Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês

Divirta-se com o clássico “A Divina Comédia”, agora na versão em quadrinhos

Por Redação Atualizado em 16 Maio 2017, 13h54 - Publicado em 6 jul 2011, 12h00

Quando um livro escrito no século 14 é conhecido até hoje pelo público e considerado um clássico, é porque boa coisa ele deve ser, certo?

Assim é “A Divina Comédia”, do escritor italiano Dante Alighieri, que narra as aventuras do próprio autor e de seu guia Virgílio no além, passando por Céu, Inferno e Purgatório.

O livro, escrito entre os anos de 1304 e 1321, pode assustar muita gente pelos seus 14.233 versos hendecassílabos (sim, o livro inteiro é um grande poema!) e sua linguagem que não é das mais acessíveis.

Por isso que dois lançamentos em quadrinhos contando a história do livro podem ajudar a conhecer um grande clássico de maneira divertida e ainda descansar um pouco a cabeça das dezenas de apostilas.

Na HQ do designer americano Seymour Chwast, a aventura de Dante ganha um clima noir (sombrio, como nos filmes franceses do estilo). Ele dá tom bem autoral à versão do clássico, abusando de ilustrações criativas e complexas, fazendo jus ao cenário caótico e delirante do mundo dos mortos. “A Divina Comédia de Dante” saiu pelo selo Quadrinhos na Cia, da Companhia das Letras.

Já a versão em quadrinhos da Editora Peirópolis é mais narrativa e apegada ao texto original de Dante. “A Divina Comédia em Quadrinhos” foi feita pelo quadrinista italiano radicado desde 1992 no Brasil Piero Bagnariol, com roteiro de seu pai, Giuseppe Bagnariol. As ilustrações são aquarelas inspiradas em quadros de pintores que também beberam da obra de Dante, como Sandro Botticelli.

O livro de Dante é um clássico por ser um dos poucos textos literários da Idade Média que continuam a ser lidos em vários idiomas até hoje. Vale muito a pena conhecer sua história, que ilustra o modo como a sociedade medieval via e tratava as questões sociais e religiosas. Sem dúvida, ótima chance de estudar essa parte da história com um enredo curioso e envolvente.

Continua após a publicidade

Publicidade