logo-ge

20 músicas para absorver biologia!

reativity is Intelligence having fun

Aqui na redação do GUIA, temos tentado pensar cada vez mais em músicas que sejam bacanas de se escutar mas que, também possuam um viés musical e divertido! Desta vez, levantamos a questão: será que há melodias que ajudem a absorver os conteúdos de biologia? Pesquisamos e conversamos com a professora Aline Ribeiro atrás de sons bacanas que tragam ou em sua mensagem, ou na letra alguma lição para os estudantes que querem aprender um pouco mais sobre a ciência que estuda os seres vivos.

As 20 músicas que encontramos estão nesta lista:

1) Spyro Gyro – Jorge Ben Jor

Na música, Jorge se refere à spyro gyro como “um bichinho bonito que dá na água” – o que vem a ser o plâncton, ou, popularmente: as algas. Espirogira é o nome cientificamente correto para este gênero de algas verdes, que vive em ambientes de água doce e se locomove principalmente pela correnteza.

2) Luz do Sol – Caetano Veloso

Nesta poética canção de Caê, talvez o significado passe batido, mas se ouvirmos com atenção e analisarmos a letra, conseguimos notar um processo importantíssimo – e encantador – da biologia: a fotossíntese. É o procedimento pelo qual as plantas sintetizam compostos orgânicos a partir da presença de luz, água e gás carbônico. A partir dela, estes organismos produzem seu próprio alimento.

3) O Rouxinol – Gilberto Girl

Este pequenino pássaro é o tema central da música de Gil. O resgate de um animalzinho machucado pelo intérprete dá início à letra, que segue narrando o canto roqueiro a ave desenvolve, até a sua fuga.

4) Passaredo – Chico Buarque

Cheia de referências à natureza e tipos de pássaros, esta canção também aborda o cuidado que tais animais devem ter com o homem e sua ganância.

5) Espatódea – Nando Reis

Gineceu, flor de pólen. Aparentemente romântica, esta música foi feita para expressar o amor de Nando por sua filha, Zoé, porém fala de botânica e genética também.

6) Planeta Água – Guilherme Arantes

Um dos clássicos do rei dos hits de telenovelas, esta canção aborda o ciclo da água e sua crescente poluição.

7) Masculino E Feminino – Pepeu Gomes

Animada, esta canção dos anos 80 é ótima para lembrar das questões de gênero, sexualidade de sistema reprodutor humano.

8) Xote Ecológico – Falamansa (Gonzaguinha)

Original de Gonzaguinha, essa música trata das diversas dificuldades que o meio-ambiente sofre há anos: plantas que não nascem, flores que desabrocham e peixes que deixam de viver, assim como o verde da natureza.

9) Absurdo – Vanessa da Mata

Mato-grossense, Vanessa canta a autodestruição humana, munida pela ambição. “Essa imagem infértil do deserto/Nunca pensei que chegasse aqui”. Na opinião da cantora, quem perde somos nós, indivíduos.

10) Zé Meningite – Grupo Revelação

Ao escutar a música, chega a dar pena do tal Zé Meningite: tantas doenças ele contrai ao decorrer dos versos. Febre amarela e conjuntivite, derrame cerebral, coqueluche faringite são apenas algumas das patologias que Zé desenvolve.

11) As Baleias – Roberto Carlos

Sofrida, esta composição fala da extinção provocada pelas ações descabidas do homem, como a caça.

12) O Pulso – Titãs 

Com autoria de Arnaldo Antunes, este som tem uma enorme quantidade de doenças, em conjunto a sentimentos como ciúme, raiva e rancor. Ideal para separar a estudar as patologias por grupos ou simplesmente despertar a curiosidade.

13) Panorama Ecológico – Erasmo Carlos 

Citando o nome de diversas flores, Erasmo ajuda a estudar ecologia e a sistemática zoológica nessa obra.

14) Mata Atlântica – Nengo Viera

“Quando Cabral chegou e aqui ele encontrou/ Prata beleza ouro, Pau Brasil/ E sem falar do índio dono desse lugar/
Homem da nossa Terra não tem onde morar”

Este reggae  é uma crítica direta ao desmatamento e à pouca atenção que o homem despende às matas atlânticas.

15) Amazônia – Roberto Carlos

Mais uma canção do rei Roberto que tem um viés ecológico: “Sangue verde derramado/ O solo manchado/
Feridas na Selva/ A lei do machado”. O pouco cuidado, carinho e preocupação que temos com a Amazônica gera impactos e consequências, e é sobre isso que Roberto canta.

16) Metamorfose Ambulante – Raul Seixas 

À primeira ouvida, esta parece ser mais uma música sem nexo feita pelo nosso maluco beleza. Contudo, é bem possível aprender sobre o ciclo de vida dos animais.

17) Caatinga – Paulo Soares e a Terceira Cidade

No time das canções que falam de biomas brasileiros, Caatinga certamente tem seu espaço. Este conjunto de ecossistemas, exclusivamente brasileiro, é predominante no Nordeste do país – local que Paulo conhece bem.

18) Samba dos Animais – Jorge Mautner

A evolução humana e a relação mais estreita com os animais são o grande mote desta música de Mautner.

19) Mãe Natureza – Armandinho

Uma realidade de areia, sol, mar e bichinhos: é com tudo isso que Armandinho sonha enquanto canta este ode à mãe natureza.

20) Natureza Distraída – Toquinho

Tida como música infantil, esta letra de Toquinho aborda a biodiversidade, o crescimento – de plantas e pessoas – e a importância do sol, do amor e do ar para a sobrevivência.