Guia do Estudante

Confira as notícias da semana de 24 de agosto

Mariana Nadai | 28/08/2015

Saiba tudo o que rolou durante a semana de 24 de agosto e estude para as provas

atualidades-27-08

Nível do mar subiu em média 8 centímetros desde 1992 devido ao aquecimento global
Um estudo da Nasa mostra que o nível do mar subiu, em média, quase 8 centímetros em todo o mundo, desde 1992. O aumento varia de acordo com a região do planete, em alguns casos, o nível chegou a superar os 22 centímetros. As costas da Ásia e da Oceania, ambas no Pacífico, juntamente com o Mediterrâneo Oriental e a costa da América, foram as mais prejudicadas com a alta do mar. O aquecimento global é o principal culpado por esse aumento dos oceanos e mares. Leia mais

Mais de 300 mil migrantes atravessaram o mediterrâneo desde janeiro de 2015
Mais de 300 mil migrantes atravessaram o Mar Mediterrâneo desde janeiro deste ano. Desses, cerca de 200 mil chegaram à Grécia e 110 mil à Itália de acordo com o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur).

Mas, nem todas as pessoas que tentam cruzar o Mar Mediterrâneo conseguem concluir a travessia. Dados divulgados pela Organização Internacional para Migração mostram que 2.373 migrantes e refugiados morreram, de janeiro até agosto, na tentativa de chegar a países como a Itália, Grécia e Espanha pelo mar.

Equidade de gênero no mercado de trabalho vai demorar 80 anos
Um relatório divulgado pelo Fórum Econômico Mundial – Relatório Global de Equidade de Gênero – mostrou que apesar do aumento de mulheres no mercado de trabalho nas últimas décadas, a equidade com os homens pode levar até 80 anos. Para tentar diminuir esse tempo, pesquisa feita com líderes de 400 empresas indicou que três medidas prioritárias podem ser tomadas: Iluminar o caminho para a liderança feminina, acelerar a mudança na cultura empresarial com políticas corporativas progressistas e construir um ambiente de apoio. Leia mais

População brasileira cresce e supera os 204 milhões de habitantes
A população brasileira superou a marca dos 204 milhões de habitantes neste ano, segundo estimativas do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O instituto também também divulgou as populações das 27 unidades da Federação e dos municípios brasileiros. O estado mais populoso do país, São Paulo, tem 44,4 milhões de pessoas. Leia Mais

Venezuela faz censo da população que vive na fronteira com a Colômbia
O governo da Venezuela iniciou um censo da população que vive e trabalha ao longo da fronteira com a Colômbia. Na semana passada, mais de mil colombianos que viviam ilegalmente no estado venezuelano de Tachira foram deportados ou fugiram, depois que o presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, anunciou o fechamento de parte da fronteira e estado de emergência constitucional em seis municípios.

O fechamento foi anunciado depois que um civil e três militares venezuelanos foram atacados pelas costas por homens armados. Os soldados estavam patrulhando a região de Tachira, para impedir o contrabando de alimentos e gasolina subsidiados pelo governo da Venezuela e vendidos a preços mais caros na Colômbia. Maduro atribuiu o ataque a “paramilitares colombianos”. Leia Mais

Sérvia e Macedônia pedem plano da União Europeia para gerir crise de refugiados
A Sérvia e a Macedônia pediram mais ajuda e um plano da União Europeia (UE) para gerir a crise humanitária causada pela grande número de refugiados – sobretudo sírios e iraquianos, além de afegãos – que passam por esses países para alcançar a Europa Ocidental. O ministro dos Negócios Estrangeiros sérvio classificou a situação atual de a “pior crise de refugiados desde a 2ª Guerra Mundial”. Leia Mais

Compartilhe

Confira as notícias mais importantes da semana de 10 de julho

Mariana Nadai | 14/08/2015

Confira as principais notícias da semana e estude para o vestibular e Enem.

img1

Refugiados Sírios a caminho da Grécia (foto: Milos Bicanski/Getty Images)

Mais de 230 mil imigrantes já atravessaram o Mediterrâneo neste ano
A Organização Internacional das Migrações (OIM) divulgou que apenas neste ano, 237 mil migrantes cruzaram o Mar Mediterrâneo. O número supera o total de 2014, que foi de 219 mil.

A média de resgates diários de embarcações com migrantes nas águas do Mediterrâneo supera mil e se concentra, sobretudo, na costa das ilhas italianas e gregas. O número de mortes de migrantes no mar também é recorde, subindo esta semana para 2.030, acrescentou a organização. Saiba Mais

Secretário de Estado norte-americano faz visita histórica a Cuba
O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, chega nesta sexta-feira (14) a Cuba, tornando-se o primeiro chefe da diplomacia norte-americana a visitar o país nos últimos 70 anos, desde 1945. Kerry vai presidir a cerimônia de hasteamento da bandeira da Embaixada dos Estados Unidos, depois de mais de cinco décadas de corte de relações. Ele terá encontro com o representante cubano, Bruno Rodriguez, e com dissidentes.

A abertura da representação diplomática norte-americana em Havana e a visita de Kerry simbolizam um processo histórico de reaproximação, iniciado em dezembro de 2014. Leia mais 

Japão reativa o primeiro reator nuclear após o acidente na central de Fukushima
O primeiro reator nuclear foi reativado no Japão, após mais de quarto anos do acidente na central de Fukushima, que suspendeu a atividade em todas as centrais do país desde setembro de 2013. O reator deve começar a gerar eletricidade que será explorada comercialmente a partir de setembro, segundo a companhia Kyushu Electric Power.

A reativação do reator número 1 da central de Sendai, no Sudoeste do país, ocorre depois que o governo japonês defendeu a necessidade de retomar a produção de energia nuclear para estimular o crescimento econômico, apesar de a maioria da população do país rejeitar a medida por receio de que se repita um desastre como o de Fukushima, em 2011. Saiba mais

Parlamento grego aprova terceiro plano de resgate ao país
O Parlamento grego aprovou o acordo sobre o terceiro plano de resgate, após um debate que se prolongou durante toda a noite. O texto obteve 222 votos a favor, 64 contrários e 11 abstenções, segundo a agência France Press. As longas horas de debate sobre o plano de ajuda de 85 bilhões de euros, o terceiro desde 2010, em troca de medidas drásticas de poupança, voltaram a mostrar as dissidências no partido governante Syriza.

O novo programa de assistência, que prevê um financiamento de 85 bilhões de euros em três anos, inclui medidas duras, como aumento de impostos, redução da despesa, reformas de fundo, além de “medidas fortes para apoiar o crescimento”. Segundo fontes europeias, o país deverá ficar em recessão este ano e no próximo. Previsões indicam que o Produto Interno Bruto (PIB) deve 2,3% em 2015 e 1,3% em 2016.

Governo chinês censura 120 canções na internet
As autoridades chinesas censuraram 120 canções consideradas repletas de “simbologia sexual, violência e imoralidade”, proibindo que sejam transmitidas online por qualquer indivíduo ou organização.

Nenhum indivíduo ou organização terá permissão para a transmissão online desses títulos que “fazem apologia à obscenidade, violência, crime e violam a moral pública”, divulgou num comunicado o Ministério da Cultura chinês, citado pela France Presse. A internet chinesa funciona sob um sistema controlador e de censura, através do qual, nos últimos meses, as autoridades do país lançaram várias ofensivas contra sites e redes sociais com conteúdos considerados imorais ou pornográficos. Leia mais

Estudo mostra que equidade de gênero no mercado de trabalho vai demorar 80 anos
Estudo divulgado pelo Reltório Global de Equidade de Gênero, do Fórum Econômico Mundial, mostra que apesar do aumento de mulheres no mercado de trabalho, a equidade com os homens pode levar até 80 anos. Para tentar diminuir esse tempo, pesquisa feita com líderes de 400 empresas ao redor do mundo indicou que três medidas prioritárias podem ser tomadas: Iluminar o caminho para a liderança feminina, acelerar a mudança na cultura empresarial com políticas corporativas progressistas e construir um ambiente de apoio. Saiba Mais

Índios recebem posse de terra permanente no Ceará
O povo indígena cearense Tremembé conquistou a posse permanente das terras que ocupam no município de Itapipoca (a 135 quilômetros de Fortaleza) – a Terra Indígena Tremembé da Barra do Mundaú, que tem 3.580 hectares. O termo foi assinado pelo ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, na presença de representantes da etnia em evento realizado no Palácio da Abolição, sede do Governo do Ceará, em Fortaleza. Adriana Carneiro de Castro, liderança dos Tremembés, considera que o ato é uma conquista não só para a etnia, mas para todos os indígenas do Ceará. Leia Mais

Compartilhe

Confira as notícias mais importantes da semana de 3 de julho

Mariana Nadai | 07/08/2015

Leia a seguir um resumo com as notícias mais importantes desta semana para os vestibulares e Enem.

img1

Prédio em Hiroshima destruído após ataque da bomba atômica (foto: Keystone/Getty Images)

Japão realiza cerimônia que marca os 70 anos do ataque à bomba atômica de Hiroshima

No último dia 6, o Japão realizou uma cerimônia para marcar o 70º aniversário da bomba atômica lançada pelos Estados Unidos, no final da 2ª Guerra Mundial, a Hiroshima. O ataque ocorreu em 6 de agosto de 1945, quando os EUA lançaram uma bomba de urânio, batizada de Little Boy, sobre a cidade.

