Guia do Estudante

Vestibular

Censo da Educação Superior 2011 revela crescimento de 5,7% no total de matrículas do país

Dados mostram que percentual de negros que frequentam ou já concluíram o ensino superior passou de 1,8% para 8,8%

da redação | 16/10/2012 19h 22

O Ministério da Educação (MEC) e o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais (Inep) divulgaram nesta terça-feira (16) os dados do Censo da Educação Superior 2011. Os dados mostram que, em um ano, houve aumento de 5,7% no total de matrículas em cursos superiores no país.

O maior crescimento, de 7,9%, ocorreu em universidades públicas. Nas instituições privadas o índice foi de 4,8%. Atualmente, há 6.739.689 pessoas matriculadas em cursos de graduação no ensino superior do país.

No período de 2010 a 2011, a matrícula na rede federal cresceu 10% e já participa com mais de 58% das matrículas na rede pública, correspondendo a 1.032.936 alunos. Atualmente, são 59 universidades federais. A previsão do governo federal é que até 2014 esse número chegue a 63, com 321 campus distribuídos em 272 municípios.

Os dados do Censo também apontam que o percentual de negros e pardos de 18 a 24 anos que frequentam ou já concluíram o ensino superior foi de 1,8% para 8,8% e 2,2% para 11%, respectivamente. “Este número ainda é baixo, mas vai melhorar com a política de cotas. Uma década é um prazo razoável para diminuir a desigualdade”, afirmou o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, referindo-se à nova Lei de Cotas.

Clique aqui para baixar a apresentação com os primeiros dados do Censo.

 

LEIA MAIS:

- Notícias de vestibular e Enem

Compartilhe