Clique e assine GE Play por R$16,90

Gosto de Medicina, mas tenho receio dos horários de trabalho na profissão. O que fazer?

Orientador profissional esclarece

Por Redação - Atualizado em 16 Maio 2017, 13h48 - Publicado em 28 out 2011, 09h59

Sou apaixonada por Medicina e também por áreas de tecnologia. Sempre quis ser médica, mas meu receio é quanto aos horários. Não quero ser escrava da minha profissão. Fotografia e Design são coisas que também me fascinam, mas não conheço muito bem o mercado de trabalho nesses setores. Qual curso escolher?
Enviado por Isabela David Cardoso

As escolhas que uma pessoa realiza envolvem diferentes fatores, como oportunidades concretas que se apresentam para sua realização e intensidade de esforços que ela quer e pode dedicar para o alcance de seus objetivos.

Escolher envolve a negociação entre variáveis como as apontadas em sua pergunta: ritmo de trabalho, mercado, interesses pessoais. Requer reflexão sobre valores pessoais e os riscos que pode correr em seu projeto profissional. Note que toda escolha envolve riscos que devem ser encarados racionalmente, mas também com coragem e responsabilidade. Não há resposta única e que valha para todas as pessoas.

Procure ampliar as informações sobre as profissões elencadas e outras que lhe pareçam próximas. Investigue carga de atividades desde as pertinentes ao processo de formação, campo e setores possíveis de atuação, remuneração, entre outros fatores. Resgate sua história pessoal, avalie valores e expectativas, desafios que deseja enfrentar. Ao final do processo, considere que um ato de coragem deverá ser realizado e que a escolha da profissão é apenas um primeiro passo para a construção maior de um projeto de vida.

Leia mais:
– Quero cursar Medicina, mas não quero ver cadáveres. O que faço?
– Como avaliar um curso de Medicina?

Continua após a publicidade
Publicidade