Três dias após o ataque a Hiroshima, as Forças Armadas dos EUA lançaram mais uma bomba de urânio no país asiático, desta vez em Nagasaki. Estimasse que as duas bombas tenham matado entre 130 mil e 220 mil pessoas no total. As bombas jogadas sobre Hiroshima e Nagasaki precipitaram a rendição do Japão às forças aliadas, encerrando assim a Segunda Guerra Mundial – a Alemanha já havia se declarado derrotada três meses antes.

Incêndios levam à retirada de mais de 13 mil pessoas da Califórnia, EUA
Mais de 13 mil pessoas já foram retiradas do estado da Califórnia, nos EUA, devido a incêndios que vêm ocorrendo na região. A grave seca que o estado enfrenta e as altas temperaturas em alguns pontos, tornaram a região muito propensa aos incêncios, que já queimaram mais de 25.090 hectares. Saiba mais

img2

Incêndio atinge casa em Lower Lake, Califórnia, Estados Unidos (foto: Justin Sullivan/Getty Images)

Chuvas de monção matam centenas de pessoas na em países da Ásia
As chuvas de monção – estação climática na qual os ventos sopram de Sudoeste na Índia e países próximos e que é caracterizada por chuva intensa -, que vêm caindo nos países asiáticos, já provocaram a morte de centenas de pessoas no continente. A Índia, um dos países mais afetados, registrou pelo menos 180 mortos (até 7 de agosto), a maioria por afogamento. Segundo autoridades, mais de um milhão de pessoas estão desalojadas. Em Myanmar, a chuva provocou a morte de 46 mortos e mais de 200 mil pessoas foram afetadas pelas inundações que assolam o país. Saiba mais

Coreia do Norte cria fuso horário próprio
A Coreia do Norte anunciou que vai criar, a partir da semana que vem, um fuso horário próprio. O horário official sera atrasado em 30 minutos, no próximo dia 15, quando o país celebra os 70 anos da libertação do domínio colonial japonês. A medida foi criada com o intuito de erradicar de vez a memória do passado colonial do país, segundo a agência de notícias local. O atual fuso do país foi adotado durante a dominação do Império Japonês (1910 a 1945). Atualmente, Coreia do Sul, Japão e Coreia do Norte têm o mesmo fuso. Leia mais 

Governo dos Estados Unidos anuncia plano para reduzir emissão de carbono
O presidente norte-americano, Barack Obama, anunciou um plano que pretende reduzir em 32% a emissão de carbono das centrais termoelétricas do país até 2030. O chamado Plano Energia Limpa, ou Clean Power Plan, propõe um cronograma de ações para minimizar o impacto do aquecimento global no mundo.Durante a apresentação do plano, em uma cerimônia na Casa Branca, Obama disse que as termoelétricas são responsáveis por um terço da contaminação total por carbono em território norte-americano, e que, por isso, a decisão é considerada uma das mais importantes tomadas até agora pelo país. Leia mais

 

Rio de Janeiro celebra um ano para início dos jogos olímpicos
No ultimo dia 5 de agosto, a prefeitura do Rio de Janeiro realizou cerimônia que marca um ano para o começo dos Jogos Olímpicos de 2016. O evento aconteceu na Cidade das Artes, um grande centro cultural erguido na Barra da Tijuca, e reuniu a presidenta Dilma Rousseff, o prefeito Eduardo Paes, o ministro do Esporte, além de ex-atletas e  membros de comitês olímpicos.

Apesar da festa, entidades esportivas fluminenses criticam as autoridades por não terem investido em equipamentos para atletas no estado, o que fez com que o estado perdesse atletas olímpicos. 

Compartilhe

Confira as notícias mais importantes da semana de 27 de julho

Mariana Nadai | 31/07/2015

Leia a seguir um resumo com as notícias mais importantes desta semana para os vestibulares e Enem

img1

Índia vai ultrapassar a China em número de habitantes. Na foto, indianos enfrentam o trânsito de Nova Délhi, capital da Índia (foto: Getty Images)

Índia deve se tornar o país mais populoso do mundo, em 2022
A índia deverá ultrapassar a China e se tornar país mais populoso do mundo, em 2022, de acordo com relatório divulgado pela Organização das Nações Unidas (ONU). De acordo com o relatório, feito pelo Departamento de Assuntos Econômicos e Sociais da Organização das Nações Unidas, o país terá cerca de 1,4 bilhão de habitantes. Ainda segundo o documento, a África terá índices de crescimento demográficos superiores aos da Ásia. Leia mais

Obama defende o combate à corrupção em visita na África
Durante discurso na sede da União Africana (UA), em Adis-Abeba, Etiópia, o Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse é que preciso “extirpar o câncer da corrupção” na África, o que, segundo ele, é o principal obstáculo para o desenvolvimento do continente. Primeiro presidente norte-americano a visitar a sede da UA, Obama ponderou que a corrupção existe em todo o mundo, mas disse que na África a “corrupção retira milhões de dólares das economias, dinheiro que poderia ser utilizado para criar emprego, construir hospitais e escolas”. O presidente também ressaltou a importância da democracia dos princípios democráticos para o desenvolvimento do continente africano.

Dias antes, em visita a Nairobi, capital do Quênia, Obama falou para centenas de pessoas e seu discurso foi um claro chamado à luta contra qualquer tipo de discriminação, principalmente contra as mulheres e aos homossexuais.

Imigrantes ilegais tentam entrar no Reino Unido pelo túnel do canal da Mancha
Cerca de 2 mil imigrantes ilegais tentaram entrar, na madrugada do dia 28, no túnel sob o canal da Mancha, perto de Calais, no Norte da França, com o objetivo de chegar ao território britânico . A tentativa não é novidade. Por conta da proximidade com o Reino Unido, a localidade francesa de Calais atrai muitos imigrantes que tentam atravessar de forma ilegal o Eurotúnel e chegar ao território britânico. Algumas dessas incursões acabam por ser mortais para os imigrantes. Desde janeiro, o grupo Eurotúnel já interceptou mais de 37 mil imigrantes.

Vestígios de ocupação humana de até 4 mil anos são achados no Rio de Janeiro
Vestígios de ocupação humana de 3 mil a 4 mil anos foram encontrados em escavações do metrô na região central da cidade do Rio de Janeiro. Pelo menos 50 artefatos de pedra pertencentes a grupos nômades de coletores e caçadores já foram catalogados pela equipe liderada pelo arqueólogo Claudio Prado de Mello. Entre os itens encontrados no terreno do metrô estão pontas de lanças de caça, raspadores usados para cortar a carne do animal, machadinhas e batedores (que funcionavam como martelos primitivos). Leia Mais

Coreia do Sul declara fim do surto da Síndrome Respiratória do Oriente Médio
O primeiro-ministro da Coreia do Sul, Hwang Kyo-Ahn, anunciou o fim do surto da Síndrome Respiratória do Médio Oriente (Mers) no país. A síndrome provocou a morte de 36 pessoas e infectou 186 na Coreia do Sul. Entre os reflexos do surto está a queda da atividade econômica, já que, por precaução, os sul-coreanos passaram a evitar frequentar locais públicos, o que afetou as vendas do comércio e até mesmo a produção industrial. A indústria turística foi bastante atingida. O número de visitantes estrangeiros caiu 40% em junho e 60% nas duas primeiras semanas de julho.

Talibãs afegãos confirmam a morte do líder mulá Omar e anunciam Akhtar Mansour como novo líder
Os talibãs afegãos anunciaram a nomeaçnao de um novo líder do movimento, Akhtar Mansour. A nomeação foi feita um dia depois de rebeldes terem confirmado a morte do antigo líder, mulá Omar.

