Clique e assine GE Play por R$16,90

USP define quantidade de vagas reservadas às cotas em 2020

A reserva de vagas vale tanto para os ingressantes pelo Enem quanto pela Fuvest

Por Taís Ilhéu - 26 jun 2019, 14h44

O Conselho Universitário da USP definiu ontem (25) a quantidade de vagas que serão reservadas às cotas no processo seletivo 2020. A universidade, que antes adotava sistemas de bonificação na prova, passou desde a última edição a reservar 45% das vagas de todos os cursos para alunos egressos de escolas públicas. 

Dessas, uma parcela variável é reservada ainda aos candidatos que se autodeclararem pretos, pardos e indígenas (PPI), baseado na proporção desses grupos no estado de São Paulo a partir dos dados do IBGE, que atualmente é de 37,5%. Essa porcentagem vale para o total de vagas e, portanto, incide tanto nas vagas disponíveis pela Fuvest quanto pelo Sisu.

Considerando esses valores, a universidade aprovou ontem que, para o próximo ano, do total de 8.317 vagas oferecidas pela Fuvest, 5.424 serão na modalidade ampla concorrência, 1.857 para alunos de escolas públicas e 1.036 para alunos de escolas públicas autodeclarados pretos, pardos ou indígenas. Já no Sisu, das 2.830 vagas, 1.196 serão para escolas públicas e 967 para a modalidade PPI.

Além da reserva de vagas, o Conselho também decidiu pela transferência de 50 vagas do curso de Ciências Contábeis do período matutino para o noturno, que agora passará a oferecer 150 vagas. 

O período para pedido de isenção na Fuvest 2020 já está aberto e vai até o dia 10/7. As inscrições para o vestibular estarão abertas do dia 12/9 até 20/9 e a prova da primeira fase será aplicada em 24 de novembro. Confira o calendário completo.

Continua após a publicidade
Publicidade