logo-ge

Museu Goeldi abre bolsas para pesquisa de nível superior

Inscrições vão até o dia 11 de dezembro

O Programa de Capacitação Institucional (PCI) do Museu Paraense Emílio Goeldi (MPEG/MCTI) abriu inscrições para o processo de seleção de bolsistas de longa duração. Os futuros bolsistas irão trabalhar nas dependências do Museu Goeldi, em Belém do Pará, com ingresso em janeiro de 2017

A instituição busca profissionais de nível superior, graduação e pós-graduação (títulos de mestre ou doutor), com o objetivo de elevar o potencial da pesquisa científica, tecnológica e de inovação e também capacitar pessoas para atuar na região amazônica, em áreas estratégicas do Museu Goeldi. Os candidatos podem concorrer a vagas em um dos seguintes temas estratégicos: “Biodiversidade e Evolução”; “Sistemas naturais e antropizados”; “Diversidade social e cultural”; “Comunicação e Educação de ciência na Amazônia” e “Biotecnologia e Inovação e Tecnologias de Informação”.

A modalidade PCI possui quatro níveis: para a bolsa PCI-DA, podem concorrer apenas profissionais com dez anos de experiência em projetos em P&D, ou com, no mínimo, dois anos de título de doutor – ou ainda com, no mínimo, quatro anos de titulação de mestre. Para a modalidade PCI-DB, a experiência profissional exigida é de seis anos ou a apresentação de titulação de doutoramento ou de mestrado com no mínimo dois anos da data de obtenção do diploma.

O candidato precisa ter no mínimo três anos de experiência e apresentar diploma de nível superior com grau de mestre. Já para concorrer na última modalidade, a PCI-DD, é exigido dois anos de experiência na atividade profissional e apresentação do diploma de nível superior, ou técnico de nível médio. A carga horária é de 40 horas semanais, com valor de bolsa variando de R$3.380 a R$5.200, de acordo com a formação acadêmica, experiência profissional e número de publicações do candidato. As inscrições vão até o dia 11 de dezembro. O formulário de inscrição e as informações detalhadas estão disponíveis no site do Museu Goeldi.

As bolsas terão duração de até nove meses, com possibilidade de renovação dependendo da avaliação dos resultados – e sujeita à renovação do Programa PCI, no âmbito do Ministério da Ciência Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTIC) e do Projeto PCI/MPEG. O prazo máximo de permanência no programa PCI é de 36 meses.