Assine com até 65% de desconto

3 reflexões que podem te ajudar a entender o seu propósito

Veja maneiras de descobrir seu propósito profissional

Por Redação Atualizado em 30 nov 2020, 17h23 - Publicado em 20 nov 2020, 08h02

Uma das atrações do evento online Conexão Mercados, promovido pela Fundação Estudar com o objetivo de conectar talentos a empresas de diversos setores, foram bate-papos sobre carreira. Um deles, o talk de abertura, teve como tema Propósito, felicidade e carreira. Mediado por Anamaíra Spaggiari, CEO da organização, contou com a participação de Roger Koeppl, Líder Estudar, fundador e diretor presidente na cooperativa YouGreen e Sofia Esteves, fundadora e presidente do conselho do Grupo Cia de Talentos/Bettha.com.

Da conversa, o Na Prática extraiu três reflexões que podem ajudar a desenvolver o autoconhecimento no que toca à carreira, assim como as ideias trazidas pelos convidados em cada uma delas.

#1 Como definir o que se quer da carreira?

“É preciso se permitir experimentar. É muito difícil decidir começando a carreira”, diz Roger. “Você tem que se permitir, mas não de uma forma rasa, como vejo acontecendo muito. Não é em questão de meses que você aprende cultura, o que quer fazer. [O melhor é] Ir mais fundo que conseguir nesta experiência, colher resultados e aí ver o que quer. Com isso você vai tendo respostas e trilhando o caminho.”

A fundadora do Cia de Talentos. concorda. “Muita preocupação do jovem hoje em escolher e ficar esperando uma coisa idealizada. Você tem que se jogar nas oportunidades que aparecem. Fui recepcionista, vendedora de loja de móveis. Nunca sonhei aquilo mas era o que eu precisava. Em cada uma das experiências você aprende sobre si mesmo. Fui na loja de móveis que eu aprendi o valor da comunicação da interação olho no olho, de dizer a verdade para o cliente”, lembra.

“No início de carreira deveríamos nos jogar mais nas oportunidades que batem à porta. Devemos focar na experimentação e não ficarmos nos comparando, pressionados e pautados pelos desejos dos outros. Escolhas são muito individuais, solitárias. E às vezes você vai tomar uma escolha diferente do que os outros querem pra você.”

#2 O que ajuda a descobrir o propósito?

Para Roger, todo mundo tem um propósito inerente. “Mas a forma com que descobrimos ele – falo por experiência própria – costuma ser pelas dores que se sente. Sempre me doeu a questão da desigualdade.

Existem várias maneiras [de entender melhor qual é seu propósito], mas essa é uma, por isso autoconhecimento é tão importante. Investigue seu propósito, não é algo que bate à porta, é uma construção.”

Continua após a publicidade

Sofia destaca a importância dessa reflexão. “Se você não está refletindo sobre propósito, você está passando pela vida. Não espere fora de você a resposta.”

#3 De onde vem a felicidade profissional?

Os dois convidados apontem visões diferentes, mas complementares, sobre a origem da felicidade na carreira. Segundo Sofia, “felicidade é um estado de espírito interno e nosso. Não adianta buscar que os outros te tragam felicidade”, inclusive a vida profissional.

Roger, por sua vez, destaca o papel da disciplina e resultado na felicidade profissional. “Tem a história de que a disciplina traz a motivação e a motivação, a disciplina. E é muito gratificante ter resultado. Felicidade no trabalho não é escorregador colorido, puff estampado. Isso é cosmético, já está inclusive começando a entrar em decadência. Concluir ou alcançar resultados pode se traduzir em algum tipo de felicidade.

Outra dimensão é sentir ‘Puxa, o que eu faço importa’, sentir que a função social é relevante para a sociedade.”

Anamaíra complementa: “Propósito dá sentido, significado, alimenta a alma, traz felicidade, dá realização e dá resiliência para o que vai ser difícil, também faz te fazer superar os desafios.”

Este texto foi originalmente publicado no portal Na Prática, parceiro do Guia do Estudante.

Quero Bolsa | Graduação, pós-graduação e técnico: bolsas de estudo com desconto de até 75% em mais de 1100 faculdades em todo o Brasil. Saiba mais!

Continua após a publicidade
Publicidade