Clique e Assine a partir de R$ 20,90/mês

Quero cursar Medicina, mas não quero ver cadáveres. O que faço?

Orientador profissional esclarece

Por Redação Atualizado em 16 Maio 2017, 13h38 - Publicado em 9 Maio 2011, 15h15

Gostaria de cursar Medicina, mas tenho medo, pois não consigo ver cadáveres. O que eu faço?
Enviado por Danilo da Silva Ramalho

Você não apresentou os motivos que o atraem à carreira médica. Em outras palavras, por que você gostaria de ser médico? É uma pergunta que parece simples, mas que pode ter muitas respostas. Comece por tentar respondê-la, com muita reflexão e com o maior número de argumentos.

As escolhas que fazemos muitas vezes envolvem desafios. "Quero ser engenheiro, mas tenho dificuldades com cálculos"; "gostaria de ser enfermeiro, mas considero a remuneração abaixo do que gostaria"; "meu sonho é ser arquiteto, mas tenho dúvidas quanto a minha habilidade com desenho".

Estas são dúvidas muito mais comuns do que a maioria das pessoas pode imaginar. De fato, durante o curso de Medicina você terá que lidar com cadáveres como meio de investigar a constituição anatômica e fisiológica do corpo humano. Isto, no início é sempre difícil para a maioria dos estudantes, mas em pouco tempo passará a ser uma situação bem menos assustadora.

Entretanto esta é apenas uma parte dos desafios que encontrará em sua formação: outros são, por exemplo, a carga de estudos, a dedicação a um curso de período integral, as exigências de trabalhos e provas, a dedicação ao período de residência médica, entre outros.

Superar desafios deve estar associado a um profundo e legítimo objetivo a ser alcançado – estas são as principais alavancas para o salto desejado. Considere também que você poderá encontrar apoio nos colegas de curso e, caso necessário, buscar ajuda de profissionais especializados.

Leia mais:
Será que Medicina é o curso certo para mim?
Já faz Medicina mas está em dúvida se escolheu o curso certo?
Como avaliar um curso de Medicina?
Precisa ter dinheiro para fazer Medicina?

Continua após a publicidade
Publicidade