logo-ge

USP inaugura sistema interno de empréstimo de bicicletas

Projeto conta, por enquanto, somente com quatro bicicletas

A Universidade de São Paulo (USP) estreou ontem (4/5) um sistema gratuito de empréstimo de bicicletas para alunos, funcionários e professores da instituição.

Ainda em fase de testes, o Pedalusp, como foi batizado, conta com dois terminais, ambos na Escola Politécnica (Poli), e apenas quatro bicicletas.

Para participar, é preciso se cadastrar previamente no site. Na hora, basta passar o cartão USP no terminal e apertar o botão que destrava a bicicleta.

Por enquanto só são permitidos passeios de 20 minutos. Em seis meses, quando a fase de teste acabar, o tempo será maior. A universidade planeja 100 bicicletas e dez terminais espalhados pela Cidade Universitária, no Butantã.

Há algumas regras a serem seguidas, claro. O usuário não pode andar com a bicicleta para fora do campus, sob pena de ficar impedido de fazer novo empréstimo por 20 dias úteis. Suspensões temporárias também serão aplicadas a quem demorar mais de 20 minutos para devolver a bike.

– Bicicleta vira transporte escolar para estudantes de todo o Brasil

O projeto foi criado por engenheiros que eram alunos da Poli. Maurício Serrado Villar e Maurício Matsumoto fizeram intercâmbio numa universidade francesa em 2005. Lá, conheceram projetos de empréstimos de bicicleta e acharam uma boa ideia trazer o sistema para o Brasil.

Os amigos apresentaram o projeto como trabalho de conclusão de curso em Engenharia Mecatrônica em 2009. A coordenadoria do campus gostou da ideia e logo investiu para que fosse levado adiante.

É possível acompanhar o projeto pelo Facebook, pelo Twitter e pelo blog.