logo-ge

Engenharia de Sistemas

É a engenharia que desenvolve sistemas tecnológicos complexos – que integram outros sistemas e envolvem grande quantidade de variáveis

É a engenharia que desenvolve sistemas tecnológicos complexos – que integram outros sistemas e envolvem grande quantidade de variáveis. Este engenheiro está apto a atuar na análise, no projeto e na integração de sistemas complexos e também em sistemas de empresas industriais e comerciais, procurando otimizar seu funcionamento. Ele trabalha em organizações do setor tecnológico de alta complexidade, como fabricantes de aviões, automóveis, navios e equipamentos de grande porte, como plataformas marítimas de petróleo e infraestrutura de telecomunicações. Também atua em empresas especializadas na terceirização de projetos tecnológicos. Como exemplo, um fabricante de itens relativamente simples pode encomendar o projeto de seus produtos a uma empresa de alta tecnologia. Assim, mesmo não possuindo um centro de pesquisas próprio, essas empresas passam a fabricar produtos de elevado desempenho e alto valor agregado.

O que você pode fazer

Projetos Projetar, analisar e integrar sistemas complexos nos mais diversos campos, como dispositivos, equipamentos e plantas industriais, entre outros.

Consultoria Assessorar indústrias no projeto de operações para otimizar sua produção.

Mercado de Trabalho

Embora este seja um profissional novo – as primeiras turmas concluíram o curso em 2015 – muitas empresas já procuram o profissional. Embraer, Petrobras e vale são algumas delas. “Esses engenheiros são vitais no desenvolvimento de sistemas complexos de engenharia, principalmente na indústria”, conta Ana Liddy Magalhães, coordenadora do bacharelado em Engenharia de Sistemas da UFMG. O setor agrícola também demanda o profissional para atuar na automação de máquinas usadas no campo. Por concentrarem muitas empresas e startups ligadas a sistemas de alta tecnologia, Recife, Belo Horizonte, São Paulo, São José dos Campos, Manaus, Rio de Janeiro e Florianópolis concentram a maior parte das oportunidades.

Curso

Prepare-se para muitos cálculos. O curso tem forte base em física, matemática e computação. Também se aprendem sistemas eletrônicos, computacionais, eletromagnéticos, térmicos e automotivos. Além disso, há disciplinas específicas em sistemas complexos, como teoria da otimização, inteligência computacional e processamento de sinais. O estágio é obrigatório, assim como o trabalho de conclusão de curso.

Duração média: 5 anos.

 

Legenda:

Estrelas da Avaliação do Guia do Estudante

★★★★★ - Excelente

★★★★ – Muito bom

★★★ - Bom

CPC – Conceito Preliminar de Curso ① ② ③ ④ ⑤ 

O CPC é o indicador do Ministério da Educação que mede a qualidade dos cursos. Ele varia de 1 (menor valor) a 5 (maior valor). Ele está informado na ficha do curso para todas as graduações que tinham esse indicador disponível (fonte: site do Inep, anos 2014, 2013 e 2012). 

Cifrões – Referem-se às faixas de preço da mensalidade:

$ - Até 500,00 reais

$$ - De 500,01 a 750,00 reais

$$$ - De 750,01 reais a 1.000,00 reais

$$$$ - De 1.000,01 a 1.500,00 reais

$$$$$ - Acima de 1.500,01 reais

n/i - Valor não informado