logo-ge

UEMS terá primeiro mestrado em História do estado

Serão oferecidas 12 vagas já para 2016, com aulas ministradas na unidade universitária de Amambai, no Mato Grosso do Sul

A Universidade Estadual do Mato Grosso do Sul (UEMS) acaba de receber a aprovação para oferecer o Mestrado Profissional em Ensino de História. A Universidade será a única a oferecer o programa no estado do Mato Grosso do Sul. Em todo o Brasil, o primeiro edital de expansão da rede do ProfHistória teve a candidatura de 43 instituições interessadas em integrar o programa, e somente 18 foram aprovadas.

       

Serão oferecidas 12 vagas já para 2016, com aulas ministradas na unidade universitária de Amambai. A previsão é de que o edital se seleção da primeira turma na UEMS será publicado até o final deste ano.

O programa ProfHistória tem como meta qualificar os professores que já atuam numa rede pública e privada na disciplina de História. Para o Chefe do Núcleo de Pós-Graduação da instituição, Diogo Roiz, o programa ajudará a fortalecer a UEMS as redes de pesquisas centradas na área de humanas e do Cerrado-Pantanal (Cerpam).

O ProfHistória tem a coordenação geral na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). O curso é voltado para professores com formação superior e todos os selecionados contarão com bolsas de mestrado da Capes. O título de Mestre em Ensino de História concedido pelo ProfHistória confere ao seu detentor as mesmas prerrogativas e direitos do título de mestre obtido em mestrados acadêmicos.

A UEMS agora conta com sete mestrados profissionais, sendo quatro em rede. No total são14 mestrados e dois doutorados, o que representa um aumento de mais de 250% nos último quatro anos.

Mais informações, clique aqui.

LEIA MAIS

Notícias de pós-graduação