Guia do Estudante

Português

Romantismo (Portugal) - contexto histórico, fases, autores, dicas e questão comentada

23/09/2010 14h55

O Romantismo está ligado à Revolução Industrial e à Revolução Francesa, dois acontecimentos que mudaram a história da Europa e colocaram em evidência valores burgueses como o individualismo e a desobediência aos valores pré-estabelecidos.

Em Portugal, o Romantismo começou com a publicação do poema Camões, de João de Almeida Garrett. Escrito no momento em que o país se encontrava sob domínio inglês e enfrentava graves perturbações políticas, o poema tenta resgatar o passado e o orgulho do povo português.

Gerações
O movimento romântico português durou quatro décadas e teve três períodos diferentes – cada um com uma geração particular de autores.

Primeira geração: empenhada em implantar o Romantismo em Portugal, apresenta ainda influências neoclássicas e certa preocupação com questões históricas e políticas. Entre seus autores, destacam-se João de Almeida Garret e Alexandre Herculano - cujas produções tendem ao subjetivismo extremado, ao medievalismo, ao nacionalismo e à idealização da mulher.

Segunda geração: consolida o movimento romântico em Portugal. Caracteriza-se pelas ideias do "mal do século": negativismo, morbidez e sentimentalismo exagerado. O principal autor dessa tendência é o romancista Camilo Castelo Branco, autor de estilo passional e pitoresco.

Terceira geração: livre dos exageros ultra-românticos, apresenta espontaneidade lírica e musical. Sobressaem-se nesse período a poesia de João de Deus e a prosa de Júlio Dinis.

Com o que ficar atento?
Combinando originalidade e subjetivismo, o Romantismo considera a imaginação superior à razão e à beleza. Os românticos, livres do racionalismo do Arcadismo, promoveram uma verdadeira revolução na produção estética europeia da primeira metade do século 19.

Como pode cair no vestibular?
Questões sobre o tema costumam lembrar que tudo o que é escrito no Romantismo parte de uma perspectiva individual e subjetiva. Além disso, muitas perguntas giram em torno do grande projeto literário do Romantismo: a criação de uma identidade estética para a arte burguesa.

Como já caiu no vestibular?
(Mackenzie -SP) É uma característica da obra de Camilo Castelo Branco:

a) a influência rica em sua poesia de símbolos, imagens alegóricas e construções.

b) a oscilação entre o lirismo e o sarcasmo, deixando páginas de autêntica dramaticidade, vibrando com personagens que comumente intervêm no enredo, tecendo comentários piedosos, indignados ou sarcásticos.
c) a busca de uma forma adequada para conter o sentimentalismo do passado e das formas românticas.
d) o fato de deixar ao mundo um alerta sobre o mal-estar trazido pela civilização moderna e industrializada.
e) o apego ao conto como principal realização literária, através do qual se tornou um dos autores mais respeitados na literatura portuguesa.

Gabarito

Resposta correta: B
Comentário: O tom dramático e passional das novelas e romances de Camilo, muitas vezes é acompanhado de certo desengano, do qual resulta uma visão sarcástica e contundente.

SAIBA MAIS

- Conheça o Guia do Estudante Português Vestibular+Enem ou compre a publicação direto na Loja Abril

- Teste seu conhecimento sobre o Romantismo

- Leia também sobre as escolas literárias brasileiras

 

- Veja outros resumos de estilos literários

Compartilhe