logo-ge

No Amazonas, alunos ganham lanchas para ir à escola

Iniciativa da Marinha e de fundo para educação entregou cinco lanchas a municípios carentes

da redação

Muitos alunos nas grandes cidades brasileiras vão à escola de perua escolar. Mas há quem não vá a pé ou sob quatro rodas, mas sim de barco. Assim é a rotina dos alunos de vários municípios do Amazonas e do Norte do país.

Foi pensando na carência de meios de transporte seguros e adequados de algumas dessas comunidades que a Marinha, junto com o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), entregou lanchas escolares a três municípios amazonenses nesta segunda-feira (28).

Iranduba e Manaquiri receberam duas lanchas cada, enquanto São Paulo de Olivença recebeu uma. Segundo o coordenador-geral do programa, José Maria Rodrigues de Souza, o objetivo é entregar ainda neste ano 120 lanchas. “O nosso maior interesse é que essas crianças possam frequentar as aulas com a maior segurança e conforto possíveis”, disse.

Ele informou que o programa pretende completar a entrega das embarcações até 2011 e que a meta é abranger todos os municípios das regiões Norte e Nordeste. Ele lembra que só na Região Norte são cerca de 300 mil alunos que utilizam esse meio de transporte para estudar.

 

+ Escolas rurais vão emprestar bicicletas para aluno ir à aula

O projeto Caminhos da Escola é resultado de acordo firmado entre o FNDE e a Marinha e prevê a entrega de 600 embarcações até o fim do programa.

As lanchas escolares contam com itens especiais de segurança, como coletes salva-vidas, extintores de incêndio, radiocomunicador, luzes de navegação e sirene. Cada embarcação tem capacidade para transportar até 20 alunos e conta com uma vaga para deficiente físico.

*com informações da Agência Brasil

LEIA TAMBÉM
+ Notícias de vestibular
+ Notícias de Enem