logo-ge

Será que me darei bem no curso de Química?

Orientador profissional esclarece

Tenho vontade de trabalhar em laboratorio analisando produtos. Pensei em fazer uma graduação em Química, mas não sou muito boa em matemática e sou péssima em fisica. Será que poderei me dar bem nessa graduação mesmo assim?
Enviado por Márcia Regina

Primeiro, vamos por partes. Em um curso de Química, você usará bastante o conhecimento em física e matemática, uma vez que o bacharelado em Química contém conteúdos ligados a cálculo, bem como às propriedades físico-químicas das substâncias (densidade, trocas de calor, viscosidade, etc). Além disso, as tarefas laboratoriais ligadas a esse curso exigem controles e rigor metodológico bastante apoiados em modelos matemáticos.

Apesar de precisar usar muito física e matemática no dia a dia da graduação de Química, considere que suas dificuldades podem ser superadas por meio de dedicação intensiva aos estudos, grupos de estudo e orientações dos professores, desde que seu objetivo seja motivador o suficiente.

Entretanto, se a sua vontade maior é pelo trabalho em laboratório, muito mais do que fazer propriamente um curso de Química, considere também que a análise e desenvolvimento de produtos por meio de experimentos e processos que envolvam atividades em laboratórios estão presentes em vários ramos do conhecimento. Desenvolvimento de medicamentos e cosméticos, análise de estrutura de materiais metálicos, da composição de solos, engenharia genética, análises clínicas de tecidos e substâncias orgânicas, são apenas algumas das possibilidades.

Nesse sentido, “trabalhar em laboratórios” não é uma exclusividade de químicos, mas pode ser também uma atividade rotineira e central de biólogos, médicos, biomédicos, farmacêuticos, físicos, engenheiros, biotecnólogos, entre outros.

Pesquise as profissões citadas acima, avalie as grades curriculares e sua disposição para enfrentar os desafios a enfrentar. E faça a sua escolha!

 

Leia mais:
– Saiba tudo sobre o curso de Química

– Quero trabalhar em laboratórios, e agora?