Fontes: Agência Brasil

 

Compartilhe

Confira as notícias mais importantes da semana de 20 de julho

Mariana Nadai | 24/07/2015

Leia a seguir um resumo com as notícias mais importantes da semana para os vestibulares e Enem

Homem balança bandeira de Cuba em frente a embaixada do país em Washington, capital dos Estados Unidos

Homem balança bandeira de Cuba em frente a embaixada do país em Washington, capital dos Estados Unidos (foto: Mark Wilson/ Getty Images)

Estados Unidos e Cuba reabrem embaixadas e reatam relações diplomáticas
Estados Unidos e Cuba reabriram, no último dia 20, as embaixadas em Havana e Washington, reatando relações diplomáticas. O ocorrido aconteceu sete meses após o início de histórico processo de reaproximação, após de 54 anos de distanciamento. Apesar do restabelecimento oficial das relações diplomáticas entre os dois países, o presidente cubano, Raul Castro, diz que só vai normalizar as relações quando o presidente norte-americano, Barack Obama, cumprir com algumas exigências, como o embargo imposto à ilha em 1962. As relações diplomáticas entre os dois países estavam suspensas desde 1961, após uma decisão do presidente norte-americano John F. Kennedy, em resposta a uma aproximação de Cuba à ex-União Soviética e ao confisco de bens norte-americanos. LEIA MAIS

 ONU vai acompanhar negociações de paz entre governo colombiano e as Farc
A Organização das Nações Unidas (ONU) vai enviar para Havana, Cuba – sede dos diálogos de paz -, um grupo de peritos para acompanhar as negociações de paz entre o governo colombiano e as Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc). O governo colombiano e as Farc tinham solicitado à ONU um grupo de peritos para acompanhar o processo. O cessar-fogo deve ser acompanhado pela entrega das armas pela guerrilha, o que inclui a verificação internacional, e deve contar com a assistência técnica de um delegado do secretário-geral da ONU e de outro da presidência da União de Nações Sul-Americanas. SAIBA MAIS

Nasa encontra planeta Kepler-452b, até agora o mais parecido com a Terra
A missão Kepler, da Nasa, confirmou a descoberta de um planeta de dimensão próxima à da Terra e que orbita uma estrela parecida com o Sol. O Kepler-452b está localizado em uma “zona habitável”, definição dada a áreas do espaço em volta de estrelas que têm temperatura parecida com a da Terra e apresentam condições para a existência de água líquida na superfície de corpos celestes. O diâmetro do planeta é 60% maior que o da Terra. A massa e a composição do Kepler-452b ainda não foram determinadas, mas as pesquisas indicam que o planeta é rochoso. A órbita do planeta em volta da estrela chamada Kepler-452, o sol do novo planeta descoberto, dura 385 dias. LEIA MAIS

Chacina da Candelária completa 22 anos e é lembrada com marcha em Defesa da Vida
Nesta semana, ativistas de direitos humanos realizaram uma marcha em Defesa da Vida, que teve como objetivo lembrar a Chacina da Candelária, como ficou conhecido o assassinato de oito rapazes em frente à Igreja da Candelária, no centro do Rio de Janeiro. A Chacina, que completou 22 anos, é um ícone da violência contra jovens negros e pobres no Brasil. Mais de duas décadas depois do ocorrido, o país ainda registra um número muito alto de assassinatos de jovens, mais de 10 mil por ano (em 2013), uma média de 28 mortos por dia. SAIBA MAIS

O número de celulares na China atinge 1,290 bilhão em junho, o que corresponde a 94,5% da população do país
A China registrou, em junho, o número de 1,290 bilhão de aparelhos celulares no país. O número corresponde a 94,5% da população do país. De acordo com o ministério chinês da Indústria e Tecnologia da Informação, a maioria dos aparelhos tem acesso à internet. Comparando com dados do final de 2014, no primeiro semestre deste ano o número de telefones móveis na China aumentou 6,88 milhões, ou seja, mais de um milhão por mês. As duas maiores cidades chinesas (Pequim e Xangai) e duas províncias do litoral (Guangdong e Zhejiang) têm mais telefones celulares do que habitantes, informou o ministério.

Segunda economia mundial, com crescimento de 7% no primeiro semestre deste ano, a China é tambem o país mais populoso do planeta, com cerca de 1,350 bilhão de pessoas.

Compartilhe

Confira as notícias mais importantes da semana de 13 de julho

Ana Prado | 17/07/2015

Veja um resumo das notícias mais importantes da semana para os vestibulares e o Enem:

mercosul
Foto oficial dos chefes de Estado de países-membros do Mercosul e associados, reunidos na Cúpula de Brasília (Foto: Wilson Dias/Agência Brasil)

REUNIÃO DO MERCOSUL

Os presidentes do Brasil, da Argentina, do Paraguai, do Uruguai e da Venezuela estão reunidos nesta sexta (17) na 48º Cúpula dos Chefes de Estado do Mercosul e Estados Associados, em Brasília, para discutir, entre outros temas, a negociação de um acordo comercial com a União Europeia e a renovação do Fundo de Convergência Estrutural do Mercosul (Focem). Também participam da reunião os presidentes da Guiana e da Bolívia, país que está em processo de incorporação ao bloco. Dentre as novidades, os países membros assinaram um acordo para incluir o Suriname e a Guiana como associados ao bloco e o Paraguai assumiu a presidência do Mercosul pelos próximos seis meses.

Briga por territórios

Ainda na reunião do Mercosul, os presidentes da Guiana e Venezuela discordaram sobre o entendimento de cada um em relação aos conflitos territoriais entre os dois países. O presidente da República Cooperativa da Guiana, David Granger, fez um apelo para que o Mercosul se manifeste em apoio à integridade do território guianense. Para Nicolás Maduro, da Venezuela, Granger é um “grande provocador” e não reconhece a ajuda que vem recebendo nos últimos anos. A disputa quanto à posse das fronteiras marítimas entre Guiana e Venezuela é antiga. Em 1899, um acordo decidiu que uma parte do território pertenceria à Grã-Bretanha, que antes controlava a então Guiana Inglesa. A Venezuela, no entanto, sempre considerou a região “em disputa”. Durante sua declaração, o presidente da Guiana disse que em outubro de 2013 “nosso vizinho adentrou nossas fronteiras e expulsou” uma das embarcações do país. Naquele período, uma companhia de petróleo dos Estados Unidos realizava estudos sísmicos, baseados em estimativas de que o local disponha de bilhões de barris de petróleo. A Venezuela se baseia no Acordo de Genebra, de 1966 – logo após após a independência da Guiana –, segundo o qual a região ainda está “por negociar”. LEIA MAIS.

Irã assina acordo nuclear

O Irã assinou um acordo sobre o seu programa nuclear nesta terça-feira (14) em Viena, após 21 meses de negociações. Os principais pontos incluem limitar o enriquecimento de urânio e a produção de plutônio, reforçar as inspeções e manter o embargo de armas, entre outros. Os iranianos saíram às ruas em Teerã para celebrar. LEIA MAIS.

Cerca de 15 mil civis morreram no Iraque na guerra contra o Estado Islâmico

Cerca de 15 mil civis foram mortos e cerca de 30 mil ficaram feridos no Iraque desde o início da guerra contra os jihadistas do grupo Estado Islâmico em 2014, indica relatório da Organização das Nações Unidas (ONU), divulgado nesta segunda (13). Segundo a ONU, os números devem ser ainda maiores, uma vez que o balanço, até abril, inclui apenas os dados a que a organização teve acesso. LEIA MAIS.

Eurogrupo autoriza empréstimo emergencial de 7 bilhões de euros à Grécia

O Eurogrupo deu nesta quinta (16) o aval político para o início das negociações de um terceiro resgate a Atenas, na mesma reunião por teleconferência em que concordou com um empréstimo emergencial de sete bilhões de euros. Em comunicado, o grupo formado pelos ministros das Finanças da zona euro saudou a aprovação pelo Parlamento grego, na quarta-feira (15) à noite, de medidas de austeridade – a primeira das condições que foi imposta à Grécia, na cúpula de crise no fim de semana passado, para que o país possa receber novo pacote de ajuda financeira. O Eurogrupo também decidiu “conceder, em princípio, um empréstimo de três anos” a Atenas no âmbito do Mecanismo Europeu de Estabilidade, que deverá oscilar entre 82 e 86 bilhões de euros. LEIA MAIS.

 

Compartilhe

Confira as notícias mais importantes da semana de 6 de julho

Ana Prado | 10/07/2015

Confira um resumo das notícias mais importantes da semana para os vestibulares e o Enem:

Comissão Europeia já tem plano detalhado para saída da Grécia da zona do euro

reuniao_grecia

O primeiro-ministro grego Alexis Tsipras, a chanceler alemã Angela Merkel, o presidente da Comissão Europeia Jean-Claude Juncker e o presidente francês François Hollande conversam durante uma reunião. (Foto: Getty Images)

O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, admitiu que há um plano detalhado para eventual saída da Grécia da zona do euro, e o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, disse que Atenas tem apenas “cinco dias” para evitar um “cenário negro”. Em coletiva de imprensa, após mais uma reunião de emergência da zona euro, em Bruxelas, Juncker admitiu pela primeira vez que há planos de contingência na Comissão Europeia para um cenário em que se concretize a saída da Grécia da zona euro. Leia mais.

>> Entenda a crise grega: 6 perguntas e respostas sobre a Grécia depois do “não” no referendo de 5 de julho

ONU: um ano após conflito em Gaza, consequências continuam sem solução

As causas e as consequências do conflito de 2014 entre Israel e milícias palestinas da Faixa de Gaza continuam sem solução, denunciou nesta semana a agência da Organização das Nações Unidas (ONU ) para os refugiados palestinos (UNRWA). “Um ano depois do devastador conflito que causou a morte de cerca de 1,5 mil civis, incluindo 551 crianças, as causas do conflito continuam por resolver”, afirmou o comissário-geral da agência, Pierre Krähenbül, em comunicado. Leia mais.

