Assine Guia do Estudante ENEM por 15,90/mês
Continua após publicidade

Fuvest anuncia lista de obras obrigatórias escritas apenas por mulheres

A partir da prova realizada em 2025, todos os livros cobrados pela USP serão escritos por autoras. A ideia é discutir o silenciamento das mulheres

Por Karin Hueck
Atualizado em 22 nov 2023, 10h42 - Publicado em 22 nov 2023, 10h18

A Fuvest, vestibular que dá acesso à melhor universidade do Brasil, a USP, anunciou ontem que resolveu alterar a sua lista de leituras obrigatórias a partir da edição realizada em 2025. Pela primeira vez na história, todos os livros que serão cobrados no exame serão de autoria feminina. Essa é uma mudança significativa no maior vestibular do país, que costuma exigir obras quase que exclusivamente masculinas.

A notícia foi divulgada ontem pelo jornal Folha de São Paulo e traz as listas pra a Fuvest 2026 (que é aplicada no fim de 2025), 2027, 2028 e 2029.

+ Fuvest 2024: veja lista de obras literárias obrigatórias com análises

Veja as obras escritas por mulheres selecionadas pela Fuvest

Fuvest 2026
Opúsculo Humanitário” (1853) – Nísia Floresta
“Nebulosas” (1872) – Narcisa Amália
Memórias de Martha” (1899) – Julia Lopes de Almeida
“Caminho de Pedras” (1937) – Rachel de Queiroz
O Cristo Cigano” (1961) – Sophia de Mello Breyner Andresen
As Meninas” (1973) – Lygia Fagundes Telles
Balada de Amor ao Vento” (1990) – Paulina Chiziane
Canção para Ninar Menino Grande” (2018) – Conceição Evaristo
A Visão das Plantas” (2019) – Djaimilia Pereira de Almeida

Fuvest 2027
Opúsculo Humanitário” (1853) – Nísia Floresta
“Nebulosas” (1872) – Narcisa Amália
Memórias de Martha” (1899) – Julia Lopes de Almeida
“Caminho de pedras” (1937) – Rachel de Queiroz
A Paixão Segundo G.H.” (1964) – Clarice Lispector
“Geografia” (1967) – Sophia de Mello Breyner Andresen
Balada de Amor ao Vento” (1990) – Paulina Chiziane
Canção para Ninar Menino Grande” (2018) – Conceição Evaristo
A Visão das Plantas” (2019) – Djaimilia Pereira de Almeida

Fuvest 2028
Conselhos à Minha Filha” (1842) – Nísia Floresta
“Nebulosas” (1872) – Narcisa Amália
Memórias de Martha” (1899) – Julia Lopes de Almeida
“João Miguel” (1932) – Rachel de Queiroz
A Paixão Segundo G.H.” (1964) – Clarice Lispector
Geografia” (1967) – Sophia de Mello Breyner Andresen
Balada de Amor ao Vento” (1990) – Paulina Chiziane
Canção para Ninar Menino Grande” (2018) – Conceição Evaristo
A Visão das Plantas” (2019) – Djaimilia Pereira de Almeida

Fuvest 2029
Conselhos à Minha Filha” (1842) – Nísia Floresta
“Nebulosas” (1872) – Narcisa Amália
Dom Casmurro” (1899) – Machado de Assis
“João Miguel” (1932) – Rachel de Queiroz
“Nós Matamos o Cão Tinhoso!” (1964) – Luís Bernardo Honwana
Geografia” (1967) – Sophia de Mello Breyner Andresen
Incidente em Antares” (1970) – Érico Veríssimo
Canção para Ninar Menino Grande” (2018) – Conceição Evaristo
A visão das Plantas” (2019) – Djaimilia Pereira de Almeida

Busca de Cursos

Continua após a publicidade

Entre 2026 e 2028, todos livros cobrados serão de mulheres. Apenas na prova de 2028, três homem voltarão a dar as caras entre as obras obrigatórias: são eles “Dom Casmurro”, de Machado de Assis, “Nós Matamos o Cão Tinhoso!”, de Luís Bernardo Honwana, e Incidente em Antares, de Érico Veríssimo.

A invisibilidade das autoras mulheres

A lista foi elaborada para seguir contemplando livros das mais diversas épocas e movimentos literários. Ou seja, a Fuvest seguirá cobrando conceitos do Romantismo, do Modernismo, do Realismo e por aí vai – só que, dessa vez, usando como base narrativas escritas por mulheres. “Com essa lista, os professores do ensino médio poderão trabalhar com os alunos as características das escolas literárias da mesma forma que faziam com Machado de Assis, José de Alencar, com todos os cânones”, disse Gustavo Monaco, diretor-executivo da Fuvest à Folha.

Outra preocupação da Fuvest foi incluir autoras negras na lista, entre elas, Paulina Chiziane, Conceição Evaristo e a Djaimilia Pereira de Almeida.

+ “Olhos d’água”: resumo da obra de Conceição Evaristo

O objetivo principal dessa mudança é usar os livros como ponto de partido para discutir a invisibilidade histórica das escritoras femininas. “Obviamente ninguém discute que os autores das listas anteriores sejam grandes nomes, mas a pergunta que se deve fazer é: até que medida essa consagração tem relação com o fato de tantas autoras terem sido silenciadas na história da literatura?”, disse Monaco.

+ Tema da redação do Enem 2023: o trabalho invisível das mulheres no Brasil

Ou seja, o fato de que alunos de Ensino Médio não costumam entrar em contato com esses livros diz menos sobre a qualidade das obras do que sobre a estrutura social que silencia a criação artística de mulheres.”Quando decidimos por essa lista só de mulheres, tivemos que fazer uma pesquisa, buscar obras que mantivessem a qualidade literária que a lista sempre teve. E ficou claro que esses livros têm qualidade e foram excluídos por terem sido escritos por mulheres”, disse o diretor-executivo da Fuvest à Folha.

Essa é a primeira vez que um vestibular adotará uma lista 100% feminina.

Entre no canal do GUIA no WhatsApp e receba conteúdos de estudo, redação e atualidades no seu celular!

Compartilhe essa matéria via:

 Prepare-se para o Enem sem sair de casa. Assine o Curso GUIA DO ESTUDANTE ENEM e tenha acesso a todas as provas do Enem para fazer online e mais de 180 videoaulas com professores do Poliedro, recordista de aprovação nas universidades mais concorridas do país.

Publicidade
Fuvest anuncia lista de obras obrigatórias escritas apenas por mulheres
Atualidades
Fuvest anuncia lista de obras obrigatórias escritas apenas por mulheres
A partir da prova realizada em 2025, todos os livros cobrados pela USP serão escritos por autoras. A ideia é discutir o silenciamento das mulheres

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se você já é assinante faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

DIGITAL
DIGITAL

Acesso ilimitado a todo conteúdo exclusivo do site

A partir de R$ 9,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.