Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês

Sou criativo e engraçado mas não quero fazer Publicidade. Dicas?

Orientador profissional esclarece

Por Redação Atualizado em 16 Maio 2017, 13h26 - Publicado em 28 ago 2013, 21h11

Sou considerado não só por mim, mas também pelas pessoas que me rodeiam, uma pessoa engraçada, criativa e inteligente. Todos me recomendam Publicidade, porém não tenho muito interesse no curso. Pensei em fazer Tecnologia em Design Gráfico, mas peço a contribuição de vocês para saber quais outros cursos se encaixam ao meu perfil. Muito obrigado!
Enviado por João Vitor de Amorim

Suas características pessoais podem encontrar expressão em muitas profissões. Na verdade, não existe um “casamento perfeito” entre traços de personalidade e perfis profissionais, pois é possível exercer atividades diversas e com estilos pessoais diferentes em praticamente todas as profissões.

– Saiba tudo sobre o curso de Publicidade e Propaganda

 

Considere, portanto, que as possibilidades de escolha se ampliam enormemente. Comece por identificar aspectos da realidade sobre os quais mais se interessa, assuntos que lhe chamam a atenção. Procure identificar a origem de tais interesses em sua história pessoal e em sua vida escolar.

Identifique que valores pessoais você gostaria que estivessem presentes em seu exercício profissional: cuidar do bem-estar físico, social ou psicológico de outras pessoas, promover ideias ou produtos e convencer clientes ou consumidores de suas qualidades, desenvolver pesquisas para desenvolver novos conhecimentos científicos, envolver-se com a produção cultural e difundi-la da melhor forma, otimizar o funcionamento de organizações de trabalho públicas ou privadas, entre outras possibilidades.

Feita esta reflexão, lance-se a pesquisar o amplo universo de profissões existentes no Brasil, incluindo aquelas já assinaladas por você. Comece pela pesquisa que a seção “Profissões e Universidades” deste site oferece. Aprofunde a pesquisa consultando as grades curriculares dos cursos, conversando com profissionais das áreas (inclusive aqueles a quem eventualmente recepciona na empresa de recrutamento e seleção em que trabalha), consultando sites de associações e de conselhos profissionais. Avalie também aspectos como remuneração possível, caminhos para o desenvolvimento profissional, possíveis setores de especialização, estratégias e recursos necessários (como tempo, investimento financeiro, grau de dedicação aos estudos).

Munido destas informações e reflexões, converse com pessoas que considere lhe auxiliar na decisão como familiares, amigos, professores, considerando sempre que a escolha é um ato individual e que tais conversas podem colaborar para esclarecer dúvidas. Após este processo, você sentirá que sua escolha será embasada, refletida e consciente, diante da qual você assumirá os riscos próprios a qualquer processo de escolha.

Leia mais:
– Será que Publicidade é mesmo a carreira certa para mim?
– Você tem certeza de que quer fazer Publicidade?
– Qual é o meu nível de inglês: básico, intermediário ou avançado?

Continua após a publicidade

Publicidade