logo-ge

Curso gratuito de comunicação e cidadania recebe inscrições

Projeto Redigir apresenta aulas com conceitos de gramática e redação, além de debates sobre temas atuais

 (GE/Guia do Estudante)

O Projeto Redigir, da Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), recebe inscrições para seu curso de “Comunicação e Cidadania com ferramentas da Língua Portuguesa”. O curso é voltado para jovens e adultos, que tenham concluído o Ensino Fundamental e não tenham estudado em universidades públicas. A idade mínima para a inscrição é de 16 anos e não há idade limite.

Para participar do curso, os interessados devem comparecer à ECA e preencher uma ficha de inscrição. Os candidatos serão selecionados com base em critérios socioeconômicos. O resultado será divulgado em meados de agosto, quando também se iniciam as aulas.

Com duração de um semestre, as aulas apresentam conceitos de gramática e redação, além de debates sobre temas atuais. O objetivo do curso é tornar a comunicação cotidiana dos alunos mais eficiente. Os encontros acontecem semanalmente na própria universidade.

Neste semestre, são oferecidas três opções de turmas: quinta-feira, das 19h30 às 22h30; sexta-feira, das 09h às 12h e sábado, das 09h30 às 12h30.

Inscrições

Para participar é preciso se dirigir ao local do curso (Departamento de Jornalismo e Editoração da Escola de Comunicações e Artes da USP Avenida Professor Lúcio Martins Rodrigues, 443 – Bloco 2 – Sala 13) com os seguintes documentos: cópia de RG, cópia de comprovante de renda de todos que contribuem na renda da casa e cópia de comprovante de escolaridade do último nível cursado (ensino fundamental, médio ou superior, se houver). As inscrições acontecem de sexta e sábado, nos dias 14, 15, 21 e 22, 28 e 29 de julho. O horário de atendimento às sextas é das 9h às 13h e das 18h às 21h e aos sábados, das 9h às 13h. Mais informações: projetoredigir@gmail.com ou (11) 3091-1499 (somente nos horários de atendimento).

Sobre o projeto

O projeto Redigir é um projeto de extensão da Universidade de São Paulo. Foi idealizado em 1999 por alunos da graduação em Jornalismo da ECA, primeiramente direcionado às formalidades da língua portuguesa e à redação para o vestibular. Com o passar do tempo, a proposta transformou-se e adquiriu um caráter mais amplo. Atualmente, alunos voluntários de diversos cursos e unidades da USP atuam como professores, e o enfoque é a comunicabilidade e a compreensão da língua como um mecanismo vivo.