Enem

Todos os campos são obrigatórios

Ciências da Natureza deve ser a prova com maior cobrança de conteúdo no Enem

Diferentemente da antiga versão do exame, professores apostam em uma prova renovada, com temas do Ensino Médio relacionados a notícias atuais


No bicentenário de seu nascimento, Charles Darwin pode cair no Enem

por Fábio Calvetti

Metade das perguntas que os alunos irão responder no Enem será sobre “Ciências da Natureza”. O nome é novidade, mas o assunto é um velho conhecido dos estudantes e irá tratar de biologia, física e química. Para especialistas entrevistados pelo GUIA DO ESTUDANTE, esta deve ser a prova com maior cobrança de conteúdo do Ensino Médio em relação ao antigo exame.

“Os temas propostos são absolutamente os mesmos de uma Fuvest, e a quantidade é muito grande", afirma o professor de química Bruno Xavier do Valle, do Curso Objetivo e da Fundação Bradesco, ambos de São Paulo. Se antes química e física tinham uma cobrança pequena no Enem, agora o aluno deve estar preparado para se aprofundar nas disciplinas. Nas palavras da professora de física Andréia Guerra, do colégio carioca São Bento, primeiro lugar geral no Enem 2008, será uma prova “mais específica” em relação aos outros anos.

- Faça o Simuladão de Ciências da Natureza

QUESTÕES INTERDISCIPLINARES
Uma das promessas do novo Enem é buscar temas capazes de unir diferentes disciplinas em uma mesma pergunta. Assim, o aluno deverá ter domínio de conceitos das três matérias para responder um único enunciado.

Por isso, atenção redobrada nos temas globais, capazes de mesclar biologia, química e física. “A energia, por toda a questão ecológica, está presente nas três áreas. Com certeza será abordada”, afirma Andréia Guerra.

Nessa hora, vale aliar os livros didáticos às atualidades do jornal. “As questões devem aparecer em cima de notícias para o aluno analisar, interpretar e relacionar”, afirma Xavier do Valle. “A gripe A [H1N1], por exemplo. Pode haver uma contextualização e o exame perguntar sobre estrutura molecular do vírus ou sobre química orgânica em relação à estrutura do DNA, à cápsula proteica do vírus.”

Mas nem só de gripe suína vive o Enem. Aqui estão outros temas atuais que podem cair na prova de acordo com os entrevistados: biocombustíveis, energia nuclear (devido ao vazamento na usina Angra II e aos testes na Coreia do Norte), lei seca e bafômetro, petróleo (camada do pré-sal), biotecnologia, planetas e gravitação (estamos no Ano Internacional da Astronomia).

- Dossiê gripe suína: entenda como surgiu e se espalhou a pandemia

BIOLOGIA
Segundo o professor de biologia e diretor do colégio Vértice Adilson Garcia, as questões de biologia serão variadas. Elas podem ser desde estrutura e fisiologia celular até aspectos biológicos da pobreza, com indicadores sociais e doenças que afetam a população brasileira.

A teoria da evolução também é um candidato forte este ano. “É de extrema importância lembrar que em 2009 estamos completando 200 anos do nascimento de Darwin. A forma de pensar a natureza nunca foi a mesma depois dele”, afirma Garcia.

Vale dar atenção especial a temas com correlação nas outras disciplinas, como química e física. Questões sobre ecologia, biologia molecular, origem da vida e energia oferecem essa interdisciplinaridade. Também podem cair perguntas sobre o corpo humano em relação à ótica ou à acústica dos sons.

FÍSICA
A professora de física Andréia Guerra aposta que a prova cobrará conceitos em termodinâmica, leis de Newton, eletricidade e interpretação de gráficos. Para ela, apesar de o Enem não pedir fórmulas, o aluno deve ter noção de como usar as mais comuns. “Não vai vir nada complexo, nenhuma nota de rodapé, formulas derivadas de fórmulas. Mas o aluno deve saber as básicas, como leis de Newton, gravitação, potência”, afirma.

Por outro lado, baseado na necessidade de contextualização da prova, a professora acredita ser muito difícil haver perguntas sobre dilatação dos corpos em fenômenos, fluxo de calor, cinemática, eletrostática e força magnética, principalmente se essas questões envolverem fórmulas.

QUÍMICA
Para o professor de química Bruno Xavier do Valle, enunciados sobre meio ambiente serão comuns na prova. “Processos verdes e sustentáveis são assuntos recorrentes. O entendimento de projeto sustentável de verdade, quando você consegue fechar um ciclo de uma cadeia de transformações”, afirma o professor. Outros temas capazes de fazer parte do exame: termoquímica, mistura de substâncias, forças intermoleculares.

MATEMÁTICA?
Mesmo que o Enem já tenha 45 questões específicas sobre matemática, o aluno pode esperar também por enunciados com números na prova de Ciências da Natureza. É o que afirma Xavier do Valle. “A química e a física utilizam a ferramenta matemática para diversas situações. Eu acredito que vão aparecer sim conteúdos da matemática implícitos nas questões. Não de maneira aprofundada, mas o aluno terá que utilizar conceitos matemáticos, sem dúvida alguma”, diz o professor. Por isso, fique atento à matemática logo no primeiro dia de prova.

- Saiba como será a prova de Matemática

- Confira seu número de inscrição e o local da prova

O EXAME
- Prova I: Ciências da Natureza e suas Tecnologias;
- Prova I: Ciências Humanas e suas Tecnologias


Prova II: Linguagens, Códigos e suas Tecnologias e Redação
Prova II: Matemática e suas Tecnologias

Veja mais notícias de Enem



Ofertas

Oriente-se!

[an error occurred while processing this directive]

Nas bancas!