logo-ge

Quero fazer a diferença na humanidade. Que carreira sigo?

Orientador profissional esclarece

Pode parecer presunção, mas não é. Sei fazer muita coisa, em especial lidar com pessoas. No entanto, quando penso numa profissão, fico confusa e não sei o que seguir. Só tenho certeza de que quero fazer a diferença na humanidade!
Enviado por Anônimo

Como você espera fazer diferença? Sobressaindo-se pelo status ou remuneração que terá? Contribuindo para a promoção de melhores condições de vida para os mais necessitados? Inventando algo em seu campo profissional? Há diversas formas de entender essa "diferença". Elas dependem dos valores pessoais que você busca realizar. Reflita sobre seus valores para começar a identificar e descartar algumas profissões.

Quanto a ter múltiplas habilidades: melhor assim, não? Há pessoas que se interessam por uma profissão e têm trabalho para desenvolver as habilidades referentes a ela. Em parte, você tem maior liberdade para escolher, o que pode causar insegurança neste momento. Mas afirmamos que esta impressão pode ser parcial. Quando avançamos no curso de graduação, descobrimos que nossas habilidades podem não ser assim tão desenvolvidas como pensávamos.

Sugerimos que você procure conhecer bem as profissões e classificá-las em grupos. Por exemplo: profissões que promovem a exploração e/ou manutenção dos recursos naturais; profissões que buscam otimizar a comunicação e a venda de ideias ou produtos; profissões que buscam desenvolver novos conhecimentos científicos. Alguns guias apresentam as profissões trazem tais classificações.

Mas tenha uma coisa em mente: muitas vezes, depois de uma boa pesquisa, restam três ou quatro “boas” opções que disputam nossa decisão em igualdade de condições. Isso indica que a maior dificuldade do processo de escolha não está em escolher a "melhor" opção. Está em lidar com as "perdas" das outras possibilidades. Portanto, ao final do processo, uma boa dose de coragem será necessária.