Clique e Assine a partir de R$ 20,90/mês
Por dentro das profissões Por Blog Informações sobre profissões e carreiras para te ajudar a escolher aquela que tem mais a ver com você

Por dentro do curso de Engenharia de Materiais

Por Tati de Assis Atualizado em 24 fev 2017, 15h22 - Publicado em 3 jun 2015, 10h00
A cerâmica é um dos materiais estudados por estes profissionais (Imagem: Morgue File)

A cerâmica é um dos materiais estudados por estes profissionais (Imagem: Morgue File)

 

O curso de Engenharia de Materiais é novo, então, é natural a existência de dúvidas. Este profissional trabalha em duas vertentes: descobre materiais e busca novas utilizações para matérias-primas já descobertas.

A duração do bacharelado é de cinco anos. Nos três primeiros anos, a grade curricular é a mesma para todos estudantes. Depois, os alunos optam por uma das três especializações: metais, polímeros e cerâmicas. Teoria e prática coexistem. O estágio e trabalho de conclusão de curso são obrigatórios.

>> Saiba mais sobre a carreira e o curso do Engenheiro de Materiais

O mercado é receptivo a este profissional. Há vagas em indústrias petroquímicas e siderúrgicas. Indústrias de transformação de polímeros e a construção civil também são setores que empregam muitos bacharéis.

Gostou? Caso queira se aprofundar nesta profissão, dê uma olhadinha na lista abaixo. Falamos sobre as principais áreas de atuação do Engenheiro de Materiais.

Continua após a publicidade

// O que você pode fazer?

Cerâmica

Criar materiais cerâmicos, avaliar suas propriedades e estudar novas utilizações para os já existentes. Controlar a qualidade da produção das peças em indústrias de materiais refratários e revestimentos cerâmicos.

Metais

Desenvolver ligas metálicas e gerenciar sua produção, para garantir a qualidade do material, conforme suas propriedades e seu destino.

Polímeros

Criar compostos de borracha, resinas, plásticos e acrílicos para ser empregados nos mais diversos tipos de indústria, controlando a aplicação do material de acordo com suas propriedades e o uso a que se destina.

Continua após a publicidade
Publicidade