Tunísia constrói muro na fronteira com Líbia para deter jihadistas

A Tunísia começou a construir um muro na fronteira com a Líbia para tentar controlar o contrabando e a infiltração de jihadistas, anunciou o primeiro-ministro tunisiano, Habib Essid. Em entrevista pela televisão, o chefe do Executivo tunisiano disse que o muro terá cerca de 170 quilômetros de comprimento e que se espera que seja concluído no fim deste ano. Em muitos pontos, o muro, que está sendo construído pelo Exército, “será ladeado por trincheiras” e incluirá “câmaras de vigilância.” Leia mais.

Europa recebeu mais de 660 mil pedidos de asilo em 2014

Mais de 660 mil pessoas pediram asilo a países europeus em 2014, e, no final do ano, 500 mil candidatos aguardavam uma decisão sobre o seu pedido, informou o relatório anual do Gabinete Europeu de Apoio ao Asilo. A maioria dos pedidos foi apresentada por cidadãos da Síria (128 mil), dos Bálcãs Ocidentais (110 mil) e da Eritreia (47.140), segundo o relatório sobre os pedidos de proteção internacional apresentados a países membros da União Europeia, à Noruega e à Suíça. Leia mais.

Rússia veta texto que considera genocídio assassinatos em cidade sérvia

O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas (ONU) vetou nesta quarta (8) resolução que reconhecia o assassinato de mais de 8 mil homens e meninos em Srebrenica, em 1995, como genocídio. Srebrenica é uma cidade da República Sérvia, no Leste da Bósnia Herzegovina. O voto contrário foi dado pela Rússia, que, como membro permanente do conselho, tem poder de veto. Além disso, quatro países se abstiveram na votação: China, outro membro permanente, Nigéria, Angola e Venezuela. Leia mais.

Epidemia de ebola ainda não acabou, alerta OMS

A Organização Mundial da Saúde (OMS) alertou que, apesar dos avanços obtidos nos últimos meses, a epidemia de ebola ainda não acabou. Segundo a entidade, novos casos da doença continuam sendo identificados, com destaque para registros recentes na Libéria. Pelo último balanço, mais 20 foram confirmados na última semana de junho. A atual incidência do ebola varia de 20 a 27 novos casos por semana. Leia mais.

 

Comentários: nenhuma pessoa comentou

Categoria: Atualidades

Tags: , ,

Compartilhe

Confira as notícias mais importantes da semana de 29 de junho

Carolina Vellei | 03/07/2015

Confira um resumo das notícias nacionais e internacionais mais importantes da semana para os vestibulares e o Enem:

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

Câmara aprova nova proposta que reduz maioridade penal para crimes hediondos

Sob o comando do presidente da Casa, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), em menos de 24 horas a Câmara dos Deputados derrubou a rejeição à redução da maioridade penal e aprovou, em primeiro turno, por 323 votos a 155 e 2 abstenções, no começo da madrugada de quinta-feira (2) uma emenda substitutiva, semelhante ao texto derrubado na quarta-feira (1º). A emenda aprovada propõe a redução da maioridade penal, de 18 para 16 anos, nos casos de crimes hediondos (estupro, sequestro, latrocínio, homicídio qualificado e outros), homicídio doloso e lesão corporal seguida de morte. O texto também prevê a construção de estabelecimentos específicos para que os adolescentes cumpram a pena. Leia mais. Leia mais 2. Leia mais 3. Leia mais 4. 

Embaixador dos EUA na Alemanha é chamado para esclarecer acusação de espionagem

O embaixador dos Estados Unidos (EUA) na Alemanha, foi convidado a comparecer à chancelaria em Berlim para explicar as novas acusações de espionagem a vários ministros alemães, disse uma fonte governamental. A imprensa alemã noticiou na quarta (1º) que novos documentos divulgados pelo WikiLeaks apresentavam evidências de que os Estados Unidos tinham espionado vários ministros. Leia mais.

Estados Unidos superam Arábia Saudita na produção de petróleo em 2014

Os Estados Unidos registraram o maior crescimento em nível mundial na produção de petróleo e ultrapassaram a Arábia Saudita na liderança do setor em 2014, informa o estudo anual sobre energia da BP, apresentado quinta-feira (2) em Lisboa. O BP Statistical Review of World Energy 2015 é uma das publicações de referência mundial do setor energético. William Zimmern, responsável pelos estudos da petrolífera britânica, disse que desde 1975 isso não ocorria. Leia mais.

Cuba e Estados Unidos anunciam reabertura de embaixadas no dia 20 de julho

As autoridades cubanas anunciaram que sua embaixada em Washington e a dos Estados Unidos em Havana serão reabertas no dia 20 de julho. A medida marca o restabelecimento de relações diplomáticas entre Cuba e Estados Unidos. Em carta entregue às autoridades cubanas, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, confirmou “a decisão de restabelecer as relações diplomáticas entre os dois países e de abrir missões diplomáticas permanentes nas respectivas capitais a partir de 20 de julho”. Leia mais.

Cuba é o primeiro país a eliminar transmissão do HIV de mãe para filho

A Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou oficialmente na terça-feira (30) que Cuba é o primeiro país do mundo a eliminar a transmissão do vírus da aids (HIV) e da sífilis de mãe para filho. “Eliminar a transmissão de um vírus é um dos maiores feitos em matéria de saúde pública”, afirmou a diretora-geral da OMS, Margaret Chan. “É uma grande vitória na nossa longa luta contra o vírus HIV e as infeções transmitidas sexualmente, assim como um passo importante para conseguirmos uma geração sem aids”, acrescentou. Leia mais.

Em encontro com Dilma, presidente dos EUA diz que Brasil é líder mundial e não apenas regional

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, afirmou terça (30) que encara o Brasil como um líder mundial, e não apenas regional, e que as negociações globais sobre questões relevantes, como economia, clima e combate ao terrorismo, só podem ser bem-sucedidas se houver participação brasileira. Em pronunciamento ao lado da presidenta Dilma Rousseff, Obama ressaltou sua “plena confiança” na chefe do governo brasileiro e o “excelente relacionamento” que tem com ela desde a posse. Após anunciarem o acordo bilateral em que o Brasil e os Estados Unidos se comprometem com maior participação de fontes renováveis em suas matrizes energéticas, os dois presidentes responderam a perguntas de jornalistas. Então, foi perguntado à presidenta como conciliar a visão do Brasil, que se vê como líder mundial, com a dos Estados Unidos, que veem o Brasil como líder regional. Na sua vez de responder, Obama fez questão de mencionar o assunto, dizendo que o Brasil é uma “potência mundial importante”. Leia mais.

Grécia não paga dívida ao FMI e entra oficialmente em calote

O prazo para a Grécia pagar cerca de 1,6 bilhão de euros ao Fundo Monetário Internacional (FMI) terminou na terça-feira (30). Sem ter quitado a parcela do resgate financeiro, o país entrou oficialmente em calote com os credores internacionais. Os gregos vão se pronunciar no domingo (5) sobre a última versão de uma proposta de acordo dos credores da Grécia, que prevê uma série de reformas e de medidas orçamentárias em troca da continuação do apoio financeiro ao país. As negociações em busca de um acordo com os credores internacionais serão retomadas depois do referendo. Leia mais. Leia mais 2. Leia mais 3. Leia mais 4.

Tocha Olímpica passará por 300 cidades até chegar ao Rio de Janeiro

O Comitê Organizador Rio 2016 lançou nesta sexta-feira (3) a tocha dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro e a rota de revezamento por onde o Fogo Olímpico passará até chegar à cidade, no dia 5 de agosto do ano que vem, data da abertura dos jogos. A Tocha Olímpica, desenhada pela agência de design Chelles & Hayashi, é branca, com detalhes em cores que simbolizam a natureza do Brasil. O Fogo Olímpico chegará a Brasília em maio, iniciando o percurso de cerca de 28 mil quilômetros, e seguirá pelas regiões Centro-Oeste, Nordeste, Norte, Sul e Sudeste. De acordo com o Comitê Organizador Rio 2016, 12 mil pessoas participarão do revezamento da tocha por todo o país, em percursos de cerca de 200 metros. No total, a tocha será recebida em 300 cidades – 83 delas apresentadas hoje –, mas o comboio poderá ser visto passando por mais 200 municípios. Leia mais.

Só 21,8% dos brasileiros são consumidores conscientes, mostra pesquisa do SPC

O brasileiro sabe a importância de consumir de forma consciente, mas, quando se analisa o cotidiano do consumidor, observa-se que ele não tem todas as atitudes necessárias à prática do consumo consciente, revelou na quarta-feira (1º) a economista-chefe do Serviços de Proteção ao Crédito (SPC Brasil), Marcela Kawauti, ao comentar pesquisa em parceria com o portal de educação financeira Meu Bolso Feliz. Segundo Marcela, só 21,8% dos brasileiros podem ser considerados consumidores plenamente conscientes. Dos entrevistados, 46,8% disseram evitar desperdício e compras desnecessárias, 33% refletem sobre as consequências de uma compra antes de concretizá-la e 9,7% manifestaram atitudes que têm como foco economizar dinheiro. Leia mais.

