logo-ge

11 filmes sobre personalidades que deixaram sua marca na história

Seja na música, no esporte, na moda, na ciência ou na política, estas figuras fizeram história em suas áreas

Diversas personalidades têm suas vidas atreladas a movimentos revolucionários, momentos decisivos para a humanidade, novas tendências e acontecimentos políticos. Seja para ter mais repertório na hora de redação, entender melhor fatos históricos ou mesmo para buscar uma inspiração para a vida, conhecer melhor a trajetória delas é extremamente útil e enriquecedor.

Por isso, separamos 11 filmes que exploram os altos e baixos de figuras que deixaram sua marca na história. Confira:

Steve Jobs (2015)

 (Divulgação/Divulgação)

O cofundador da Apple, uma das empresas mais lucrativas do mundo, revolucionou a maneira como nos relacionamos com a tecnologia e trouxe uma série de inovações para indústrias diversas. O filme, protagonizado por Michael Fassbender, foca em grandes momentos de sua vida, como o lançamento do Macintosh, em 1984, e do iPod em 2001.

Disponível no YouTube.

Malcolm X (1992)

 (Divulgação/Divulgação)

Dirigido por Spike Lee e protagonizado por Denzel Washington, o filme conta a história do líder Malcolm X, que lutou pelos direitos civis dos negros, nos Estados Unidos. Seu pai foi assassinado pela Klu Klux Klan e sua mãe, internada por insanidade. Aos 20 anos, foi preso e se converteu ao islamismo. O ativista considerava o uso de violência um recurso legítimo de autoproteção. A obra aborda toda sua trajetória desde a infância até seu assassinato em 1965, aos 39 anos.

Disponível no NOW.

Frida (2002)

 (Divulgação/Divulgação)

Considerada uma das artistas mais importantes da história do México, Frida Kahlo (Salma Hayek) teve uma trajetória singular repleta de altos e baixos. Além de mostrar sua carreira e as dificuldades que enfrentou devido à paralisia infantil e a um grave acidente aos 18 anos, a obra explora o casamento aberto que Frida teve com o pintor Diego Rivera e seu caso extraconjugal com o  líder bolchevique Leon Trótski.  

Disponível no YouTube.

Coco Antes de Chanel (2009)

 (Divulgação/Divulgação)

A obra explora a vida pessoal e a construção da carreira da estilista francesa Gabrielle Chanel (Audrey Tautou). Ela revolucionou o mundo da moda e rompeu um grande paradigma ao usar roupas até então considerada masculinas. Chanel criou um império renomado até hoje e foi considerada uma das cem pessoas mais importantes da história do século 20 pela revista Time

Disponível no Globoplay.

Mandela: Longo Caminho para a Liberdade (2013)

 (Divulgação/Divulgação)

O filme é inspirado na autobiografia de Nelson Mandela (Idris Elba). Em 10 de maio de 1994, ele assumiu a presidência da África do Sul e colocou fim aos quase 50 anos de apartheid, regime que defendia a segregação racial no país. Antes disso, havia passado 27 anos da prisão por lutar contra o racismo. Em 1993, Mandela ganhou o Nobel da Paz.

Disponível no Google Play.

Ali (2001)

 (Divulgação/Divulgação)

Considerado o maior lutador da história, Muhammad Ali foi tricampeão dos pesos pesados e um grande ativista. Além de ser um símbolo contra o preconceito contra negros, Ali recusou-se a lutar na Guerra do Vietnã após ser convocado. Isso desencadeou uma série de consequências para o pugilista, incluindo a perda do cinturão e ameaças de prisão, mas ele manteve seu posicionamento.

Will Smith assumiu a responsabilidade de interpretá-lo no cinema. O filme vai além de sua vida nos ringues e aborda sua conversão ao islamismo, a amizade com Malcolm X e uma das disputas mais famosas de sua carreira. 

A Teoria de Tudo (2014)

 (Divulgação/Divulgação)

O longa é baseado na biografia do cientista britânico Stephen Hawking (Eddie Redmayne). Considerada uma das mentes mais brilhantes do mundo, ele foi diagnosticado com esclerose lateral amiotrófica (ELA), aos 21 anos. A doença paralisou os músculos do seu corpo, mas não comprometeu suas funções cerebrais. Ele é responsável por uma série de descobertas no ramo da astrofísica. O filme também apresenta seu romance com Jane Wide, interpretada por Felicity Jones, com quem o cientista foi casado por quase 30 anos.

Disponível na Netflix.

O Garoto de Liverpool (2009)

 (Divulgação/Divulgação)

O Garoto de Liverpool mostra a juventude de John Lennon (Aaron Taylor-Johnson), passando pela época em que se aproximou do rock n’ roll, formou sua primeira banda (The Quarrymen) e conheceu Paul McCartney. Embora todo esse lado da sua vida seja apresentado no filme, o maior foco está em sua relação com duas figuras: sua mãe, que o abandonou ainda criança, e sua tia, que o criou. Além da música, a trajetória de Lennon se ligaria posteriormente a um forte ativismo.

Disponível no Looke.

A História de Rosa Parks (2002)

 (Divulgação/Divulgação)

Em 1955, Rosa Parks (Angela Bassett), ativista negra pelos direitos civis, foi presa por se recusar a ceder seu lugar a um homem branco em um ônibus em Montgomery, no Alabama (EUA). Na época, com a segregação racial institucionalizada, os passageiros negros eram obrigados a ocupar apenas os últimos assentos nos ônibus e, se preciso, dar seus lugares a passageiros brancos. Sua atitude se tornou um marco na luta pela defesa dos direitos civis do negros.

Getúlio (2014)

 (Divulgação/Divulgação)

Getúlio Vargas (Tony Ramos) assumiu a presidência do Brasil em 1930 e conduziu o país durante um período caracterizado pelo desenvolvimento industrial e pela ampliação dos direitos trabalhistas. Seu governo, que durou até 1945, foi marcado ainda pelo período ditatorial do Estado Novo, período de forte autoritarismo.

A obra foca nos seus últimos dias de vida, enquanto o político estava envolvido em uma grande crise política após o atentado contra o jornalista Carlos Lacerda, até seu suicídio em 1954.

Disponível na Netflix.

A Dama de Ferro (2011)

 (Divulgação/Divulgação)

Em uma atuação impecável de Meryl Streep, e que lhe rendeu mais um Oscar de Melhor Atriz, neste filme conhecemos a fundo a história de Margaret Thatcher. A política assumiu o cargo de primeira-ministra do Reino Unido entre 1979 e 1990. Ela enfrentou uma série de dificuldades por se destacar em um meio dominado por homens na época e adotou medidas impopulares em prol da recuperação do país, o que dividiu opiniões sobre seu legado.

Um dos maiores marcos de sua trajetória foi estar no poder durante a Guerra das Malvinas, quando a Argentina reivindicava a soberania do arquipélago, que é posse britânica.

Gandhi (1982)

 (Netflix/Divulgação)

O advogado Mohandas Gandhi (Ben Kingsley) fez história ao se impor contra o domínio britânico na Índia. Ele defendia manifestações pacíficas e ficou conhecido internacionalmente por seus ideais e sua maneira de resistir às injustiças ao seu redor.

O filme que conta a história do ativista foi indicado a 11 categorias no Oscar e levou 8 estatuetas, incluindo Melhor Filme e Melhor Ator.

Disponível na Netflix.

Prepare-se para o Enem sem sair de casa. Assine o Curso Enem do GUIA DO ESTUDANTE e tenha acesso a centenas de videoaulas com professores do Poliedro.