Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês
Dúvidas de português Por Blog Viagem ou viajem? Haver ou a ver? Tire suas dúvidas de português aqui!

“Melhor preparado” ou “mais bem preparado”?

Por Paulo Montoia Atualizado em 24 fev 2017, 15h11 - Publicado em 7 abr 2016, 22h13

melhorpreparado

Será que você está entre os candidatos “mais bem-preparados” para o vestibular e o Enem? Sim, essa é a forma considerada a correta na norma padrão da língua. Decorar a norma é fácil: usamos “mais bem” sempre que antecede um verbo no particípio.

Lembrando: os verbos nesse modo ganham a terminação “do” e “da”: acabado (de acabar), terminado (de terminar), encerrada, iniciada etc.  O advérbio “mais” intensifica o prefixo “bem” que forma o adjetivo “bem-preparado” ou “bem-equipado”.

Exemplos:
Namorados que se casam tornam-se mais bem-preparados (a nova ortografia pede hífen) para construir um patrimônio.
Comprando a nova câmera estarei mais bem-equipado (a nova ortografia pede hífen) para o trabalho com fotografia.

Por sua vez, “melhor” e “pior” devem ser usados nas comparações.

Exemplos:
Fazer uma graduação é melhor do que parar no Ensino Médio.
Cursar pós-graduação atualmente é melhor do que parar na graduação.


Veja também “demais” ou “de mais”

Usar “mais bem” parece incorreto, mas basta recordar outros empregos, como dizer que a pessoa é “bem-humorada”, “bem-acabado”, “bem-aventurado”, e não “melhor humorada”, “melhor acabado” ou “melhor aventurado”.

Continua após a publicidade

Publicidade