Guia do Estudante

Posts com a tag ‘Engenharia Civil’

Cinco estrelas: conheça o curso de Engenharia Civil da UFMG

Carolina Vellei | 04/05/2014

O curso de Engenharia Civil na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) já é centenário. O bacharelado, considerado cinco estrelas pela avaliação do GUIA, foi criado em 1912 e tem duração mínima de cinco anos. São oferecidas 200 vagas – sendo 100 por semestre – no Instituto de Ciências Exatas (ICEx) e na Escola de Engenharia do Campus Pampulha.

- Saiba tudo sobre o curso de Engenharia Civil na Guia de Profissões do GE

engenharia-civil-obras

O aluno do segundo semestre Peterson Neves chegou a pensar em seguir a carreira de Música, mas acabou se decidindo por Engenharia Civil, mesmo curso que seu pai fez. “Escolhi bem cedo, quando eu tinha uns 11 anos e isso foi fácil para mim, porque eu sempre amei matemática e física”, lembra. Preferiu a UFMG por ser perto de casa e por oferecer boas oportunidades para quem estuda lá. “Para mim, foi um bom desafio me propor a entrar em uma universidade tão concorrida”, afirma.

Peterson fez o último vestibular da UFMG antes da adesão da universidade ao Sistema de Seleção Unificada (Sisu). Na seleção de 2013, Engenharia Civil foi o quinto curso mais concorrido do vestibular, com disputa de quase 17 estudantes por vaga. Agora, a via de entrada na instituição é o Enem. O estudante deve fazer a prova do Exame Nacional para depois pleitear uma vaga na instituição. Caroline Carvalho é uma das estudantes que entrou pelo novo modelo de aprovação. “Pelo fato de o Enem ser a única forma de entrar, a pessoa deve estar preparada para fazer uma prova bem desgastante como essa”, aconselha a jovem, que fez cursinho junto com o Ensino Médio.

Caroline, que cursa o primeiro semestre, descobriu que queria ser engenheira civil aos 13 anos. Ela sempre gostou de exatas, mas a escolha veio depois de começar a assistir o programa “Obras Incríveis”, da National Geographic. “Eu assistia e ficava maravilhada com as obras que o ser humano é capaz de fazer… Cada ponte fantástica, aqueles prédios gigantescos… Optei por Civil pela possibilidade de um dia poder construir alguma coisa que deixasse as pessoas arrepiadas”, revela.

Participação feminina

Na sala de Caroline, ela conta que a proporção é de 40 mulheres para 60 homens, aproximadamente. A diferença entre a quantidade de homens e mulheres, segundo ela, é uma das menores entre os cursos de Engenharia da UFMG. “Sempre achei os brinquedos dos meninos mais legais, aqueles que montam e desmontam, porque desenvolvem a criatividade, mas desde cedo as crianças são influenciadas a meninas gostarem de bonecas e meninos de carrinhos”. Para ela, a menor participação das mulheres nessa área se deve a isso. “A Engenharia sempre foi taxada como uma profissão para homens e isso vai moldando o pensamento da pessoa durante a vida”, acredita Caroline. Ela nunca teve medo de sofrer preconceito pelos colegas e diz que a visão de que Engenharia é uma profissão masculinizada está mudando.

Complexo de prédios das engenharias na UFMG (foto: divulgação)

Complexo de prédios das engenharias na UFMG (foto: divulgação)

Recepção aos calouros

Os calouros são bem recebidos pelos veteranos no dia da matrícula. No semestre anterior, os veteranos realizam reuniões para preparar atividades para recepcionar os novatos. Para Peterson, que participou de perto desse processo, isso faz toda a diferença para quem chega à UFMG. “É importante, ainda mais na UFMG, que recebe muito mais pessoas fora de Belo Horizonte do que daqui”.

Para quem é de fora da cidade, a instituição oferece a moradia universitária em complexos habitacionais em Belo Horizonte. Além disso, os estudantes também contam com refeições gratuitas ou a baixo custo nos Restaurantes Universitários (RUs) e assistência médica e odontológica. Os alunos de baixa renda ainda podem receber apoio financeiro com o objetivo de terem condições de permanecer na UFMG e se dedicar à vida acadêmica.

Além da ajuda material, quem tem dificuldades nas matérias também podem participar de monitorias, oferecidas em diversos horários durante a semana. Nesses encontros, quem teme a matéria de Cálculo, por exemplo, pode tirar suas dúvidas com estudantes mais experientes.

