Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês

Tenho 31 anos e quero voltar a estudar, mas estou em dúvida: Farmácia ou Nutrição?

Orientador profissional esclarece

Por Redação Atualizado em 16 Maio 2017, 13h42 - Publicado em 12 jan 2010, 13h35

Sei o quanto estudar é importante, mas não me vejo novamente numa sala de aula durante quatro ou cinco horas prestando atenção em um professor. Não me dediquei aos estudos no momento certo, mas agora tenho uma filha e vejo a necessidade de dar exemplo e uma boa educação a ela. Porém, não tenho definida a área em que gostaria de atuar, nem sei se com minha idade (31 anos) eu seria aceita nessas áreas. Pensei no curso de Farmácia, porque dizem que é fácil para conseguir emprego.

Mas, como estou há algum tempo me dedicando aos afazeres domésticos, penso se não seria mais fácil obter sucesso fazendo nutrição. De repente, seria muito mais útil até para auxiliar minha família. Agradeço a atenção e peço por gentileza que me ajudem a escolher!
Enviado por Anônimo

É muito importante você definir o que pretende: fazer uma faculdade para adquirir habilidades e atuar profissionalmente ou fazer cursos que auxiliem na educação de seus filhos. Uma formação universitária pode ampliar horizontes, ajudar a compreender o mundo em que vivemos e ajudar a quebrar preconceitos. Logicamente, só isso já seria algo bem interessante para você e ajudaria na educação de sua filha. Entretanto, seria exagerado fazer um curso superior só para aprender a lidar corretamente com seus filhos. Existem cursos livres que cumprem muito bem esta função.

Tente se pensar como profissional, atuando no mercado de trabalho. Deixe um pouco de lado a contribuição que a profissão daria ao âmbito doméstico. Se optar por Farmácia, você pode se consultar com um nutricionista caso necessite fazer uma dieta balanceada. Caso opte por Nutrição, poderá recorrer a um farmacêutico quando necessário.

Publicidade