logo-ge

Posso fazer Design de Moda sem saber desenhar?

Orientador profissional esclarece

Quero fazer um curso de Design de Moda. Sei costurar e já me disseram que tenho muita criatividade, mas não sei desenhar. Eu deveria me preocupar e fazer um curso de desenho?
Enviado por Bruna

A formação em Moda oferece duas modalidades de curso superior: tecnológica e bacharelado. Entre as diferenças, pode-se apontar a maior duração do bacharelado (em média 4 anos em relação a dois anos no curso tecnológico), bem como maior presença de matérias teóricas.

O bacharelado contém mais matérias ligadas ao design de moda. Há pessoas que ingressam no curso com habilidades ligadas a desenho mais desenvolvidas, outras menos. As que desenham menos podem aproveitar as disciplinas do curso ligadas a este setor para também desenvolverem seu traço.

Melhorar sua produção gráfica – o que pode ser desenvolvido durante a graduação, como já apontado – pode ajudar a atuar na área de criação. Porém, considere que há muitos outros conhecimentos envolvidos nesta área profissional, tais como estilismo, história da arte e da moda, aspectos gerenciais da produção de vestimentas, elementos culturais relacionados a tendências regionais.

O profissional pode atuar em diferentes etapas do processo de produção, tais como criação, manufatura, comercialização e crítica ligada à moda.

Os cursos de moda oferecem duas modalidades de formação: a) estilismo; b) modelagem. No estilismo, o objetivo é a criação de novos conceitos, coleções, acessórios e estampas. No de modelagem, se objetiva o desenvolvimento de moldes para a indústria.

Algumas faculdades em seus processos seletivos exigem o desenho como pré-requisito e outras não. O desenho necessário para o exercício profissional pode ser aprendido durante o curso universitário segundo algumas instituições que oferecem o curso. Leia nas instruções do processo seletivo se a faculdade que lhe interessa exige ou não o desenho no vestibular.

Há cursos tecnológicos que focam aspectos ligados à criação (como o acompanhamento dos modelos criados para que estejam em harmonia quanto ao conceito de uma determinada coleção) e outros mais voltados aos aspectos administrativos, de acompanhamento da produção (garantindo a qualidade de execução das peças) e mercadológicos (fazendo a análise das condições de venda dos produtos).

Informe-se mais sobre as duas modalidades de curso e pesquise as grades curriculares das faculdades de seu interesse para maior clareza.

Leia mais:
– TESTE: Moda é o meu curso?
– Como entrar rápido no mercado de trabalho de Moda?