logo-ge

“Faço pós em Neuropsicopedagogia ou graduação em Psicologia?”

Você pergunta, nossos orientadores respondem

Olá a todos! Sou formada em Pedagogia e estou em dúvida se faço pós-graduação em Neuropsicopedagogia para clinicar ou uma nova graduação em Psicologia clínica. Qual das duas possui mais chances no mercado de trabalho?

Sandra Silva

Por JULIANA RISSARDI, sócia-consultora da People & Results 

Olá, Sandra, 

Os temas que você está em dúvida podem ser muito parecidos dependendo do foco que você quer dar para sua carreira. Portanto, antes de se perguntar sobre as chances no mercado de trabalho sugiro que você reflita sobre com qual público eu gostaria mais de trabalhar.

Isso porque na Neuropsicopedagogia você trilhará um caminho voltado para o público infantil. Já quando falamos de Psicologia estamos falando de um público mais amplo. Você também pode se especializar em atender crianças no consultório, por exemplo, e precisará entender de neuropsicologia, que estuda o comportamento humano e suas consequências. 

Portanto, para que você tenha prazer e seja feliz fazendo o que você quer, minha recomendação é que você pense exatamente com qual público você quer interagir e assim buscar a formação mais adequada para você aprimorar seu conhecimento e conseguir atuar de fato na área que você tem mais talento. 

Boa sorte!

People & Results

Empresas são feitas de profissionais. São eles que constroem, transformam e perpetuam a cultura corporativa. Quando colocadas em posições que exigem aquilo que cada um tem de melhor, alcançam desempenho superior, são mais felizes. Portanto, cuidar da cultura da empresa e da carreira é peça fundamental na gestão de pessoas e para o sucesso nos negócios. Em suma, pessoas e resultados são o nosso negócio.
(A consultoria, especializada em carreira e cultura organizacional, responderá periodicamente as dúvidas dos leitores do GE).