Estrutura do curso

Nos primeiros quatro semestres, os alunos cursam matérias do ciclo básico nas áreas de física, química, computação e matemática, além de disciplinas de Ciências Humanas. A partir do quarto período o estudante é introduzido à formação específica e as disciplinas profissionalizantes são priorizadas. Nesse link da UFMG é possível conferir a grade do curso completa.

A Engenharia Civil compreende seis grandes áreas do conhecimento: estruturas, materiais e construção civil, hidráulica e recursos hídricos, geotecnia, transporte, saneamento e meio ambiente. Além de saber construir prédios e casas, no curso, os alunos também irão aprender a projetar e construir estradas, vias urbanas, estações de tratamento de água e de esgotos, canais, barragens e hidrelétricas.

Para colocar a mão na massa antes de sair da faculdade, participar de uma empresa júnior pode ser bom treino para quem quer ganhar experiência. Na UFMG, desde 2004 existe a Emas Jr., empresa montada pelos próprios estudantes de Engenharia Civil que atua na prestação de serviços de consultoria e projetos voltados para a comunidade em geral.

“Semestre que vem pretendo entrar para empresa júnior e quem sabe futuramente na atlética, gosto muito de esportes e já treino vôlei com o time das engenharias”, planeja Caroline. A instituição também conta com o Centro Esportivo Universitário (CEU), com quadras e espaço para a prática de atividades físicas.

“Uma das principais coisas da UFMG é a infraestrutura. Apesar de termos alguns prédios mais antigos, o ambiente da faculdade é ótimo, o que ajuda a distrair nas semanas de prova”, explica Peterson, que gosta de tocar violão e ficar sentado na grama enquanto espera as próximas aulas.

Palavra dos estudantes:

“Eu me desdobrei em duas para estudar ano passado, mas a UFMG vale a pena porque lá você tem muitas oportunidades de estabelecer contatos e de ganhar experiência. Tem a empresa júnior e outros trabalhos que te põem em contato com empresas reais para resolver problemas, sem contar que o ambiente lá é muito bom. Somos muito bem recebidos pelos veteranos, que são super gente boa e ajudam demais a minha turma. Não sei se foi só em Civil que isso aconteceu, mas eu gostei muito” (Caroline Carvalho)
“Valeu a pena vir para a UFMG pelos amigos que eu fiz, as pessoas que eu conheci, as noites passadas em claro estudando, as coisas que eu aprendi. A melhor coisa do mundo é poder estudar em um lugar que você pode chamar de lar, que te faz ir sorrindo para as aulas todos os dias e que te alimenta por 2,90 [preço da refeição no Restaurante Universitário]. Enfim, não trocaria a minha faculdade por nada. Por isso, sonhe enquanto você dorme, um dia você vai ver que acordado sua vida já é um sonho e esse dia é o dia em que você pode dizer: ‘eu faço Engenharia Civil na UFMG’”. (Peterson Neves)

 

Compartilhe

Os melhores cursos de Engenharia Civil do país

Amanda Previdelli | 24/01/2013

Quando criança, você gostava era de brincar de lego? Obras e construções te encantam hoje em dia? Talvez Engenharia Civil seja a carreira para você, já que é o ramo da engenharia que projeta, gerencia e executa obras como casas, edifícios, pontes, viadutos, estradas, barragens, canais e portos.

Leia mais: Engenheiro do ano dá dicas sobre Engenharia Civil

O curso de Engenharia Civil conta com disciplinas como matemática, física, estatística, desenho e lógica – é uma faculdade com muitas matérias de Exatas, mesmo. Há atividades em laboratório e aulas de desenho, além de matérias como Administração e Economia. Nos três anos finais, você cursa matérias mais específicas, como estruturas, construção civil, hidráulica e saneamento, transportes ou geotecnia. Na maioria dos cursos, estágios são obrigatórios, assim como um trabalho de conclusão de curso.

Gostou de Engenharia Civil? Confira os melhores cursos:

Nome da Faculdade Estrelas
Universidade de Brasília ★★★★★
PUC-Rio ★★★★★
Universidade Federal do Rio de Janeiro ★★★★★
Universidade Federal do Rio Grande do Sul ★★★★★
Universidade Federal de Santa Catarina ★★★★★
Unesp – Ilha Solteira ★★★★★
Universidade Federal de São Carlos ★★★★★
USP – São Carlos ★★★★★
Instituto Tecnológico de Aeronáutica ★★★★★
USP – São Paulo ★★★★★

 

*Dados do Guia do Estudante Profissões Vestibular 2013

E as melhores faculdades particulares:

Além da PUC-Rio, que tem 5 estrelas, os seguintes cursos estão entre os melhores (têm 4 estrelas): PUCRS, Unisinos e Mackenzie.

