Clique e Assine a partir de R$ 20,90/mês

Notas do Enem 2016 já estão disponíveis

Notas podem ser usadas para seleção de universidades através do Sisu, Fies e ProUni

Por redação Atualizado em 18 jan 2017, 13h27 - Publicado em 18 jan 2017, 11h29

enem-2016

O Ministério da Educação (MEC) divulgou, nesta quarta-feira (18), as notas do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2016.

Conforme o edital, os estudantes menores de 18 anos que não tenham concluído o ensino médio terão acesso aos resultados daqui a 60 dias. A medida tem como propósito impedir que estudantes nestas condições se candidatem a vagas em universidades antes de completar os anos escolares.

  • A divulgação dos resultados estava prevista para amanhã (19), mas foi antecipada esta semana para coincidir com o lançamento da consulta pública do ministério sobre o exame.

    No geral, foram 8.722 candidatos eliminados, dos quais 44,35% por não marcar o tipo de prova e não escrever a frase ou marcar mais de um tipo de prova e não escrever a frase. Na redação, apenas 77 alunos conseguiram a nota máxima, e 291.806 foram anuladas ou receberam nota zero.

    Continua após a publicidade

    Na primeira prova, foram 6.111.339 estudantes presentes, e 265.412 na segunda. Destes, 1.033.761 pediram certificação do ensino médio por meio do Enem. Outros 54.317 participantes eram privados de liberdade.

    Calendário

    As inscrições para o Sisu estarão abertas de 24 até 27 de janeiro. A partir desta quinta-feira (19) a consulta às bases de dados das instituições, com os cursos e vagas disponíveis, já poderá ser realizada. Estudantes poderão se inscrever para o ProUni entre 30 de janeiro a 2 de fevereiro e de 6 a 9 de fevereiro no Fies. Acesse aqui o calendário completo.

    A prova

    O primeiro exame foi aplicado nos dias 5 e 6 de novembro para mais de 6 milhões de candidatos. Devido às ocupações estudantis em parte dos locais de prova, em torno de 277 mil candidatos tiveram a prova remarcada para os dias 3 e 4 de dezembro.

    A nota do Enem é usada para selecionar estudantes para vagas públicas e privadas de ensino superior e ensino técnico pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), pelo Programa Universidade para Todos (ProUni) e pelo Sistema de Seleção da Educação Profissional e Tecnológica (Sisutec), respectivamente, além de ser exigência para financiamento pelo Fundo de Financiamento Estudantil (Fies).

    Continua após a publicidade
    Publicidade