Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês

Saiba mais sobre os cursos online de física e estatística lançados pela USP

Aulas são gratuitas, abertas ao público e têm duração média de três meses

Por Ana Prado Atualizado em 16 Maio 2017, 13h41 - Publicado em 21 jun 2013, 19h06

A Universidade de São Paulo lançou este mês, numa parceria entre a Escola Politécnica (Poli) e a Agência USP de Inovação, seus primeiros cursos online gratuitos nos moldes dos “MOOCs” (sigla em inglês para Massive Online Open Courses, ou cursos massivos online e abertos, já muito usados por universidades americanas como Stanford, Harvard e MIT). A plataforma digital usada é a brasileira Veduca, semelhante ao Coursera e edX.

Os cursos, que compõem o ciclo básico de Engenharia, são Probabilidade e Estatística, com 19 aulas, e Física Mecânica Básica, com 25 aulas, todas ministrados por professores da universidade. Cada aula aborda um tópico completo e tem em média 50 minutos, divididos em partes de 5 e 15 minutos de duração. A Veduca estima que o aluno levará em média três meses para concluir cada curso.

Ao fim do período, os alunos poderão optar por fazer uma prova final presencial – a primeira ocorrerá na primeira quinzena de dezembro. Quem comparecer e tiver rendimento satisfatório receberá um certificado assinado pelos professores. Os que optarem por fazer a prova final online e tiverem bons resultados receberão um certificado eletrônico. Esses certificados ainda não poderão ser trocados por créditos na graduação ou pós-graduação, mas essa possibilidade está sendo estudada.

Ferramentas disponíveis nos cursos online:
– Testes e quizzes ao longo das aulas: ao fim da explicação de um determinado tópico, o vídeo é pausado automaticamente e são propostos exercícios relacionados para o estudante. O aluno pode responder ou simplesmente pular e seguir assistindo ao vídeo;

– Caderno virtual com anotações referenciadas no tempo do vídeo: sem precisar pausar o vídeo ou sair da página, o estudante pode fazer anotações em um caderno virtual. As anotações são referenciadas no tempo do vídeo. Ao revisar as anotações, o usuário consegue saber em que momento da aula anotou algo específico e pode assistir ao trecho novamente;

– Busca na fala do professor: é possível buscar palavras na fala do professor enquanto se assiste ao vídeo. Os resultados são destacados na linha do tempo da aula, e é possível clicar em cada um dos resultados para tocar o vídeo a partir da fala pesquisada;

– Materiais relacionados para download: os professores têm uma área para disponibilizar materiais extras para download, como listas de exercícios, leituras complementares, tabelas, fichas etc;

– Fórum: uma das principais ferramentas do MOOC, permite que todas as pessoas que assistem ao mesmo curso possam trocar informações e ajudar umas às outras nos estudos. Podem-se adicionar tags para identificar o teor dos tópicos discutidos e facilitar a pesquisa na hora de estudar;

– Notícias relacionadas:
um algoritmo desenvolvido pelo Veduca permite que reportagens sejam relacionadas ao tema das aulas.

“O foco está nos universitários, profissionais formados e professores, mas qualquer pessoa pode participar”, diz Carlos Souza, idealizador do Veduca. Os interessados podem se registrar no site veduca.com.br a qualquer momento. Basta clicar em “Iniciar este curso”. Não há datas-limite, os cursos serão oferecidos permanentemente. As provas para certificação serão periódicas, de acordo com o número de inscritos em cada momento, e as datas serão comunicadas para os usuários matriculados, por e-mail e pelo site.

Leia a entrevista com Carlos para entender melhor como os cursos funcionam.

Continua após a publicidade

GUIA DO ESTUDANTE: O que é o Veduca?
Carlos Souza: O Veduca é um portal de educação lançado em março de 2012 que reúne videoaulas das principais universidades do mundo legendadas em português e com acesso gratuito. Conta com 56.000 usuários cadastrados, tem cursos completos sobre todos os grandes campos do ensino superior e conta com mais de 5 mil aulas, de 16 das principais universidades do mundo, como Harvard, Stanford, Yale, Princeton, UCLA, e as brasileiras USP e UNICAMP.

Como surgiu a parceria com a USP?
São professores de excelência que se identificaram com o propósito do Veduca de democratizar o conteúdo de suas aulas. Já tinham iniciativas de democratização e viram no Veduca uma oportunidade de ampliar muito o alcance de suas aulas de excelência.

Os alunos receberão certificados?
Não é necessário, para o estudante interessado em obter uma certificação, comprovar que assistiu a todas as aulas e realizou todos os testes. Porém, a única maneira de obter o certificado do professor é por meio de uma prova presencial. Só serão aprovados os alunos com bom desempenho na prova.

O aluno terá oportunidades de frequentar a universidade?
Não, todo o conteúdo é disponibilizado na plataforma do Veduca, on-line. Apenas as avaliações presenciais, para a obtenção de certificados, serão realizadas na USP, em datas a serem informadas aos inscritos.

Será preciso pagar alguma taxa em algum momento?
O conteúdo será sempre gratuito, mas, em alguns cursos, cobraremos pelo pacote de serviços de acompanhamento da evolução do aluno (serviços de tutor, professor, corretor etc.) e pela prova presencial (taxa de certificação).

Há previsão de outros cursos?
Sim, já estamos trabalhando em novas parcerias, com outras universidades do Brasil e do mundo, para ampliarmos a oferta de MOOCs no Veduca.

 

LEIA MAIS:

– Notícias sobre Vestibular e Enem

Continua após a publicidade

Publicidade