Venda de lâmpadas incandescentes de 60W está proibida a partir de hoje

Desde quarta (1º), as lâmpadas incandescentes com potência de 60W saíram de circulação. Agora é proibido produzir, importar e vender esse tipo de lâmpada no Brasil. As multas para quem descumprir a regra variam de R$ 100 a R$ 1,5 milhão, informa o Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia (Inmetro). O motivo da retirada do produto do mercado é sua baixa eficiência energética, já que são lâmpadas que consomem muita energia para iluminar pouco. O processo de funcionamento das chamadas lâmpadas quentes exige temperaturas elevadas para gerar luz. A maior parte desse calor é perdida para o ambiente. Leia mais.

Estudo comprova relação entre obesidade e câncer de mama

Mulheres obesas têm 2,57 mais chances de ter câncer de mama, principalmente após a menopausa e idade média de 56 anos. A constatação é dos responsáveis por uma pesquisa feita com 190 pacientes de Salvador entre 2012 e 2014. Elas foram separadas em dois grupos: o primeiro com 68 diagnosticadas com câncer de mama e o segundo, com 122 mulheres sem a doença. Ao comparar os dois grupos, foi constatado que no primeiro havia mais casos de câncer (27,9%) do que no segundo (13,1%). Entre as obesas observou-se que 66,1% tinham câncer de mama e, entre as não obesas, 56,5%. A maioria das pacientes (70,8%) estava na menopausa. Leia mais.

Meta do Brasil é produzir 3 milhões de toneladas anuais de pescado até 2020

O Ministério da Pesca e Aquicultura tem uma meta de crescimento anual de 20% na produção de pescado para que o Brasil alcance, até 2020, 3 milhões de toneladas produzidas, na pesca de captura e na aquicultura, e esteja entre os cinco maiores ofertantes de proteína de pescado do mundo. “A meta é sair de 760 mil toneladas para 1 milhão de toneladas na área da captura e de 600 mil a 700 mil toneladas para 2 milhões de toneladas na aquicultura”, disse o ministro da Pesca e Aquicultura, Helder Barbalho. O objetivo é que o Brasil se torne autossuficiente na produção, favorecendo também a balança comercial, e, com o aumento da oferta, consiga diminuir o preço do pescado no mercado interno. Ele conta que o país importa anualmente mais de 400 toneladas de pescado. Leia mais.

Importância do pai na criação dos filhos é destaque em seminário na Câmara

A maior participação do pai na criação e no cuidado com os filhos tem influência tanto na vida da criança quanto na da mulher e do próprio homem. É o que mostra o relatório Situação da Paternidade no Mundo, feito pelo Instituto Promundo. O doumento reúne vários dados globais sobre o tema da participação masculina. Lançado este mês na sede da Organização das Nações Unidas (ONU), em Nova York, a pesquisa foi apresentada nessa terça-feira (30) no Brasil durante o 3º Seminário Internacional Marco Legal da Primeira Infância, na Câmara dos Deputados. Segundo o relatório, 80% dos homens no mundo serão pais biológicos e praticamente, em algum momento da vida, terão alguma conexão com uma criança. Leia mais.

Idosos são as maiores vítimas de acidentes de trânsito em São Paulo

A cada grupo de 100 mil habitantes, 21 idosos morrem em acidentes de transporte terrestre no estado de São Paulo. O número é menor que a média do país, que registra 31,1 mortes por 100 mil habitantes, mas é superior ao de países considerados desenvolvidos em segurança viária, nos quais o quadro geral de mortos [incluindo idosos] em acidentes de trânsito não ultrapassa cinco mortes a cada grupo de 100 mil. Os dados fazem parte de um estudo elaborado pelo Observatório Paulista de Trânsito, vinculado ao Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP). Leia mais.

Justiça determina que União forneça medicamento à base de canabidiol

A Justiça Federal determinou que a União forneça medicamento à base de canabidiol, um dos derivados da maconha (cannabis sativa), para um jovem que sofre de epilepsia. Em janeiro, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) reclassificou a substância de proibida para controlada. Apesar da alteração, a família do adolescente alegou não ter como pagar o tratamento, orçado em R$ 67 mil. Leia mais.

Mapa da Violência: homicídios são quase metade das mortes de jovens

Dados do Mapa da Violência, divulgados na segunda-feira (29), mostram que os homicídios representam quase metade das causas de morte entre adolescentes entre 16 e 17 anos. O estudo do sociólogo Julio Jacobo Waiselfisz revela que 46% dos jovens mortos nessa faixa de idade foram assassinados. Em 2013, foram 3.749, de um total de 8.153. A projeção é que 3.816 jovens sejam mortos neste ano. Leia mais.

A cada três pessoas, uma conhece criança vítima de violência, mostra pesquisa

Pesquisa da organização não governamental Visão Mundial revela que 76% das pessoas no mundo sabem de pelo menos um caso de criança vítima de violência e quase um terço a conhece pessoalmente. Os dados mostram que 62% dos entrevistados acham que o problema cresceu nos últimos cinco anos e quase a metade acredita que não se está fazendo o suficiente para punir as pessoas que cometem esse tipo de crime. O estudo, divulgado na quarta (1º) durante seminário internacional em Brasília, ouviu mais de 11 mil pessoas em 28 países, inclusive o Brasil. Leia mais.

Comentários: nenhuma pessoa comentou

Categoria: Atualidades

Compartilhe

Confira as notícias mais importantes da semana de 22 de junho

Carolina Vellei | 26/06/2015

Pesquisadores descobrem em Manaus vírus que causa paralisia nas pernas

Pesquisadores descobriram em Manaus um novo vírus que causa diarreia, paralisia das pernas por até duas semanas e que pode levar à morte. Segundo a pesquisadora que coordenou o trabalho, Patrícia Puccinelli, do Instituto Leônidas e Maria Deane (Fiocruz Amazônia), o vírus é transmitido por água contaminada com fezes. A descoberta no Brasil do gemycircularvirus foi feita a partir da análise molecular das fezes de 1,5 mil crianças de até dez anos que tiveram diarreia e foram atendidas em prontos-socorros de Manaus entre 2007 e 2009. Leia mais.

Justiça do Rio determina fim da apresentação de presos à imprensa

A Defensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro obteve liminar que proíbe a divulgação de imagens de pessoas presas como suspeitas, sem motivo legítimo para investigação criminal – a chamada “apresentação de presos”. O Núcleo de Defesa dos Direitos Humanos (Nudedh) do órgão entrou com ação civil pública, em 2013, que foi rejeitada pelo Estado mediante efeito suspensivo, o que impedia que a decisão fosse colocada em prática. A liminar obtida na última segunda-feira (22) e divulgada na quinta (25) tem o objetivo de garantir os direitos individuais e evitar a exposição precoce do suspeito. Leia mais.

Brasil poderá ter mais de 1 milhão de presos até 2022, diz ministro da Justiça

O Brasil poderá ter até 2022 mais de 1 milhão de pessoas encarceradas, caso seja mantido o atual ritmo de prisões, disse na terça-feira (23) o ministro da Justiça, José Eduardo Cardozo, ao lançar o Levantamento Nacional de Informações Penitenciárias (Infopen) de junho de 2014. Cardozo destacou que mesmo com a criação de 40 mil vagas, que serão entregues até 2017, o país tem um déficit de 231 mil vagas. Leia mais.

Índios e fazendeiros entram em conflito em fazenda em Mato Grosso do Sul

Índios e produtores rurais enfrentaram-se na quarta (24) em uma fazenda de Coronel Sapucaia, em Mato Grosso do Sul, a cerca de 180 quilômetros de Dourados, no sudoeste do estado. O confronto ocorreu na fazenda ocupada por índios guarani e kaiowá na última segunda-feira (22). Dirigindo caminhonetes e picapes, um grupo de não índios tentou desocupar a Fazenda Madama sem uma decisão judicial ou apoio policial. Enquanto os motoristas ameaçavam lançar os veículos contra os índios, estes resistiam lançando pedras, paus e flechas. Leia mais.

Rótulos terão que informar sobre alimentos que causam alergia

A diretoria colegiada da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) aprovou na quarta (24), por unanimidade, resolução que trata da rotulagem obrigatória dos principais alimentos que causam alergias. Os rótulos, a partir de agora, devem informar a existência de 17 alimentos considerados alergênicos: trigo (centeio, cevada, aveia e suas estirpes hibridizadas); crustáceos; ovos; peixes; amendoim; soja; leite de todos os mamíferos; amêndoa; avelã; castanha de caju; castanha do Pará; macadâmia; nozes; pecã; pistaches; pinoli; castanhas; e látex natural. Leia mais.

