logo-ge

Por dentro de um submarino alemão da Primeira Guerra Mundial

Foi a atuação desse tipo de submarino contra embarcações americanas que levou os EUA à guerra

Se você está com os estudos de História em dia, sabe que a Primeira Guerra Mundial foi a pioneira na utilização de tecnologia avançada em armamentos. Até o século 19, as guerras eram lutadas em terra, dependendo quase exclusivamente da infantaria. Daí veio a Primeira Guerra e mudou tudo: pela primeira vez, eram usados aviões, submarinos, metralhadoras potentes.

uboat-1
(Foto: Mashable/Tyne & Wear Archives & Museums)

Mas os combatentes não eram experientes nesse novo tipo de combate. E a falta de controle sobre o novo poder de destruição, somada às condições insalubres das trincheiras, gerou um saldo de mortes até então avassalador: 10 milhões de mortos e 20 milhões de feridos. Os números impressionam – e entristecem -, até pensarmos que a Segunda Guerra dizimou seis vezes mais do que isso, mas aí já é outra história….

O que vamos mostrar neste post é diferente: o interior de um submarino alemão, da época de 1915, denominado de unterseeboote (U-boat em inglês), que tinha como objetivo engajar com força total a luta contra os Aliados e a potência marítima que era a Inglaterra. Foi a atuação desse tipo de submarino contra embarcações americanas que levou os EUA à guerra, por exemplo.

>> 100 anos da Primeira Guerra: 11 invenções surgidas com o conflito

uboat-2
Sala de controles elétricos. (Foto: Mashable/Tyne & Wear Archives & Museums)

uboat-8
Compartimento com armários da tripulação. (Foto: Mashable/Tyne & Wear Archives & Museums)

uboat-9
Compartimento de emissão de torpedos. (Foto: Mashable/Tyne & Wear Archives & Museums)

uboat-14
Compartimento dormitório. (Foto: Mashable/Tyne & Wear Archives & Museums)

uboat-22
Sala de controle do submarino. (Foto: Mashable/Tyne & Wear Archives & Museums)