Guia do Estudante

MULTIMÍDIA

Bacharelado / Tecnológico

Legenda:

Graduação

Graduação Tecnológica

O profissional formado em Multimídia trabalha com a comunicação em meios digitais. Ele define estratégias de comunicação multimídia, planeja, cria e executa projetos de portais na internet, redes sociais e aplicativos para celulares e tablets. Entende de todos os elementos envolvidos no processo de comunicação – texto, imagem e som, sempre se preocupando com a interatividade e a convergência de mídias. O graduado pode trabalhar no roteiro ou na edição de vídeos, na criação de animações para a internet e de vinhetas eletrônicas, além de computação gráfica, jogos digitais e web design. Desenvolve plataformas digitais e simuladores para alfabetização e aprendizagem. Também lida com softwares, linguagens computacionais e ferramentas de navegação. O bacharel, assim como o tecnólogo em Produção Multimídia, costuma trabalhar em parceria com outros profissionais da área de informática ou comunicação, como jornalistas, publicitários, relações públicas ou editores.

Fique de Olho

MÍDIAS SOCIAIS É O ENFOQUE DE NOVOS CURSOS

O bacharelado em Comunicação Social (mídias sociais e produção cultural) da UFPE, em Caruaru (PE), e os cursos tecnológicos na área oferecidos por Belas Artes (SP), Ceunsp (SP) e UNA (MG) voltam-se às mídias sociais. Os egressos desses cursos podem trabalhar com produção de conteúdo, fortalecimento de marcas e relacionamento com o público em agências de comunicação ou em empresas.

Mercado de Trabalho

O mercado de multimídia aumenta ano a ano. O motivo é simples: o brasileiro dedica muitas horas à navegação na internet, e a parcela da população que tem acesso à rede vem crescendo, graças ao Programa Nacional de Banda Larga, do governo federal, aos investimentos na expansão dos pontos de acesso e à melhoria na qualidade dos sinais. Em 2013, pela primeira vez, o número de usuários passou de metade da população. Some a isso a disseminação do uso das redes sem fio e dos aparelhos portáteis. Como consequência, as empresas investem pesado na publicidade em mídia digital. Buscam-se especialistas na criação e no gerenciamento de redes sociais e aplicativos para dispositivos móveis (tablets e smartphones). “Há, também, uma procura cada vez maior por parte de empresas que prestam serviços de comunicação corporativa, marketing digital e análise do mercado das tecnologias midiáticas”, diz Ane Shirley Araújo, coordenadora do curso de Comunicação e Multimeios da PUC-SP. Nas produtoras de cinema e vídeo, emissoras de TV e assessorias de comunicação, o graduado sofre a concorrência de outros profissionais, como bacharéis em Cinema, Audiovisual, Jornalismo e Marketing. As melhores chances estão em grandes centros urbanos, que concentram maior número de agências. Mas o crescimento das cidades do interior abre novas frentes de trabalho.

As melhores escolas

5 estrelas

SP São Paulo PUC-SP Comun. e Multimeios n/i.

4 estrelas

CE Fortaleza UFC Sist. e Mídias Dig. RS Caxias do Sul UCS Tecnol. Dig. $$$$. São Leopoldo Unisinos Comun. Dig. $$$$$.

3 estrelas

PA Belém Estácio Belém Comun. Soc. (multimídia) $$$. SC Florianópolis Estácio Florianópolis Comun. Soc. (mídia eletrôn.) n/i.

Curso

Teoria da comunicação, arte, história da comunicação e comunicação e expressão estão entre as disciplinas básicas deste bacharelado. Na parte específica do currículo, o aluno aprende animação experimental, edição de vídeo, arquivos de áudio e técnicas de produção, por exemplo. Há também atividades práticas, em laboratórios. Algumas escolas exigem estágio e trabalho de conclusão do curso.

Duração média: 4 anos.

Outros nomes: Comun. Dig.; Comun. e Multimeios; Comun. em Mídias Dig.; Comun. Soc. (mídia eletrôn.); Comun. Soc. (mídias soc. e prod. cult.); Comun. Soc. (multimídia); Sist. e Mídias Dig.; Tecnol. Dig.


PRODUÇÃO MULTIMÍDIA O campo de atuação do tecnólogo em Produção Multimídia é praticamente o mesmo do bacharel desta área, com uma diferença básica: o tecnólogo trabalha, principalmente, na parte prática das atividades, desenhando páginas da internet ou editando podcasts. Assim, ele atua mais próximo ao desenvolvimento propriamente dito dos conteúdos multimídia. Há no país mais cursos para tecnólogos do que bacharelados. As disciplinas práticas, como webdesign e edição de som para a internet, constituem a maior parte da grade curricular, mas há também aulas teóricas, como introdução ao design de multimídia e teoria da comunicação. Belas Artes (SP), Ceunsp (SP) e UNA (MG) têm cursos voltados às mídias sociais.

Duração média: 2 anos.

Outros nomes: Comun. e Mídias Soc.; Mídias Soc.; Mídias Soc. Dig.; Multimídia.

O que você pode fazer

Design digital

Coordenar desenhistas, ilustradores e diagramadores na elaboração do desenho das páginas de sites na internet, equilibrando texto e imagem. Dominar ferramentas de computação gráfica para desenvolver interfaces de mídias digitais.

Edição de som

Montar arquivos com músicas, diálogos ou vinhetas para veiculação em mídia eletrônica.

Edição de texto

Participar de equipes multidisciplinares na elaboração e montagem de textos e hipertextos para auxiliar, por exemplo, a navegação na internet.

Tecnologia da mídia

Definir e acompanhar a aplicação de softwares para a internet. Estabelecer links, abrir imagens, reproduzir arquivos de som e amarrar hipertextos.

Computação gráfica

Criar interfaces para cinema, TV e mídia digital.

Redes sociais

Criar e planejar a gestão de comunicação voltada para redes sociais e marketing digital.

Compartilhe