logo-ge

Unesp de meio de ano: Tema de redação é o porte de armas de fogo

Neste segundo e último dia de prova, além da redação, os candidatos precisaram resolver 12 questões de Linguagens e Códigos

O tema da redação do vestibular de meio de ano 2018 da Universidade Estadual Paulista (Unesp) é a pergunta “Liberar o porte de armas de fogo a todos os cidadãos diminuirá a violência no Brasil?”A informação foi divulgada no início da noite deste domingo (10) pela Vunesp.

A Unesp exige o tipo dissertativo de texto, o mais comum nos vestibulares. Isso significa que se trata de um texto argumentativo, que pede que o autor desenvolva uma ideia, um problema ou um questionamento com uma consideração final que deve estar de acordo com os argumentos expostos. É importante, também, que o estudante saiba colocar ideias favoráveis e contrárias à sua própria opinião.

Veja a proposta de redação:

(Clique para ampliar)

(Clique para ampliar) (Vunesp/Divulgação)

(Clique para ampliar)

(Clique para ampliar) (Vunesp/Divulgação)

As redações serão avaliadas atentando-se aos critérios de correção específicos desse vestibular:

  • Abordagem da proposta e do tema: A banca avalia como você leu a proposta e como ela será articulada, no texto, em relação à coletânea de textos. Analisa, também, o seu ponto de vista e a reflexão feita por você ao longo do texto.
  • Desenvolvimento: Avalia como você construiu sua argumentação ao longo da introdução, do desenvolvimento e na conclusão, e se está de acordo com o tipo dissertativo-argumentativo.
  • Domínio da escrita: No último ponto, os corretores analisam se você utilizou a norma culta da língua, além dos elementos de coesão.
  • O texto só é anulado em casos muito específicos: fuga do tema, letra ilegível, texto com menos de sete linhas ou identificação da autoria da redação em qualquer ponto da folha.

    Veja também

    Segunda fase

    As provas da segunda fase da Unesp de meio de ano 2018 foram aplicadas neste sábado (9) e domingo (10), das 14h às 18h30.

    No primeiro dia, os candidatos resolveram 24 questões dissertativas, sendo 12 de Ciências Humanas (História, Geografia, Filosofia e Sociologia) e 12 de Ciências da Natureza e Matemática (Biologia, Química, Física e Matemática). Já no segundo, enfrentaram 12 questões de Linguagens e Códigos (Língua Portuguesa e Literatura, Língua Inglesa, Educação Física e Arte) e uma redação.

    Neste processo seletivo, os participantes disputam 360 vagas em 9 opções de cursos. São eles: Engenharia AeronáuticaEngenharia AgronômicaEngenharia AmbientalEngenharia de ProduçãoEngenharia CivilEngenharia de Controle e AutomaçãoEngenharia Elétrica e Engenharia Mecânica.

    Veja também

    Resultado

    A lista geral de classificação sai no dia 6 de julho. Entre os dias 6 e 9 do mesmo mês, os candidatos da lista devem confirmar interesse pela vaga, independentemente da posição em que tenham sido classificados.

    Após a confirmação de interesse, será gerada a primeira lista de chamada para matrícula, em 11 de julho. A segunda chamada sai no dia 16.

    Veja também
    Comentários

    Não é mais possível comentar nessa página.

    1. edinhoalmeidas

      Estão fazendo polêmica com este assunto perguntando para pessoas que nada entendem da questão jovens são facilmente manipulados pela mídia e ainda estão fazendo um tremendo exagero pois não está em questão distribuir armas para todas as pessoas e sim devolver o direito para aquele que comprovarem estar aptos a utilizar o equipamento.