Guia do Estudante

MEDICINA VETERINÁRIA

Bacharelado

Legenda:

Graduação

Graduação Tecnológica

O Médico veterinário dá assistência clínica e cirúrgica a animais domésticos e silvestres, além de cuidar da saúde, da alimentação e da reprodução de rebanhos. Outra de suas funções, complementando sua atenção na saúde animal e na saúde pública, é inspecionar a produção de alimentos de origem animal. Neste caso, o médico veterinário verifica o cumprimento das normas de higiene nas indústrias, a fim de evitar a transmissão de doenças para o ser humano. Na indústria alimentícia, ele controla as tecnologias de produção. Em qualquer indústria que utilize matéria-prima de origem animal, a presença do médico veterinário é indispensável para realizar o controle dessa matéria-prima. Pode atuar, ainda, na área de vendas de alimentos, medicamentos, vacinas e de outros artigos para animais.



Mercado de Trabalho

É o crescimento do segmento pet que abre as maiores possibilidades. Em cidades de médio e grande porte, aumentam as lojas especializadas em produtos para animais de estimação. "O número de clínicas também cresce bastante", diz Cirilo Antônio de Paula Lima, coordenador do curso de Medicina Veterinária da UFU. Outra área aquecida é a do agronegócio, na qual o profissional vai atuar na melhoria das condições de saúde de rebanhos. Na indústria de produtos de origem animal, faltam profissionais para adequar as condições de produção às normas de exportação. Há ainda boas chances na indústria de medicamentos e de produtos veterinários. As oportunidades estão em todas as regiões do país.



As melhores escolas

5 estrelas

MG Belo Horizonte UFMG. Viçosa UFV. PR Londrina UEL. RS Porto Alegre UFRGS. Santa Maria Ufsm. SP Araçatuba Unesp. Botucatu Unesp. Jaboticabal Unesp. São Paulo USP.

4 estrelas

BA Ilhéus UESC. Salvador UFBA. DF Brasília UNB. ES Alegre UFES. Vila Velha UVV. GO Goiânia UFG. MG Betim PUC Minas. Lavras Ufa. Poços de Caldas PUC Minas. Uberlândia UFU. MS Campo Grande UFMS. MT Cuiabá UFMT. PA Castanhal UFPA. PE Garanhuns UFRPE. Recife UFRPE. PR Curitiba UFPR. RJ Campos dos Goytacazes UENF. Niterói UFF. Seropédica UFRRJ. RS Capão do Leão UFPEL. SC Lages UDESC. TO Araguaína UFT.

3 estrelas

AL Viçosa Ufal. AM Manaus Esbam. BA Lauro de Freitas Unime Lauro de Freitas. CE Fortaleza Uece. DF Planaltina Upis. GO Jataí Ufg. Rio Verde Uni-Rv. MG Alfenas Unifenas. Formiga Unifor-Mg. Uberaba Uniube. Viçosa Univiçosa. MS Campo Grande Universidade Anhanguera-Uniderp. Dourados Unigran . MT Cuiabá Unic. Sinop Ufmt . PA Belém Ufra. Santarém Fit-Pa. PB Patos Ufcg. PE Petrolina Univasf-Pe . PI Teresina Ufpi. PR Bandeirantes Uenp. Guarapuava Unicentro-Pr. Palotina Ufpr. Umuarama Uem, Unipar. RJ Duque de Caxias Unigranrio. RN Mossoró Ufersa. RO Ji-Paraná Ceulji/Ulbra. RS Canoas Ulbra. Ijuí Unijuí. Passo Fundo Upf. SP Bragança Paulista Fesb. Campinas Unip-SP. Descalvado Unicastelo. ESPírito Santo do Pinhal Unipinhal. Fernandópolis Unicastelo. Franca Unifran. Garça Faef-Garça/SP. Jaguariúna Faj-SP. Presidente Prudente Unoeste. Santos Unimes, Unimonte. São Bernardo do Campo Metodista, Unian-SP. São João Da Boa Vista Unifeob. São José do Rio Preto Unirp. São José Dos Campos Unip-SP. São Paulo Fmu, Unip-SP, Unisa, Universidade Anhembi Morumbi, Universidade Cruzeiro do Sul.

Curso

Nos dois primeiros anos, o estudante tem um mix de aulas das áreas das Ciências Biológicas, Exatas e Sociais Aplicadas, como anatomia, microbiologia, genética, nutrição e produção animal, matemática e estatística, além de bioética e relações ciência, tecnologia e sociedade (CTS), entre outras. Em seguida, o aluno começa a estudar doenças e técnicas clínicas e cirúrgicas. As atividades práticas, que são realizadas em laboratório, continuam ganhando espaço na grade curricular da maioria dos cursos de medicina veterinária. No último ano da graduação, é obrigatório fazer estágio.

Duração média: 5 anos.



O que você pode fazer

Clínica e cirurgia de animais de pequeno porte

Prestar atendimento clínico e cirúrgico a animais domésticos.

Centros de pesquisa

Atuar na investigação e pesquisa no desenvolvimento de biotecnologias.

Indústria de produtos para animais

Acompanhar a produção e a comercialização de alimentos, rações, vitaminas, vacinas e medicamentos. Cuidar do marketing dos produtos e prestar assistência técnica ao cliente.

Indústria de produtos de origem animal

Fiscalizar estabelecimentos que produzam, vendam ou exportem produtos de origem animal.

Manejo e conservação de espécies

Estudar animais silvestres em cativeiro ou em seu habitat, cuidando de sua reprodução e preservação. Implantar e administrar projetos ecológicos e em reservas naturais.

Perícia técnica

Avaliar a saúde de animais de competições esportivas e a possível ingestão por eles de medicamentos e hormônios proibidos.

Produção e sanidade animal

Controlar a saúde de rebanhos. Prevenir e controlar doenças em propriedades rurais.

Saúde pública veterinária

Prevenir e controlar zoonoses e doenças transmitidas por vetores. Atuar na vigilância epidemiológica, sanitária e ambiental.

Tecnologia de produção animal

Desenvolver técnicas e métodos de aperfeiçoamento genético, alimentação e reprodução.

Compartilhe