logo-ge

IFMS, Univates e IFBA abrem vagas de pós-graduação

Os cursos são voltados para profissionais da educação e de áreas diversas de Ciências Biológicas. Veja a agenda

IFMS abre curso de mestrado em educação

Com início previsto para o segundo semestre de 2018, o Instituto Federal do Mato Grosso do Sul (IFMS) abriu seu primeiro curso de mestrado, voltado para a área de Educação Profissional e Tecnológica. Para se inscrever no programa, é preciso acessar o site da instituição entre os dias 15 de fevereiro e 5 de março, anexar comprovante de graduação e desembolsar uma taxa de R$ 70. As provas de seleção ocorrem em abril. 

O instituto dispõe de 24 vagas para o curso, das quais metade são destinadas a funcionários. As provas serão presenciais e contarão com 30 questões objetivas e uma discursiva. O curso será ministrado a partir de agosto no campus de Campo Grande, sendo que o resultado na seleção será divulgado em junho. Durante as aulas, os estudantes terão 30% das atividades destinadas para a modalidade de educação a distância.

Univates tem vagas de mestrado e doutorado

 Universidade do Vale do Taquari (Univates) está com inscrições abertas para cursos de mestrado e doutorado, sendo três deles destinados às Ciências Biológicas, um com foco no Ensino da Educação Básica e um de mestrado com foco em Ensino de Ciências Exatas. Os alunos interessados podem se inscrever até o dia 20 de fevereiro. Para tanto, é preciso acessar o site do programa, preencher a ficha de inscrição e anexá-la junto com currículo, histórico escolar, carta de intenção e carta de recomendação. A taxa de inscrição é de R$ 95. 

Entre os cursos da área de Biológicas, há as opções de mestrado em Biotecnologia, Ambiente e Desenvolvimento e Sistemas Ambientais Sustentáveis. Os programas têm duração de 24 a 48 meses. Para mais informações, acesse o edital.

IFBA abre inscrições para especialização na área da educação

Com 40 vagas em aberto, o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Bahia (IFBA) tem inscrições para o curso de especialização em Educação Profissional, Científica e Tecnológica. Para se inscrever, os estudantes devem acessar o site da instituição até o dia 18 de fevereiro e desembolsar uma taxa de R$ 55, que deve ser paga através de boleto bancário. A seleção é feita a partir de uma prova dissertativa e análise curricular. 

Das vagas ofertadas, 30% são destinadas a profissionais da instituição e 25% são destinadas a cotistas, ofertadas a candidatos que se declararem indígenas, quilombolas, transexuais, transgêneros e travestis no ato da inscrição. Em caso de não preenchimento, as mesmas serão destinadas para o público geral. Para mais informações, acesse o edital