Estereótipos fazem meninas ingressarem no esporte mais tarde, diz pesquisadora

Estereótipos sobre o comportamento feminino são entraves à prática esportiva de meninas, avaliou a diretora do Departamento de Planejamento e Gestão Estratégica do Ministério do Esporte, Cássia Damiani. Ela chefiou a pesquisa Diagnóstico Nacional do Esporte, divulgada na segunda (22) no Rio de Janeiro. Os dados mostram que as meninas ingressam no esporte mais tarde e que as mulheres praticam mais atividades físicas que esportes. Segundo a pesquisa, 41,6% dos homens começam a praticar esporte entre os 6 e os 10 anos, enquanto, no sexo feminino, o percentual cai para 29,7%. Os meninos superam as meninas na faixa etária anterior, até 5 anos: 7,1% dos que praticam começaram nessa idade, quando, entre as meninas, a fatia é de 6%. Leia mais.

Sedentarismo atinge 45,9% dos brasileiros e é mais comum entre mulheres

O sedentarismo atinge 45,9% dos brasileiros, segundo o Ministério do Esporte, na pesquisa Diagnóstico Nacional do Esporte. Os números foram coletados em 2013 e dão conta de que 67 milhões de pessoas não fazem atividade física ou praticam esporte. O problema é mais comum entre as mulheres, grupo no qual o índice chega a 50,4%, enquanto entre os homens o percentual cai para 41,2%. Leia mais 1. Leia mais 2.

Mais de 187 mil pessoas morreram por causa das drogas em 2013, diz ONU

Em 2013, 187,1 mil pessoas morreram em todo o mundo devido ao consumo de drogas, um número semelhante ao de anos anteriores, segundo dados revelados nesta sexta (26) pelo Gabinete das Nações Unidas contra a Droga e o Crime (Unodc). No seu relatório anual sobre as Drogas no Mundo, a ONU estima que 246 milhões de pessoas de 15 a 64 anos consumiram entorpecentes ilegais, o que representa um em cada 20 adultos em nível mundial. Leia mais.

Mães que trabalham fora estimulam filhas a serem bem-sucedidas, diz pesquisa

Uma pesquisa realizada pela Kathleen L. McGinn, professora de Administração de Empresas na Harvard Business School (HBS), ao lado das pesquisadoras Mayra Ruiz Castro e Elizabeth longa Lingo, revela que filhos de mães que trabalham se saem melhor no futuro. O estudo buscou identificar os efeitos, em homens e mulheres, de ter sido criado por uma mãe com emprego em tempo integral. Leia mais.

Suprema corte americana aprova casamento gay em todo o país

A Suprema Corte americana aprovou por cinco votos a quatro o casamento gay em todo o país nesta sexta-feira (26). Ao todo, 37 estados americanos já reconheciam a união civil entre pessoas do mesmo sexo, enquanto os outros 13 estados ainda o proibiam. A decisão é uma vitória para todos aqueles que lutavam há anos pela igualdade de direitos. Os juízes determinaram que a partir de agora todos os Estados devem emitir licenças de casamento para casais do mesmo sexo e reconhecer uniões do mesmo sexo que foram legalmente realizados em outros estados. Leia mais.

Tunísia, Kuwait e França são alvos de atentados

Três países registraram nesta sexta (26) atentados com mortes já confirmadas. Na França, uma pessoa morreu e duas ficaram feridas após um atentado a uma usina próxima à cidade de Lyon. Na Tunísia, pelo menos 27 pessoas morreram em um resort na cidade de Sousse, região turística do país. No Kuwait, um atentado a uma mesquita xiita na capital deixou pelo menos 13 mortos e 25 feridos. Um dos suspeitos do ataque à França já foi identificado e teria ligação com o movimento salafista, uma corrente radical islâmica. Leia mais 1. Leia mais 2. Leia mais 3.

putinobama

Fotos: Getty Images

Putin e Obama defendem unidade de russos e americanos para deter Estado Islâmico

O presidente russo, Vladimir Putin, telefonou para o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, para conversar sobre os acontecimentos no Oriente Médio provocados pelo Estado Islâmico e a situação na Ucrânia, anunciou a Casa Branca em comunicado. Os dois chefes de Estado debateram também a “situação cada vez mais perigosa na Síria” e ressaltaram a importância de manter a unidade das potências internacionais nas conversas com o Irã para evitar que o país se desenvolva armas nucleares. Leia mais.

Depois de 15 anos de negociação, Vaticano assina acordo com o Estado da Palestina

O Vaticano e o Estado da Palestina assinaram nesta sexta-feira (26) um acordo sobre os direitos da Igreja Católica em território palestino, anunciou o Vaticano. O acordo foi assinado no Palácio Pontifical pelo secretário para as Relações com os Estados, arcebispo Paul Richard Gallagher, e pelo ministro palestino das Relações Exteriores, Riyad Al Maliki. A negociação do acordo foi feita por uma comissão bilateral e durou 15 anos. Leia mais.

Países europeus vão receber 40 mil refugiados

Os chefes de Estado e de Governo dos 28 países da União Europeia (UE) concordaram repartir entre si os 40 mil refugiados da Síria e Eritreia, nos próximos dois anos, mas com base em cotas voluntárias. Segundo o presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, os líderes europeus tiveram uma longa discussão sobre a estratégia para lidar com os migrantes que tentam chegar à Europa. Leia mais.

Maioria dos imigrantes brasileiros nos Estados Unidos é da classe C

Dados do livro “Brasileiros na América”, do economista Álvaro Lima, mostram que o brasileiro que emigra hoje para os Estados Unidos é proveniente da classe média baixa, a chamada classe C. A maior parte tem ensino médio ou curso superior e é oriunda de centros urbanos, principalmente do Sudeste e do Centro-Oeste. A maioria entra no país com visto de turista. A busca por melhor renda, mais qualidade de vida para os filhos e segurança nas grandes cidades está entre os fatores que levam brasileiros a sair do país e viver nos Estados Unidos. Leia mais.

Japão vai ter maior sistema de armazenamento de energia solar do mundo

A empresa japonesa Mitsubishi Electric vai construir em Fukuoka (no Sul do Japão) o maior sistema de armazenamento de energia solar do mundo, com capacidade de 50 mil kilowatts, confirmou hoje (24) a agência espanhola EFE. O projeto, encomendado pela companhia elétrica japonesa Kyushu Electric Power e que conta com financiamento estatal, consistirá em uma rede de baterias, que ocupará extensão de 14 mil metros quadrados na localidade de Buzen e será capaz de fornecer eletricidade a 30 mil habitações. Leia mais.

Ataques do Boko Haram na Nigéria matam pelo menos 42 pessoas

Pelo menos 42 pessoas morreram desde o início da semana em dois ataques do grupo islâmico Boko Haram no Nordeste da Nigéria, informou na quarta (24) a agência France Presse. “Recebemos informações sobre ataques cometidos por homens suspeitos de pertencer ao Boko Haram em duas aldeias, que fizeram 42 mortos”, declarou à AFP um policial da localidade de Biu (estado de Borno), acrescentando que os ataques ocorreram segunda (22) e terça-feira (23). Leia mais.

Tribos se preparam para os primeiros Jogos Mundiais dos Povos Indígenas

A quatro meses da primeira edicação dos Jogos Mundiais dos Povos Indígenas, as comunidades estão na reta final para a escolha dos atletas. Os jovens treinam pelo menos três vezes por semana e recebem alimentação especial. “Os atletas não podem comer qualquer coisa. Eles têm que tomar cuidado com o local onde sentam. Não podem sentar no mesmo lugar onde velhos sentaram, por exemplo”, explica o líder Jakuri Pep Krakete, da etnia Gavião Parkatêjê, do Pará. Além do Brasil, 22 países participam do congresso técnico, indicando intenção de participar dos jogos. Leia mais.

Onda de calor mata 692 pessoas no Paquistão

A onda de calor que atinge nos últimos dias o Paquistão provocou a morte de quase 700 pessoas, segundo novo balanço divulgado na terça (23) pelas autoridades locais. A maioria das vítimas morreu em hospitais públicos na cidade portuária de Karachi, centro econômico do país, com cerca de 20 milhões de habitantes. Durante o fim de semana, as temperaturas atingiram 45 graus Celsius. Estas mortes ocorrem quando o país, majoritariamente muçulmano, com cerca de 200 milhões de habitantes, observa o mês sagrado do Ramadã, durante o qual é proibido comer e beber entre o nascer do sol e o pôr do sol. Alguns religiosos lançaram avisos públicos, informando que as pessoas fisicamente mais frágeis podem abster-se de fazer jejum, em razão das condições difíceis. Leia mais.

Alterações climáticas ameaçam saúde humana, aponta pesquisa

As alterações climáticas representam uma ameaça aos avanços conseguidos no último meio século para a saúde humana, alerta estudo divulgado na terça (23) pela revista The Lancet. Os autores do trabalho, cientistas europeus e chineses, consideram que “o risco potencial” do aquecimento do planeta para a saúde dos seres humanos tem sido subestimado. Leia mais.

