Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês

Lady Di: 6 filmes sobre a princesa Diana

A história da Princesa da Povo volta a fascinar o público após a quarta temporada da série The Crown

Por Luccas Diaz Atualizado em 8 mar 2021, 19h51 - Publicado em 13 dez 2020, 06h02

Na série The Crown, uma ficção baseada na história da família real britânica, a princesa mais querida da dinastia Windsor dá finalmente as caras na quarta temporada. Interpretada pela atriz Emma Corrin, a história da Princesa Diana é recontada na produção da Netflix. As polêmicas e o fim trágico de Lady Di é apresentado para muitos pela primeira vez.

Desde a estreia da nova temporada do seriado, em novembro, as buscas por conteúdos relacionados à Princesa Diana, que nascera na família aristocrata Spencer e era professora infantil, cresceram significativamente nos mecanismos de busca. Em junho, a morte trágica da princesa voltou aos tópicos mais pesquisados depois de a rede de hackers Anonymous afirmar que a ato não fora um acidente, e, sim, um assassinato planejado.

No vídeo abaixo, o momento em que o acidente de Diana, no centro de Paris, foi anunciado na Rede Globo pelo narrador Galvão Bueno durante o jogo de sábado entre o Fluminense e o Santos.

Diana se tornou a princesa de Gales após se casar com o Príncipe Charles, o primogênito e herdeiro da Rainha Elizabeth II e sua a família real foi sempre alvo de análises e teorias da conspiração. Lady Di, que também era conhecida como a ‘Princesa do Povo’ ou ‘A Princesa das Causas Nobres’, era vista como uma rebelde que não se enquadrava aos protocolos estabelecidos pela realeza e era perseguida pelos tabloides e programas de fofoca. Suas atitudes filantrópicas e seu jeito tímido, gracioso e simples são abordados na série e conversam diretamente com as recentes decisões do seu mais novo filho, o Príncipe Harry, de viver de forma independente da Coroa.

As referências têm gerado tanta polêmica que o ministro da Cultura do Reino Unido chegou a solicitar que a Netflix inserisse um aviso de “ficção” antes da reprodução do seriado. A plataforma de streaming, porém, disse que não há planos para a inserção de nenhuma mensagem.

Se fascinar com a história de Diana ao assistir The Crown talvez seja inevitável para a geração que acompanha Meghan Markle e descobre que ela não foi a pioneira no quesito “rebeldia na realeza”. O GUIA separou 6 documentários para quem quer mergulhar na vida de Lady Di e ver por diferentes prismas os principais acontecimentos de sua vida.

Lady Di: Suas Últimas Palavras (2017)

Quem melhor para falar de Diana do que ela própria? Esse documentário do National Geographic usa entrevistas inéditas e vídeos pessoais gravados durante as aulas de voz da princesa para recontar os principais acontecimentos de seu conturbado casamento com o Príncipe Charles. A união, que, na época, ficou conhecida como o ‘Casamento do Século’, não demorou para ruir, o que contribuiu para o declínio da saúde de Diana. Em cada passo de sua vida vigiada pela mídia, a princesa apresentava quadros de depressão, bulimia e tendências suicidas.

Disponível em: Netflix e Disney+

A História de Diana (2017)

The Story of Diana
Netflix/Reprodução

Essa série documental aborda, em dois episódios, as relações interpessoais de Diana. Amada pelo povo, perseguida pela mídia e vigiada de perto pela família real, Diana era tida como uma pessoa solitária, reservada e introspectiva. Nessa série, seu irmão Charles e outras pessoas que viveram próximas da princesa relatam suas memórias de Lady Di.

Disponível em: Netflix

The Royal House of Windsor (2017)

Continua após a publicidade

Os historiadores que estudam a família real apontam Diana como o elemento final necessário para modernizar a imagem da realeza britânica. Sua trágica morte, em 1997, em um acidente de carro, contribuiu para que os rostos da família Windsor deixassem de ser ícones distantes e se tornassem parte de uma família humana, tão real e “normal” quanto qualquer outra. Os seis episódios da produção recontam a linha do tempo da dinastia e os principais acontecimentos que marcaram a família.

Disponível em: Netflix

 

Diana, 7 dias (2017)

Mesmo hoje, 20 anos depois, imaginar a morte de uma princesa é algo, no mínimo, intrigante. Assim como Meghan Markle é para a geração atual, Diana era um símbolo de modernidade, bondade, elegância e estilo. Sua morte, no dia 31 de agosto de 1997, em um carro que estaria fugindo de paparazzis, chocou o mundo e se tornou um dos principais momentos da história recente. Esse documentário mostra os 7 dias que precederam a morte da princesa, focando, principalmente, na sua figura pública global.

Disponível em: Globoplay

Diana (2013)

Nesse filme hollywoodiano que aborda os últimos 2 anos de vida da princesa, Diana é interpretada pela atriz Naomi Watts. Quando lançado, em 2013, o longa causou polêmica por abordar os relacionamentos amorosos de Diana de modo bem diferente das versões oficiais. Watts disse em uma entrevista que se preparou muito para o papel e chegava a sonhar com Diana durante as gravações:  “Às vezes sentia a presença de Diana (…) e em um determinado momento senti que ela me autorizava”.

Disponível em: Globoplay e Telecine Play

A Rainha (2006)

Mesmo Diana não aparecendo, o filme A Rainha serve como uma boa forma de entender a relação da princesa com o resto da família real. A rigidez e suposta apatia da Rainha Elizabeth II na semana que segue a morte da Princesa Diana é recontada nesse filme que rendeu o Oscar de Melhor Atriz para Helen Mirren.

Disponível apenas em DVD.

Prepare-se para o Enem sem sair de casa. Assine o Curso Enem do GUIA DO ESTUDANTE e tenha acesso a centenas de videoaulas com professores do Poliedro, que é recordista em aprovações na Medicina da USP Pinheiros.

Continua após a publicidade

Publicidade