Clique e assine GE Play por R$16,90
Por dentro das profissões Por Blog Informações sobre profissões e carreiras para te ajudar a escolher aquela que tem mais a ver com você

Qual a diferença entre a Psicologia e a Psiquiatria?

Conheça cada carreira e as suas diferenças

Por Mariana Nadai - Atualizado em 18 jan 2018, 16h01 - Publicado em 3 fev 2016, 19h18

(imagem: iStock)(imagem: iStock)

A principal diferença entre esses dois profissionais está na formação acadêmica. Enquanto para se tornar um psicólogo é preciso fazer uma faculdade de Psicologia, que dura em média 5 anos, para se tornar um psiquiatra, é preciso fazer a faculdade de Medicina e, depois de formado, fazer uma residência, ou seja, um especialização em psiquiatria.

– Quais as especializações para psicologia?

– Como posso me tornar uma psiquiatra?

Conheça um pouco mais sobre cada carreira e as suas diferenças:

Formação

Psicologia: Faculdade própria, com, em média, 5 anos de duração.

Continua após a publicidade

Psiquiatria: Para se tornar um Psiquiatra, primeiro é preciso fazer a faculdade de Medicina, que tem uma duração média de 6 anos, e depois ingressar em uma residência por cerca de mais 3 anos.

Formas de atuar

Psicologia: O psicólogo estuda os fenômenos psíquicos e de comportamento do ser humano por intermédio da análise de suas emoções, suas ideias e seus valores. Ele observa e analisa as atitudes, os sentimentos e os mecanismos mentais do paciente e procura ajudá-lo a identificar as causas das suas questões e a rever os seus comportamentos. Como o psicólogo não é médico, ele não pode prescrever nenhum tipo de medicamento.

Psiquiatria: A Psiquiatria é uma especialidade da Medicina que lida com a prevenção, atendimento, diagnóstico, tratamento e reabilitação das diferentes formas de sofrimentos mentais, com manifestações psicológicas severas. Para ajudar no tratamento dessas doenças mentais, o psiquiatra pode recorrer ao uso de medicamentos, mas não é uma regra usar.

Onde pode atuar

Psicologia: Este profissional pode em consultórios, em hospitais, em escolas e nas mais variadas instituições de saúde, contribuindo para a recuperação da saúde psicológica e física das pessoas.

Psiquiatria: O profissional pode trabalhar em hospitais, hospitais psiquiátricos e também em consultórios.

Quando surgiu a carreira

Psicologia: O termo surgiu na Grécia antiga, mas seu significado moderno só veio no século 20.

Psiquiatria: A carreira surgiu apenas no século 18. Na época, os psiquiatras trabalhavam apenas nos hospícios.

Continua após a publicidade
Publicidade