Presidente da França, François Hollande, convoca reunião por causa de escutas dos EUA

O presidente francês, François Hollande, realizou na manhã de quarta (24) uma reunião com dirigentes do setor da defesa do país, depois da divulgação de documentos do WikiLeaks sobre espionagem da Agência de Segurança Nacional norte-americana (NSA, na sigla em inglês) dos Estados Unidos a chefes de Estado franceses. Depois disso, o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, telefonou para o colega francês e garantiu que a espionagem a países aliados havia terminado, classificando-as de “práticas inaceitáveis”, informou a Presidência francesa. Leia mais 1. Leia mais 2. 

EUA: manifestantes querem que bandeira com símbolo racista seja recolhida

A governadora da Carolina do Sul, Nikki Haley, pediu nesta segunda-feira (22) que os legisladores estaduais votem pela retirada da bandeira dos rebeldes confederados hasteada em frente à Câmara estadual na capital Columbia. O apelo ocorreu uma semana após um atirador branco ter assassinado nove fiéis negros em uma igreja histórica da cidade de Charleston. A bandeira tem sido criticada nos últimos dias por grupos de ativistas e políticos por ser um símbolo do passado escravagista do sul dos Estados Unidos – seus defensores alegam que ela faz parte da história e da cultura da região. Considerada um símbolo da guerra civil norte-americana, a bandeira é tida por muitos como uma representação do racismo sulista. Protegida por uma lei que estabelece que ela não pode ser removida sem a aprovação da Assembleia Legislativa, a bandeira que estampa a “cruz sulista” permanece hasteada diante do edifício público, apesar das bandeiras dos Estados Unidos e da Carolina do Sul terem sido baixadas, em sinal de luto pelas vítimas do ataque de Dylann Roof. Para o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, a sombra da segregação que ainda paira sobre a sociedade norte-americana. Leia mais 1. Leia mais 2. Leia mais 3. 

 

Comentários: nenhuma pessoa comentou

Categoria: Atualidades

Compartilhe

Confira as notícias mais importantes da semana de 15 de junho

Carolina Vellei | 19/06/2015

Confira as notícias que foram destaque no noticiário nacional e internacional dessa semana e fique por dentro das atualidades que podem aparecer nos vestibulares e no Enem:

desmatamento-d

Em 16 anos, desmatamento da Amazônia Legal foi quase o tamanho do estado de SP

O desmatamento da Amazônia Legal, no período de 1997 a 2013, chegou a 248 mil quilômetros quadrados, quase o tamanho do estado de São Paulo, informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Os dados são da pesquisa Indicadores de Desenvolvimento Sustentável (IDS), divulgada nesta sexta-feira (19). Segundo o IBGE, de 1991 a 2004 houve uma aceleração no desmatamento da Amazônia Legal, que subiu de 11.030 quilômetros quadrados para 27.772 quilômetros quadrados em apenas um ano. Desde 2004, a tendência se inverteu, chegando a 4.571 mil em 2012. Em 2013, houve uma nova alta, para 5.843. Leia mais.

Número de mortos em atentados no mundo aumentou 81% em 2014

Os jihadistas geraram um forte aumento dos ataques terroristas no ano passado, provocando um crescimento de 81% no número de mortes, segundo um relatório divulgado nesta sexta-feira (19) pelos Estados Unidos. Em 2014 foram registrados 13.463 ataques em 95 países – um aumento de mais um terço em relação aos 9.700 ataques registrados no ano anterior – com Iraque, Paquistão e Afeganistão entre os países que mais registraram atentados fatais. Leia mais.

Coreia do Norte diz ter encontrado cura para Mers, Sars, ebola e Aids

A Coreia do Norte anunciou nesta sexta-feira (19) ter encontrado a cura para os vírus da Mers, da Sars, do ebola e da Aids. O regime do ditador Kim Jong-un não forneceu provas. Não é a primeira vez que a Coreia do Norte vangloria-se de ter feito descobertas que são impossíveis de serem comprovadas pela comunidade internacional. Leia mais.

Saída da Grécia da zona do euro será início do fim do bloco, diz primeiro-ministro grego

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, disse nesta sexta-feira (19) que a saída da Grécia da zona do euro marcará “o princípio do fim” do bloco econômico. A declaração foi feita em entrevista publicada hoje (19) pelo jornal austríaco Kurier. “O famigerado Grexit [trocadilho em inglês sobre a saída da Grécia da zona do euro] não pode ser uma opção, nem para os gregos nem para a União Europeia. Será um processo irreversível, será o princípio do fim da zona euro”, disse o primeiro-ministro na entrevista. Leia mais.

China permitirá entrada de residentes de Taiwan sem visto a partir de julho

O Conselho de Estado da China anunciou nesta quinta-feira (18) que os moradores de Taiwan que forem viajar para a China não vão mais precisar de visto de entrada a partir de 1º de julho. O objetivo da medida é “estimular mais negócios entre China e Taiwan, providenciando mais comodidade para os moradores de Taiwan de viajarem para o continente”. Leia mais.

Avó de menina apedrejada no Rio organiza ato contra intolerância religiosa

A pedra arremessada contra uma menina de 11 anos adepta ao Candomblé, no Rio de Janeiro, por intolerância religiosa, pode ter deixado marcas para toda a vida. A opinião é da avó da menina, Kátia Marinho, que presenciou a agressão, e disse que, por medo, a neta quer evitar roupas brancas – utilizadas tradicionalmente pelos praticantes da religião. A Polícia Civil do Rio de Janeiro está em busca de imagens e testemunhas que possam ajudar a identificar os suspeitos do crime cometido no domingo (14). O caso foi registrado na segunda-feira (15) na 38ª Delegacia de Polícia de Irajá. Leia mais 1. Leia mais 2. 

Número de pedidos de refúgio no Brasil cresce 2.000%, diz ONU

O número de solicitações de refúgio no Brasil cresceu mais de 2.000% em quatro anos, mas a estrutura para atender à demanda praticamente não mudou, informou na segunda-feira (15) o representante do Alto Comissariado das Nações Unidas para Refugiados (Acnur), Andrés Ramires, durante Seminário Trabalho e os Direitos dos Refugiados no Brasil, promovido pela Cáritas no Rio de Janeiro e o Ministério Público do Trabalho no Rio de Janeiro (MPT/RJ). “No ano de 2010, recebemos por volta de 560 solicitações. Ao final de 2014, tivemos 12 mil. Esta é uma tendência mundial, mas a porcentagem de crescimento no Brasil é maior do que todas as outras regiões do mundo”, destacou. Leia mais.

Conflitos no mundo levaram a recorde de 60 milhões de refugiados em 2014, diz ONU

Quase 60 milhões de pessoas em todo o mundo foram forçadas a sair de suas casas por conflitos e perseguição até o final do ano passado, o maior número já registrado, disse a agência de refugiados da ONU nesta quinta-feira (18), alertando que a situação ainda pode se deteriorar. Mais da metade dos deslocados por crises, incluindo conflitos na Síria, Afeganistão e Somália, eram crianças, afirmou o Alto Comissariado da ONU para Refugiados (Acnur) em seu Relatório de Tendências Mundiais, divulgado anualmente. Leia mais 1. Leia mais 2. 

Mais de 50 mil pessoas morrem todo ano no Brasil por complicações cardíacas, mostra estudo

Um estudo publicado na revista Arquivos Brasileiros de Cardiologia, da Sociedade Brasileira de Cardiologia (SBC), mostra que 50 mil pessoas morrem todo ano no Brasil por complicações cardíacas. Estima-se que 100 mil novos casos são diagnosticados a cada ano no país. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), 23 milhões de pessoas sofrem com a doença em todo o mundo. O 1º Registro Brasileiro de Insuficiência Cardíaca (Breathe, do inglês Brazilian Registry of Acute Heart Failure) traça um panorama inédito da síndrome nas diversas regiões do país. Leia mais.

Advogada branca que se passou por negra causa polêmica nos Estados Unidos

A história da advogada de direitos civis norte-americana Rachel Dolezal, acusada de fingir ser negra, continua a repercutir na imprensa norte-americana e no movimento negro. Ela se autodenomina negra, trabalha em defesa dos direitos civis dos afro-americanos, mas é filha biológica de um casal branco. O caso ganhou fama mundial depois de os pais a terem acusado de mentir sobre sua origem, que seria europeia e não africana. Para algumas entidades representativas, ainda que ela se identifique culturalmente com afro-americanos, tenha filhos afro-americanos de sua relação com um afro-americano, ela não deveria adotar uma identidade que não tem. Leia mais.

Coreia do Sul acredita que surto de síndrome respiratória começa a perder força

As autoridades de saúde da Coreia do Sul disseram hoje (19) que a Síndrome Respiratória do Oriente Médio (Mers, da sigla em inglês), que já matou 24 pessoas no país, está começando a perder força. Atualmente, há 112 pessoas internadas. Leia mais.

