52º; e a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) em 53º.

Veja o ranking geral das dez melhores:

1. Universidade Tsinghua (China)
2. Universidade de Pequim (China)
3. Universidade Fudan (China)
4. Universidade de Ciência e Tecnologia da China (China)
5. Universidade de Xangai Jiao Tong (China)
6. Instituto Indiano de Ciência de Bangalore (Índia)
7. Universidade Estatal Lomonosov de Moscou (Rússia)
8. Universidade de Nanquim (China)
9. Universidade de Zhejiang (China)
10. Universidade de São Paulo (Brasil)

O ranking listou, no total, 250 universidades, de 421 avaliadas. São levados em conta critérios como reputação acadêmica e do mercado de trabalho, número de alunos em relação ao número de professores, número de publicações e citações, professores com doutorado e número de estudantes e docentes estrangeiros.

Compartilhe

Os melhores cursos de Engenharia Civil por região!

Simone Toledo | 12/07/2016

Já escolheu sua profissão? É Engenharia Civil? Se sim aproveite e saiba quais são os melhores cursos do país, por região.

engineer working table plan, home model and writing tool equipment against building construction crane with evening dusky sky

iStock

Na última avaliação realizada pelo Guia do Estudante (2015) 222 cursos de Engenharia Civil, dos 713 ofertados no país, foram avaliados. Abaixo apresentamos os 18 melhores e suas principais informações.

Os melhores da Região Sudeste!

Aqui foram avaliados 357 cursos e 9 tiveram 5 estrelas. São eles:

Faculdade Estrelas Mensalidade C/V Prouni Fies PS Enem Sisu
(MG) Belo Horizonte –  UFMG ★★★★★ Gratuita 90,61 Não Não Via Sisu Sim Sim para 100% das vagas do curso
(RJ) Rio de Janeiro – PUC-Rio ★★★★★ $$$$$ 3,37 Sim Sim Questões objetivas, discursivas e redação Sim Não
(SP) Bauru – Unesp ★★★★★ Gratuita 36,73 Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Sim Não
(SP) Campinas – Unicamp ★★★★★ Gratuita 44,78 Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Sim Não
(SP) Guaratinguetá – Unesp ★★★★★ Gratuita 26,85 Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Sim Não
(SP) Ilha Solteira – Unesp ★★★★★ Gratuita 37,35 Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Sim Não
(SP) São Carlos – USP ★★★★★ Gratuita 33,63 Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Sim Não
(SP) São José dos Campos – ITA ★★★★★ Gratuita 33,34 Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Não Não
(SP) São Paulo – USP ★★★★★ Gratuita 11,73 Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Sim Não

$$$$$ mensalidade acima de R$ 1500,01.

 

Os melhores da Região Sul!

Aqui foram avaliados 133 cursos e 5 tiveram 5 estrelas. São eles:

Faculdade Estrelas Mensalidade C/V Prouni Fies PS Enem Sisu
(PR) Curitiba – PUCPR ★★★★★ $$$$$ 1,32 Sim Sim Questões objetivas e redação Não Não
(PR) Curitiba – UFPR ★★★★★ Gratuita 15,45 Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Sim Sim para 30% das vagas do curso
(PR) Curitiba – UTFPR ★★★★★ Gratuita 77,34 Não Não Via Sisu Sim Sim para 100% das vagas do curso
(RS) Porto Alegre – UFRGS ★★★★★ Gratuita 7,73 Não Não Questões objetivas e redação Sim Sim para 30% das vagas do curso
(SC) Florianópolis – UFSC ★★★★★ Gratuita Não infor-mada Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Sim Sim para 30% das vagas do curso

$$$$$ mensalidade acima de R$ 1500,01.

 

Os melhores da Região Centro-Oeste!

Aqui foram avaliados 65 cursos e 2 tiveram 5 estrelas. São eles:

Faculdade Estrelas Mensalidade C/V Prouni Fies PS Enem Sisu
(DF) Brasília – UnB ★★★★★ Gratuita 9,63 Não Não Questões objetivas, discursivas e redação Sim Sim para 25% das vagas do curso
(GO) Goiânia – UFG ★★★★★ Gratuita 37,61 Não Não Via Sisu Sim Sim para 100% das vagas do curso

 

Os melhores da Região Nordeste!

Aqui foram avaliados 119 cursos e 1 teve 5 estrelas.

Faculdade Estrelas Mensalidade C/V Prouni Fies PS Enem Sisu
(CE) Fortaleza – UFC ★★★★★ Gratuita 31,84 Não Não Via Sisu Sim Sim para 100% das vagas do curso

 

Os melhores da Região Norte!

Aqui foram avaliados 39 cursos e 1 teve 5 estrelas.

Faculdade Estrelas Mensalidade C/V Prouni Fies PS Enem Sisu
(PA) Belém – UFPA ★★★★★ Gratuita 20,61 Não Não Via enem ou sisu Sim Sim para 20% das vagas do curso

Compartilhe

Brasil lidera ranking da América Latina com 5 universidades entre as 10 melhores

Ana Lourenço | 08/07/2016

O Brasil é líder no ranking da América Latina da instituição Times Higher Education (THE), publicação britânica que é referência na avaliação de reputação acadêmica. O estudo foi divulgado nesta quinta-feira (7). Do top 10, o Brasil lidera com a Universidade de São Paulo (USP) e a Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), em primeiro e segundo lugar, respectivamente.

usp-cidade-universitaria
Cidade Universitária da USP 
(Foto: Cecília Bastos/USP Imagens)

Além disso, outras três brasileiras figuram entre as 10 melhores da região: em quinto lugar, vem a Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ); em sexto, a Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio); em sétimo, a Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

A listagem é feita com base em cinco eixos de avaliação: ensino, pesquisa, citações, internacionalização e inovação. O ranking completo contém 50 universidades, das quais 23 são brasileiras. O Chile é a segunda nação mais bem colocada, com 11 universidades. Veja o top 10:

1) Universidade de São Paulo (Brasil)
2) Universidade Estadual de Campinas (Brasil)
3) Pontifícia Universidade Católica do Chile (Chile)
4) Universidade do Chile (Chile)
5) Universidade Federal do Rio de Janeiro (Brasil)
6) Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (Brasil)
7) Universidade Federal de Minas Gerais (Brasil)
8) Instituto Tecnológico e de Estudos Superiores de Monterrey (México)
9) Universidade Nacional Autônoma do México (México)
10) Universidade dos Andes (Colômbia)

Na listagem mundial, divulgada em maio, a USP foi a melhor avaliada da América Latina e a única brasileira listada entre as 100 melhores. Ainda assim, apareceu em colocação ao menos 30 posições abaixo de seu desempenho em 2015: este ano, está entre as posições 91 a 100, bem abaixo da colocação do ano anterior, em que esteve na faixa de 51 a 60.

Compartilhe