Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês
Dicas de estudo Por Blog As melhores dicas, técnicas de estudo, concentração e raciocínio para quem vai prestar o vestibular

Chernobyl: livro, vídeo, fotos e textos para entender o acidente

Acidente nuclear foi responsável pelo deslocamento de mais de 300 mil pessoas

Por da redação Atualizado em 9 nov 2021, 11h12 - Publicado em 25 abr 2018, 18h06
mapa da radiação em 1996
O mapa da radiação em 1996 CIA Factbook/Wikimedia Commons

No dia 25 de abril de 1986, ocorria o maior desastre nuclear da história: uma explosão e um incêndio na usina nuclear de Chernobyl, na Ucrânia, lançaram grandes quantidades de partículas radioativas na atmosfera.

A radioatividade se espalhou por boa parte da Europa e obrigou cerca de 300 mil pessoas a deixarem suas casas por se encontrarem em território contaminado. Estima-se que essas chamadas zonas de exclusão devem ficar inabitadas por gerações.

Estimativas do Greenpeace apontam que até 100 mil pessoas possam ter morrido devido ao contato com a radiação de Chernobyl, principalmente de câncer.

Para ajudar você a entender o que aconteceu, separamos cinco conteúdos em diferentes formatos:

1. Livro: Vozes de Tchernóbil, de Svetlana Aleksiévitch

Livro

A bielorrussa Svetlana Aleksiévitch, vencedora do prêmio Nobel de Literatura, sentia-se na obrigação moral de dar voz às pessoas que, assim como ela, foram afetadas pelo desastre nuclear de Chernobyl.

O livro é todo composto por relatos em primeira pessoa de camponeses que foram obrigados a deixar suas casas, professores, crianças, pais que viram seus filhos nascerem mortos ou com deformações causadas pela radiação, soldados “liquidadores”, como eram chamados os homens que foram convocados pelo governo para apagar o incêndio e cuidar dos restos do reator, viúvas desses soldados, autoridades do partido comunista, ativistas…

Continua após a publicidade

O conjunto desses relatos forma um panorama rico que permite entender não apenas como o acidente afetou a vida das pessoas, mas principalmente as transformações que o pensamento soviético estava sofrendo naquela época de decadência para a União Soviética – decadência que foi acelerada pelo desastre nuclear.

2. Vídeo 

Em 2016, o programa de TV americano Frontline e a Universidade de Nova York fizeram uma parceria para produzir um documentário que permite, usando realidade virtual, navegar 360º por áreas da zona de exclusão da cidade de Pripryat (na Ucrância), onde ocorreu o acidente nuclear. O tour foi guiado por Aleksandr Sirota, um ex-habitante do local que tinha 9 anos de idade quando a região onde morava foi evacuada.

 

3. O que você precisa saber sobre radioatividade

Uma aula do Curso Enem GE, com videoaula, texto e exercícios.

4. O mundo pós-Chernobyl

Recomendamos as matérias:

Você sabe quais países têm a bomba atômica? Veja quem são eles e entenda também os acordos internacionais que regulamentam a tecnologia nuclear.

Mesmo após as terríveis consequências do desastre em Chernobyl, a produção de energia a partir da fissão de átomos de elementos radioativos, como urânio e plutônio, continuou em expansão.

5. Os maiores acidentes nucleares da História

Continua após a publicidade

Publicidade