– Entenda o que é a Mers

Oriente Médio e Norte da África são as áreas mais violenta do mundo, diz estudo

A Europa alcançou níveis históricos de paz e as regiões do Oriente Médio e Norte da África são as mais violenta do mundo, segundo o Índice Global de Paz 2015 divulgado na quarta-feira (17). De acordo com o Índice Global de Paz (IGP), elaborado pelo Instituto para Economia e Paz sediado em Sydney (Austrália), a Islândia é o país mais pacífico do mundo, ficando a Síria em último lugar na lista de 162 Estados, que têm 99,6% da população mundial. Leia mais.

Redução da maioridade penal para crime grave avança na Câmara; Imprensa “inflama” debate sobre redução da maioridade, dizem especialistas

Depois de uma sequência de viradas políticas, digna da mais quente das séries televisivas, a novela da redução da maioridade penal ganhou mais um capítulo importante. Foi votada nesta quarta-feira (16), na Comissão Especial da Câmara dos Deputados, uma proposta que põe adolescentes de 16 e 17 anos na cadeia comum, quando cometam crimes hediondos e alguns outros delitos violentos adicionais. O texto, aprovado por 21 votos a favor contra 6, é resultado de um acordo selado entre o peemedebista Eduardo Cunha e o PSDB – que fechou de última hora a parceria com o presidente da Câmara dos Deputados, desistindo da aproximação ensaiada dias antes com o PT. Leia mais.

Para a vice-procuradora-geral da República Ela Wiecko, o destaque dado pelos meios de comunicação a infrações cometidas por adolescentes inflama o debate sobre a redução da maioridade penal e desperta na sociedade uma falsa necessidade de mais punição. “A mídia [é] que produz, magnifica, coloca aquela notícia e ela vai se repetindo. E ficam martelando que é uma injustiça e que os mais velhos se valem dos mais jovens”, destaca a especialista. Leia mais.

Hungria terá muro contra imigrantes da Sérvia

A Hungria anunciou nesta quarta (16) o fechamento de sua fronteira com a Sérvia, um novo sinal da crise migratória no dia seguinte ao fracasso dos europeus para decidir a distribuição solidária dos refugiados em seu território. Budapeste lançou os “trabalhos preparatórios” para a construção de um muro de quatro metros de altura e 175 km ao longo de sua fronteira com a Sérvia, informou o ministro húngaro das Relações Exteriores, Peter Szijjarto, afirmando que essa etapa estará concluída em 24 de junho. Leia mais.

Estados Unidos terão nota de 10 dólares com rosto de mulher em 2020

Uma mulher será estampada nas notas de 10 dólares norte-americanos a partir de 2020, informou nesta quinta-feira (18) o Departamento do Tesouro dos Estados Unidos. Será a primeira vez, em 119 anos, que as notas terão um rosto feminino. O secretário do Tesouro dos EUA, Jack Lew, disse que ainda não foi definido quem será a figura histórica que aparecerá nas notas, já que o departamento pretende realizar uma pesquisa entre a opinião pública para escolher quem ocupará o lugar de destaque. Leia mais.

Parlamento de Hong Kong rejeita reforma eleitoral apoiada pela China

O Conselho Legislativo de Hong Kong derrubou nesta quinta-feira (18) um controverso plano de reforma política para a eleição do chefe do Executivo do território. O plano era apoiado pelo governo chinês e criticado por ativistas pró-democracia que, no ano passado, protestaram nas ruas contra ele. Projeto previa voto direto na escolha do chefe do Executivo do território, mas só depois de Pequim aprovar candidatos. Oposição e ativistas celebram resultado e dizem que proposta era “falsa democracia”. Leia mais. 

EUA planejam presença militar inédita desde 1989 no Leste Europeu e Rússia responde com reforço no arsenal nuclear

O conflito na Ucrânia e a preocupação dos Governos regionais com a ingerência russa estão propiciando um retorno dos meios de dissuasão militar próprios da Guerra Fria. O Departamento de Defesa dos Estados Unidos está preparando o envio de armamento pesado a bases militares no Leste Europeu, um material que poderia ser empregado por até 5.000 soldados norte-americanos. A proposta, segundo o jornal The New York Times, deverá ser aprovada pelo presidente Barack Obama e o secretário de Defesa Ashton Carter antes da reunião de ministros de Defesa da OTAN no final deste mês. Depois desse anúncio, foi a vez de o presidente russo, Vladimir Putin, dizer nesta terça-feira (16), que reforçará o arsenal nuclear russo com a mobilização de mais de 40 novos mísseis intercontinentais até o fim do ano. O gesto foi classificado pela Otan (Organização do Tratado do Atlântico Norte) como “ameaça de recorrer às armas”. Leia mais 1. Leia mais 2.

Governo palestino renuncia em razão de divisões internas

O primeiro-ministro palestino Rami Hamdallah apresentou nesta quarta-feira (17) a demissão do governo de união ao presidente Mahmud Abbas, em razão da crescente fratura entre a Cisjordânia e a Faixa de Gaza e o desafio representado pelas discussões que o Hamas estaria mantendo secretamente com Israel. A anunciada renúncia do governo de unidade palestino, que o presidente, Mahmoud Abbas, pediu para que seja adiada até segunda-feira, pôs sobre a mesa o fracasso da reconciliação palestina. Por enquanto se desconhece se o Hamas integrará o próximo gabinete, que será debatido na segunda-feira em Ramala na reunião do Comitê Executivo da Organização para a Libertação Palestina (OLP), da qual o movimento islamita não faz parte. Leia mais 1. Leia mais 2. 

Governo colombiano e Farc retomam negociações de paz em Havana

O governo da Colômbia e a guerrilha comunista das Farc retomaram nesta quarta-feira (17) as negociações de paz em Havana para iniciar a discussão sobre justiça, em meio à desconfiança mútua e a renovadas hostilidades no país. Neste ciclo de negociações, as partes devem começar a discutir sobre a justiça para os crimes cometidos durante o conflito armado de meio século e preparar, simultaneamente, o caminho para um eventual fim definitivo das hostilidades, as quais recrudesceram nas últimas semanas. Leia mais.

Ataque à igreja histórica de comunidade negra nos EUA mata nove pessoas

Uma tragédia, motivada por ódio racial, sacudiu a cidade de Charleston, nos Estados Unidos, na noite de quarta-feira (18). Um homem abriu fogo numa histórica igreja afro-americana nessa localidade da Carolina do Sul, causando a morte de nove pessoas, segundo a polícia. O suspeito foi identificado posteriormente como Dylann Roof, um rapaz branco de 21 anos. Oito das vítimas morreram dentro da igreja e a nona faleceu enquanto era levada ao hospital junto com outro ferido. Leia mais.

Local de ataque em Charleston, igreja teve papel de destaque na história dos EUA

A Igreja Metodista Episcopal Africana Emanuel, em Charleston, abrigou escravos que organizaram rebelião e foi ponto de partida de passeatas liderados por Martin Luther King. Conhecida como Mãe Emanuel pelos moradores de Charleston, a igreja onde nove pessoas foram assassinadas a tiros tem uma longa história de ativismo no movimento negro dos EUA, que remonta ao início do século 19, quando foi fundada por afro-americanos que defendiam o fim da escravidão. Leia mais.

Papa Francisco abraça a teoria científica sobre o aquecimento global

Em sua primeira encíclica, o papa Francisco fala de anidrido carbônico, de óxidos de nitrogênio, de combustíveis fósseis contra energias renováveis, de fertilizantes e detergentes que poluem os rios e mares, de corredores ecológicos… Para o jornal El País, é uma encíclica (Laudato Si) carregada de argumentos científicos em que o responsável máximo da Igreja católica abraça as evidências do vínculo entre o aquecimento global e os humanos. Leia mais.

Mulheres trabalham cada vez mais, e ganham menos que homens, diz estudo

Milhões de latino-americanos que vivem com menos de 90% do salário mínimo se atormentam com questões financeiras. Nas duas maiores economias da região, Brasil e México, as mulheres ainda são as mais prejudicadas nessa conta. Só em 2013, quase 14% das mexicanas ganharam menos de 90% do mínimo, ante 9,1% dos homens. Já no país governado por Dilma Rousseff, 9,6% das mulheres estão nessa faixa salarial, contra 8,9% dos profissionais do sexo masculino. Os novos dados se somam a uma série de análises, também feitas por especialistas do Banco Mundial, explicando por que as latino-americanas ganham menos. As respostas abrangem desde a discriminação ainda cometida pelas empresas à falta de mulheres em setores como engenharia e ciências, que pagam melhor.Curiosamente, as mulheres participam cada vez mais da força de trabalho latino-americana, aumentando a renda familiar e contribuindo para a redução da pobreza. Leia mais.

Comentários: nenhuma pessoa comentou

Categoria: Atualidades

Compartilhe