logo-ge

Como está o mercado para Engenharia de Materiais?

Orientador profissional esclarece

Há espaço no mercado e demanda para um engenheiro de materiais?
Enviado por Graziela Pentean

O profissional de Engenharia de Materiais, fazendo valer de seu conhecimento de física e química, desenvolve novos materiais para diversos usos. Além disso, projeta o uso de materiais já conhecidos em novas soluções industriais. Sua ação se dá sobre a pesquisa e criação de matérias prima nas áreas de resinas, plásticos, cerâmicas e liga metálica.

Segundo o GUIA DO ESTUDANTE, a profissão acompanha o bom momento da economia brasileira e da indústria, em específico. A profissão também está bastante relacionada à pesquisa de materiais que sejam menos agressivos ao meio ambiente, como novas opções para substituir as velhas sacolas plásticas dos supermercados.

São três as áreas de atuação do engenheiro de materiais: cerâmica, metais e polímeros. Hoje, pode-se dizer que o mercado esta aberto a este profissional, mas esta informação deve ser observada com certo cuidado.

O mercado de trabalho não é, como qualquer outro mercado, estável. Mudanças ocorrem, em função de inúmeras variáveis tais como quantidade de profissionais disponíveis no mercado, crise ou pujança econômica internacional, mudanças tecnológicas e outras circunstâncias.

Leia mais:
– Faça o teste e veja se Engenharia de Materiais é o curso ideal para você!

– Como é o trabalho de um engenheiro de materiais?

– Experiência e maturidade são fatores levados em conta?