Assine Guia do Estudante ENEM por 15,90/mês
Continua após publicidade

Enade não será mais usado para avaliar estudantes do primeiro ano do ensino superior

Exame será substituído pelo Enem; medida passa a valer a partir deste ano

Por da redação
Atualizado em 16 Maio 2017, 13h56 - Publicado em 9 fev 2011, 16h14

O Ministério da Educação (MEC) divulgou, na manhã de hoje, que a partir deste ano os alunos ingressantes no ensino superior que tenham prestado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) estarão dispensados do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), hoje aplicado a todos os estudantes ingressantes e concluintes de cursos de graduação.

– Confira os cursos com os melhores e os piores resultados no Enade 2009 ()

De acordo com a nota divulgada pela assessoria do MEC, a proposta parte da constatação de que o Enade realizado no fim do primeiro ano da graduação não é a melhor forma de avaliar o conhecimento do estudante recém-saído do ensino médio.

O Enade mede a qualidade do ensino superior oferecido. A cada três anos é avaliada uma das áreas do conhecimento – saúde, ciências agrárias e áreas afins; ciências exatas, licenciaturas e áreas afins; ciências sociais aplicadas, ciências humanas e áreas afins. Os resultados do exame são utilizados para a composição de índices de qualidade de cursos e instituições, como o conceito preliminar de curso (CPC) e o índice geral de cursos (IGC).

Busca de Cursos

Continua após a publicidade

LEIA TAMBÉM

– Notícias de vestibular e Enem

– Notícias de Enade

Publicidade
Enade não será mais usado para avaliar estudantes do primeiro ano do ensino superior
Enem
Enade não será mais usado para avaliar estudantes do primeiro ano do ensino superior
Exame será substituído pelo Enem; medida passa a valer a partir deste ano

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se você já é assinante faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

DIGITAL
DIGITAL

Acesso ilimitado a todo conteúdo exclusivo do site

A partir de R$ 9,90/mês

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.