 

Compartilhe

Os 11 melhores cursos de Engenharia Civil do Brasil

Amanda Previdelli | 23/04/2012

Engenharia Civil é o ramo da engenharia que projeta, gerencia e executa obras como casas, edifícios, pontes, viadutos, estradas, barragens, canais e portos. Esse é o profissional que estuda todos os dados geográficos e tecnológicos para quaisquer construções e, com o país em crescimento, esse engenheiro está em alta demanda.

Além de trabalho com construção urbana, estruturas e fundações, hidráulica e recursos hídricos e infraestrutura, o engenheiro civil também pode trabalhar em áreas mais específicas, como saneamento e gerência de recursos prediais.

- Conheça os 34 tipos de Engenharia que existem

O curso de Engenharia Civil conta com disciplinas como matemática, física, estatística, desenho e lógica – é uma faculdade com muitas matérias de Exatas, mesmo. Há atividades em laboratório e aulas de desenho, além de matérias como Administração e Economia. Nos três anos finais, você cursa matérias mais específicas, como estruturas, construção civil, hidráulica e saneamento, transportes ou geotecnia. Na maioria dos cursos, estágios são obrigatórios, assim como um trabalho de conclusão de curso.

Gostou de Engenharia Civil? Confira os melhores cursos:

Nome da Faculdade Estrelas
Universidade de Brasília (UnB) ★★★★★
Universidade Federal do Pará (UFPA) ★★★★★
Universidade Federal de Pernambuco  (UFPE) ★★★★★
Universidade Federal do Paraná (UFPR) ★★★★★
Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) ★★★★★
Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) ★★★★★
Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) ★★★★★
Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) ★★★★★
Universidade de São Paulo – campus São Carlos (USP) ★★★★★
Instituto de Tecnologia Aeronáutica (ITA) ★★★★★
Universidade de São Paulo (USP) ★★★★★

* lista em organizada por estado e  ordem alfabética

*Dados do GUIA DO ESTUDANTE Profissões Vestibular 2012. Confira a edição completa nas bancas de todo o Brasil.

Saiba outros lugares para estudar Engenharia

Compartilhe

Os 12 melhores cursos de Engenharia Civil do Brasil

Mariana Nadai | 04/07/2011

Você sempre gostou de exatas e considera que cálculo e ciências são as suas grandes paixões da escola? Já pensou que Engenharia pode ser uma boa opção de curso superior?

Se sim, você tem muitas opções. Existem hoje no Brasil exatamente 34 tipos de cursos de Engenharia. Desses, o mais procurado é o de Engenharia Civil, que em 2009 registrou um número de 75.881 matrículas, segundo o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep).

A alta procura pelo curso que projeta, gerencia e executa obras como casas, edifícios, pontes, viadutos e estradas tem um motivo. O mercado para o engenheiro civil está aquecido em todo o país e a expectativa é melhorar ainda mais nos próximos anos, já que o Brasil sediará a Copa do Mundo, em 2014, e os Jogos Olímpicos, em 2016. Para tanto, precisaremos construir e reformar diversas instalações, como aeroportos, estádios e hotéis.

Além disso, o aquecimento do mercado imobiliário nos últimos anos tem influenciado diretamente a grande procura por esse engenheiro.

Você acha que Engenharia Civil é o curso ideal para você? Então confira onde estão os melhores cursos do Brasil!

Nome da instituição Estrelas
Universidade de Brasília (UnB) ★★★★★
Universidade Federal de Viçosa (UFV) ★★★★★
Instituto Militar de Engenharia (IME) ★★★★★
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio) ★★★★★
Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) ★★★★★
Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) ★★★★★
Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) ★★★★★
Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) ★★★★★
Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA) ★★★★★
Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) ★★★★★
Universidade de São Paulo (USP) – campus de São Carlos ★★★★★
Universidade de São Paulo (USP) – campus Cidade Universitária ★★★★★

*Dados do GUIA DO ESTUDANTE Profissões Vestibular 2011

Compartilhe