logo-ge

“Me formei, mas não no que eu queria”

Orientador profissional esclarece

Olá. Tenho 25 anos me formei em Direito, e agora estou estudando para obter a inscrição na OAB/RJ. Mas apesar de ter feito o curso, sempre tive interesse em fazer Biologia. Só não tentei antes por achar que o mercado de trabalho é muito restrito e por pressão da minha família. Agora, porém, quero procurar fazer o que gosto. Será que ainda vale a pena? Sou gerente júnior de uma Administradora de Imóveis. Me ajudem, por favor. Obrigada.
Enviado por Vanessa Martins

Será que vale a pena iniciar um novo curso? Só você poderá responder. A orientação profissional, como já foi dito em outra reposta desta seção, não é uma atividade de vidência, onde se preveria o futuro de uma pessoa.

Uma escolha em última instancia é fruto de um “ATO DE CORAGEM”. Implica em ganhos e perdas, envolve projeto de vida, pressupõe o enfretamento de riscos. Em ultima instância a escolha é estabelecimento de um compromisso (muito sério) consigo mesmo, de batalha por sua efetivação, com armazenagem para enfrentar os desafios e percalços. Com energia para correr atrás…

Você terá que negociar consigo mesma: o que significa começar um novo curso? quais os impactos positivos e negativos desta opção? O que você deverá abrir mão para realizar esta decisão? Está disposta a correr riscos, já que nada garante que vai ou não dar certo? Como vai lidar com as pressões que necessariamente vai sofrer?

Há ditados usados por pessoas mais “comodistas” que dizem que “mais vale um pássaro na mão do que dois voando”. Outras afirma que “a pessoa é do tamanho de seu sonho”, como diz Fernando Pessoa. Com qual tipo de pessoa você se identifica?