Guia do Estudante

GEOFÍSICA

Bacharelado

Legenda:

Graduação

Graduação Tecnológica

É a ciência que estuda a estrutura, a composição, as propriedades físicas e os processos dinâmicos da Terra. O geofísico investiga os fenômenos elétricos, térmicos, magnéticos, gravitacionais e sísmicos do planeta. Com instrumentos especiais e leis da matemática, da física e da química, ele mede as forças que afetam a superfície, o subsolo e a atmosfera terrestre. Observa e calcula os movimentos do solo e do subsolo e pesquisa a origem e a atividade dos vulcões, a curvatura do planeta e outras características geofísicas do globo. Detecta e mede a intensidade de terremotos e maremotos, investiga a estrutura das formações rochosas e as propriedades físicoquímicas dos mares.

Mercado de Trabalho

A atividade fundamental de um geofísico – a de investigar a estrutura e os processos dinâmicos do planeta – pode parecer coisa de pesquisa básica, realizada por universidades e institutos de pesquisa. Mas esse profissional tem um mercado de trabalho estabilizado no mundo mais prático, principalmente em grandes obras de infraestrutura. Os maiores contratantes do geofísico encontram-se no segmento de prospecção e exploração do petróleo. “A Petrobras, grande empregadora, passa por uma crise, e isso gera ligeira baixa na contratação desse profissional”, diz George Caminha-Maciel, coordenador do curso na Unipampa. No entanto, com as perspectiva de crescimento da exploração da camada do pré-sal, a procura pelo graduado deverá logo voltar aos patamares normais. A maior parte das empresas se concentra no Espírito Santo e no eixo Rio-São Paulo, por causa da extração de petróleo nas bacias de Campos e de Santos. Outra grande área de atuação do profissional é a mineração. Há grande demanda, ainda, na área ambiental e geotécnica. Minas Gerais também concentra uma boa quantidade de empresas, especialmente na área de mineração.

Salário inicial: a partir de R$ 3.000,00 (fonte: prof. George Caminha-Maciel,da Unipampa);

As melhores escolas

5 estrelas

SP São Paulo USP;

4 estrelas

BA Salvador UFBA; PA Belém UFPA;, RN Natal UFRN;

3 estrelas

RJ Niterói UFF; RS Caçapava do Sul Unipampa;

Curso

Matemática, física e geologia são a base do currículo. Entre as disciplinas profissionalizantes estão prospecção de água, de petróleo e de recursos minerais. Fique preparado para muitas aulas envolvendo computação e para exercitar os neurônios com cálculos e mais cálculos - eles estão presentes durante todo o curso. Há várias atividades práticas, tanto em campo quanto em laboratório. Elas são fundamentais na formação de profissionais aptos a trabalhar com monitoramento ambiental, na construção civil e na indústria do petróleo. Se você se interessa por essa última área, pode cursar também Engenharia de Petróleo.

Duração média: quatro anos.

Outro nome: Ciência da Terra (geofísica).


O que você pode fazer

Construção Civil

Estudar as características do solo antes do início de uma obra. Localizar dutos de água e de gás para implantar novas tubulações em terrenos e loteamentos.

Geofísica Ambiental

Investigar a degradação do solo e a poluição de lençóis de água subterrâneos ou de superfície. Analisar o impacto ambiental de grandes obras, como estradas, túneis do metrô ou reservatórios de água.

Geofísica Fundamental

Desenvolver pesquisas nas áreas de gravimetria (distribuição de massa da Terra), geodinâmica (deformações da crosta), geomagnetismo (campo magnético terrestre), geotermia (fenômenos térmicos que ocorrem no interior do planeta) e sismologia (abalos sísmicos).

Geofísica e Engenharia do Petróleo

Levantar e analisar informações em busca de reservas petrolíferas e acompanhar sua exploração ao lado de uma equipe multidisciplinar.

Mineração

Coletar dados em campo e, depois, analisá-los e processá-los em laboratório e computadores para localizar reservas minerais.

Compartilhe