logo-ge

Cinco estrelas: conheça o curso de Administração da UFC

(Imagem: Thinkstock)

A carreira de Administração foi a mais procurada pelos estudantes no Sisu 2015, você sabia? Por ter uma área de atuação bastante ampla, com opções de emprego especializadas desde em gestão de pessoas e em marketing até no manejo de recursos financeiros e na supervisão de processos produtivos, o administrador exerce função essencial no mercado de trabalho. Hoje vamos conhecer o curso da Universidade Federal do Ceará (UFC), que é ofertado em Fortaleza, tem duração mínima de nove períodos (quatro anos e meio), e recebe 160 alunos anualmente, sendo 80 para o turno da manhã e 80 para o da noite. A instituição, que teve seu curso avaliado em cinco estrelas pelo Guia do Estudante, ainda oferece uma graduação semipresencial de Administração Pública, no campus de Cariri (CE), para quem deseja ingressar especificamente nessa área.

A estudante do quinto semestre, Danielly Viana conta que escolheu a graduação após um contato inicial com a área em um escritório de advocacia. “Assim que terminei o ensino médio fui logo atrás de trabalho. Ainda não sabia ao certo qual curso fazer, então resolvi ‘dar um tempo’ enquanto me decidia. Foi nesse período que eu consegui emprego em um escritório de advocacia, comecei a trabalhar com a área administrativa e gostei bastante”, explica. A experiência foi decisiva para que a aluna se interessasse mais por gestão e decidisse cursar Administração. Já a aptidão para liderança observada em atividades no colégio foi o que levou o estudante do sétimo período da UFC Márcio Roberto a ingressar na carreira.

A graduação da UFC – direcionada a atuação no campo da iniciativa privada – oferece disciplinas que envolvem conceitos e aprendizados em Administração, como Matemática Aplicada, Contabilidade, Gestão de Pessoas, Gestão de Operações e Estatística Aplicada. Não há como fugir das contas, mas Márcio ressalta que isso não deve ser visto como um empecilho para quem quer ingressar no curso e não tem aptidão em Matemática: “essas disciplinas talvez exijam da pessoa uma dedicação de estudo maior, mas não são motivos para rejeição do aluno”, afirma. Ele explica que a grade curricular do curso também é abrangente e permite que o aluno faça disciplinas optativas nas áreas que tem mais afinidade para complementar sua formação – uma vantagem de muitas universidades federais. “Como pretendo seguir a área de Gestão Estratégica de Pessoas, posso utilizar essas disciplinas optativas para me aprofundar e cursar, por exemplo, Psicologia Comportamental”, observa.

>> Saiba mais sobre a carreira de Administração

A prática profissional também está prevista pelo currículo do curso. A federal cearense exige que o estudante realize dois semestres de estágio obrigatório, podendo, assim, ter contato com a profissão no dia-a-dia. Danielly, que estagia atualmente na área de processos do Banco do Nordeste, reconhece que há a necessidade, ao longo da graduação, de matérias que ofereçam mais oportunidades de visitas técnicas a estabelecimentos e empresas, mas garante que a infraestrutura da UFC é muito boa e assegura que os alunos possam ter experiências na área através de bolsas de monitoria e em projetos de pesquisa.

Além disso, a vivência universitária também se estende a atividades como participação no centro acadêmico e em projetos de extensão. Márcio estagiou, ao longo de sua graduação, em duas consultorias organizacionais e deixou os trabalhos para assumir a presidência da Federação Nacional dos Estudantes de Administração (Fenead) no Ceará e a vice-presidência nacional do órgão. Ele ressalta que a proximidade com o movimento estudantil foi essencial para que ele pudesse estar em contato com alunos e profissionais da área administrativa. “As consultorias foram importantes para eu ver um desenvolvimento prático mais amplo, e a experiência com a Fenead me permitiu promover eventos a nível local e nacional onde pude conhecer diversos profissionais, formadores de opinião e estudantes. Graças a essas atividades, passei a estagiar no Conselho Regional de Administração do Estado do Ceará, órgão responsável pela regularização da profissão”, conta.

Mercado de trabalho

O administrador pode seguir carreira tanto em iniciativas privadas quanto em órgãos públicos. Como há a necessidade de um profissional que planeje as atividades e controle os gastos de muitos estabelecimentos, o mercado para o formado em Administração é amplo. Ele pode atuar, por exemplo, na gestão de empresas rurais, acompanhando o processo de produção e comercialização de insumos agroindustriais, ou no gerenciamento de ONGs e fundações do terceiro setor, estabelecendo planos de captação de recursos e a aplicação dessas verbas, ou também pode fazer carreira na administração de grandes redes hoteleiras.

>> Professor da USP lista dez fatos sobre o curso e a carreira de Administração

“Fila em banco, preços trocados em produtos de supermercado, mau atendimento em restaurantes, caos nos processos internos de hospitais e planos de saúde, descumprimento de prazos de entrega domicílio de produtos… Não falta mercado para administradores. Sempre existirão problemas de gestão e nós desenvolvemos a solução buscando uma vantagem competitiva. Em todo canto há mercado, o agricultor que cresceu no seu interior e busca expansão dos seus negócios certamente precisa de um profissional para a gestão, uma multinacional que deseja adentrar em grandes metrópoles precisa de administradores locais para se adequar a cultura do local”, explica Márcio.

Danielly reforça que o papel do profissional não está restrito somente ao gerenciamento de empreendimentos alheios, mas também abrange a gestão de inciativas dos próprios alunos e profissionais. “O empreendedorismo é incentivado na graduação através de seminários, palestras e cursos”, explica. Márcio observa, no entanto, que a característica empreendedora não é exclusiva dos administradores, mas que pode ser desenvolvida também por eles, sendo vantajosa pelos conhecimentos em gestão. “Todo profissional pode e deve empreender. Empreender é inovar. Administrador é um especialista em progresso, somos a ciência da solução de gestão. Empreender é uma competência mais ampla.”, completa.

Comentários
Deixe um comentário

Olá,

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s