Clique e Assine a partir de R$ 20,90/mês

Para fazer Obstetrícia é necessário ser graduado em Medicina?

Orientador profissional esclarece

Por Redação Atualizado em 16 Maio 2017, 13h27 - Publicado em 30 Maio 2012, 14h49

Para fazer obstetrícia é necessário ser graduado em Medicina e depois fazer uma especialização? Se não, que curso devo fazer?
Enviado por Camila Ichii

A Obstetrícia é uma especialidade médica, como a Oncologia, a Cardiologia, Pediatria etc. Como ocorre com qualquer especialidade médica, o graduado em Medicina (curso de seis anos) deve passar pelo processo de “residência médica”, por um período que pode variar de 2 de 4 anos. Esta etapa é desenvolvida em contato direto com a prática da especialidade em hospitais. A especialidade também pode ser conquistada por meio de cursos de especialização que finalizam o processo com uma prova da associação médica da especialidade estudada para então ter o título de médico obstetra reconhecido.

O profissional de Enfermagem também tem como possibilidade de especialização em obstetrícia. Há também a graduação específica em Obstetrícia, oferecida apenas pela Universidade de São Paulo (USP Leste), com duração de quatro anos e meio. Este profissional também é voltado para os cuidados da saúde da gestante e do bebê nos períodos pré e pós-natal; no entanto suas atribuições são mais limitadas que as do médico, bem como sua remuneração média. É uma formação ainda recente e passa por avaliação crítica no momento. Há um ano foi cogitado seu encerramento.

Leia mais:
– Humanas, biológicas ou exatas – Qual área devo seguir?
– Medicina é a melhor carreira para mim?


– Será que o curso de Enfermagem é o mais indicado?

Continua após a publicidade
Publicidade