logo-ge

Qual é o futuro do mercado de trabalho para Economia?

Orientador profissional esclarece

Pretendo estudar Ciências Econômicas, mas estou em dúvida quanto ao futuro desta profissão no Brasil. Entrarei no curso no 2º semestre de 2014. Quando me formar, como será o mercado de trabalho nesta área?
Enviado por Felipe

As tendências de mercado para Ciências Econômicas devem ser analisadas com cuidado. Há diversas variáveis que influem no mercado de trabalho, como oferta de vagas nas universidades, prestígio social que as profissões podem conquistar, número de formados, desenvolvimento de novas tecnologias ou procedimentos em áreas específicas, investimento estratégico público, situação da economia geral e de setores específicos, entre outras.

O Brasil vive há alguns anos um período de crescimento econômico. Esse crescimento não pode ser considerado como acentuado, mas algumas áreas tiveram maior impulso que outras. É o caso do setor agroindustrial, que teve grande crescimento. Tal crescimento demandou diversos profissionais, inclusive economistas especializados na análise de atividades e mercados ligados à dinâmica própria da área.

Outros setores como o mercado financeiro e transações internacionais também operam com bons ventos. De forma geral o panorama é positivo. Mas lembre-se que outros fatores intervém na conquista de bons postos de trabalho como a construção de uma rede de contatos profissionais, realização de estágios, domínio de outras línguas, disposição para constante atualização por meio de cursos de pós-graduação, participação em congressos e feiras, cursos livres, workshops.

As tendências atuais podem sofrer modificações nos próximos 4 anos. Certeza total é impossível, portanto acostume-se com a idéia de que o processo é dinâmico e que você precisará sempre estar atento aos movimentos para poder melhor se adequar.

Leia mais:
– Economia é a carreira certa para você?
– Os 12 melhores cursos de Economia do Brasil