Guia do Estudante

RELAÇÕES PÚBLICAS

Bacharelado / Tecnológico

Legenda:

Graduação

Graduação Tecnológica

A função do bacharel em Relações Públicas (RP) é construir, promover e preservar a boa imagem de empresas ou instituições perante o público interno e o externo. Para isso, ele define a estratégia e executa projetos de comunicação, transmitindo os valores, objetivos e as ações da organização. Seu trabalho se volta tanto para o público externo (clientes, fornecedores e agentes do governo) quanto para o interno (funcionários). Cria programas de integração com a comunidade e organiza atividades promocionais. É comum que este bacharel trabalhe em equipes que integram outros funcionários, como administradores, pessoal de marketing e jornalistas. É possível ingressar na carreira como tecnólogo.

 

 

 

Fique de olho

ÊNFASE NA PRÁTICA

A partir de 2015, os cursos de Relações Públicas devem se adequar às diretrizes curriculares homologadas em 2013 pelo Ministério da Educação (MEC). As principais alterações são que o estágio passa a ser obrigatório e o trabalho de conclusão de curso (TCC), que podia ser feito em grupo, passa a ser individual.

Mercado de Trabalho

As mídias sociais oferecem novas oportunidades para o bacharel em RP. Apesar de as grandes corporações serem os mais tradicionais empregadores, há, também, chance em organizações públicas e do terceiro setor, bem como em agências de RP e promotoras de eventos. Qualquer que seja o ambiente de trabalho, desenvolve estratégias criativas de comunicação que afetam diretamente a vida e a dinâmica de negócios das organizações. A Região Sudeste, principalmente o estado de São Paulo, concentra o maior número de vagas, mas também é o mercado mais concorrido.

As melhores escolas

5 estrelas

MA São Luís UFMA Comun. Soc. (rel. públ.). RS Porto Alegre UFRGS Comun. Soc. (rel. públ.). SP São Paulo USP Comun. Soc. (rel. públ.).

4 estrelas

AL Maceió Ufal Comun. Soc. (rel. públ.). AM Manaus Ufam Comun. Soc. (rel. públ.). BA Salvador Uneb-BA Comun. Soc. (rel. públ.), Unifacs n/i. GO Goiânia UFG Comun. Soc. (rel. públ.). MG Belo Horizonte PUC Minas Comun. Soc. (rel. públ.) $$$$. PB João Pessoa UFPB. PR Curitiba UFPR Comun. Soc. (rel. públ.). Londrina UEL. RJ Rio de Janeiro Uerj Comun. Soc. (rel. públ.). RS Caxias do Sul UCS Comun. Soc. (rel. públ.) $$$$. Novo Hamburgo Feevale $$. Porto Alegre PUCRS Comun. Soc. (rel. públ.) $$$$$. Santa Maria UFSM Comun. Soc. (rel. públ.). São Leopoldo Unisinos $$$$. SC Itajaí Univali $$$. SP Bauru Unesp Comun. Soc. (rel. públ.). Campinas PUC-Campinas $$$$$. Santos Universidade Católica de Santos $$$$. São Bernardo do Campo Metodista $$$$. São Paulo Belas Artes $$$$$, Cásper $$$$$, Faap Comun. Soc. (rel. públ.) $$$$$.

3 estrelas

AM Manaus Ciesa Comun. Soc. (rel. públ.) $$$. BA Lauro de Freitas Faciip Comun. Soc. (rel. públ.) n/i. MG Belo Horizonte UFMG Comun. Soc. (rel. públ.), UNA Rel. Públ. (ênf. em comun. organizacional) $$$. PR Curitiba PUCPR Comun. Soc. (rel. públ.) $$$$$. RJ Rio de Janeiro Facha-RJ Comun. Soc. (rel. públ.) $$$$. RS Frederico Westphalen UFSM. Santa Cruz do Sul Unisc Comun. Soc. (rel. públ.) $$$. SP Atibaia Faat $$. Bauru USC Comun. Soc. (rel. públ.) $$$$. Campinas Metrocamp Comun. Soc. (rel. públ.) $$$$. São Paulo Facs. Int. Rio Branco Comun. Soc. (rel. públ.) $$$$, Fecap $$$. Sorocaba Uniso $$$. Taubaté Unitau $$$. ___________________________________________________________ *CPC (MEC) | ① ② ③ ④ ⑤ **MENSALIDADE | ($) até R$ 400,00 ($$) de R$ 400,01 a R$ 700,00 ($$$) de R$ 700,01 a R$ 1.000,00 ($$$$) de R$ 1.000,01 a R$ 1.500,00 ($$$$$) acima de R$ 1.500,01 (n/i) valor não informado | ausência de mensalidade: curso gratuito

Curso

O currículo foca disciplinas da área de comunicação, como organização de eventos, política de comunicação e estudos de mídia. Há também aulas de administração, economia, marketing e pesquisas de opinião pública. Na maioria das instituições, o curso é oferecido como uma das habilitações da graduação em Comunicação Social.

Duração média: 4 anos.

Outros nomes: Comun. Organizacional; Comun. Soc. (rel. públ.).

COMUNICAÇÃO INSTITUCIONAL

Como o bacharel, este tecnólogo também trabalha com a comunicação de uma empresa, tanto por meio físico quanto digital, para o público interno e externo. Ele organiza eventos, produz comunicados para os funcionários e coordena a comunicação com a imprensa, no geral em parceria com jornalistas. Os cursos têm grade curricular semelhante à dos bacharelados, mas com ênfase em algum ramo específco de atuação, como comunicação organizacional, publicações empresariais e desenvolvimento interpessoal, conteúdo para web, linguagem audiovisual e multimídia. A maioria das escolas conta com laboratórios de produção de texto e de material multimídia.

Duração média: 2 anos.

Outro nome: Comun. Empr.

O que você pode fazer

Administração

Promover ações para a valorização de uma empresa e suas marcas. Criar canais de comunicação com funcionários, fornecedores, clientes, governo e comunidade.

Atenção ao cliente

Atender a solicitações e reclamações feitas pelos consumidores com o objetivo de orientar a melhora de qualidade dos produtos ou dos serviços prestados pelas empresas.

Cerimonial e protocolo

Orientar empresários, políticos e chefes de estado sobre etiqueta e comportamento.

Comunicação institucional

Divulgar as políticas da organização para funcionários, clientes, consumidores e fornecedores.

Eventos

Organizar palestras, exposições, recepções, coquetéis e outras solenidades de promoção da empresa.

Pesquisa de opinião

Coletar dados sobre o público interno e externo da empresa para criar planos de comunicação.

Planejamento estratégico

Traçar a estratégia de relacionamento e de comunicação com a comunidade, a imprensa, os fornecedores, a concorrência e os consumidores.

Projetos institucionais

Analisar pedidos, apresentados a empresas, de parceria em projetos sociais, coordenando sua adequação à filosofia e aos objetivos da instituição.

Relações governamentais

Elaborar planejamento estratégico das ações de relacionamento com o governo.

Compartilhe