Clique e Assine o Passei! a partir de R$ 9,90/mês

10 filmes e documentários sobre as Olimpíadas

Que tal conhecer mais sobre diferentes modalidades e já ir entrando no clima de Tóquio 2020?

Por Julia Di Spagna Atualizado em 20 jul 2021, 17h25 - Publicado em 27 fev 2020, 13h27

Após o adiamento em 2020, os Jogos Olímpicos de Tóquio serão realizados entre os dias 23 de julho e 8 de agosto de 2021. Ao longo dos anos, o evento esportivo e seus atletas fizeram história e estiveram atrelados a uma série de momentos políticos e sociais conturbados.

Separamos algumas obras  que irão aproximar você desses fatos e também do clima de superação que surge com os jogos. Aproveite!

1 – Eu sou Bolt (2016)

Usain Bolt se prepara para largar em um prova de corrida
O documentário acompanha a vida do medalhista de ouro olímpico Usain Bolt. Desde seus treinos exaustivos às competições, bem como seus momentos pessoais em casa, dando um olhar intimista à figura mítica do atleta. Telecine Play/Divulgação

O corredor jamaicano Usain Bolt foi um dos maiores atletas da história dos Jogos. Entre os seus feitos, ele levou  a medalha de ouro em todas as provas de velocidade entre 2008 e 2016. No documentário Eu Sou Bolt, o atleta mostra sua vida fora das pistas. Pelé, Neymar e tenista americana Serena Williams participam do documentário.

Disponível em Telecine Play

2 – Atleta A (2020)

Atleta A - Repórteres do The Indianapolis Star expõem o abuso sexual de jovens ginastas pelo Dr. Larry Nassar
Atleta A – Repórteres do The Indianapolis Star expõem o abuso sexual de jovens ginastas pelo Dr. Larry Nassar Netflix/Divulgação

 

O documentário conta a história das atletas vitimas de abusos sexuais do ex-médico da seleção americana de ginástica artística Larry Nassar. Ele foi condenado a 175 anos de prisão por ter assediado mais de 500 atletas em um período de cerca de vinte anos. O filme acompanha as atletas que foram vítimas, como a campeã mundial Maggie Nichols, e os repórteres que  revelaram o escândalo.

Disponível na Netflix

 

 3 – Visions of Eight/ Visão de Oito (1973)

Visions of Eight é um documentário americano de 1973 que oferece uma visão estilizada dos Jogos Olímpicos de 1972
Visions of Eight é um documentário americano de 1973 que oferece uma visão estilizada dos Jogos Olímpicos de 1972 Pinterest/Divulgação

O documentário apresenta a visão de oito cineastas sobre a Olimpíada de 1972, em Munique, na Alemanha. Os jogos foram marcados por um ataque terrorista em acomodações de equipes israelenses, organizado pelo grupo terrorista palestino Setembro Negro. O atentado resultou na morte de 12 pessoas, entre atletas e treinadores (e um policial). Atualmente o filme não se encontra disponível nas plataformas de streaming.

4 – Munique (2005)

Munich - Uma organização terrorista mata onze atletas israelenses nas Olimpíadas de Munique de 1972. No entanto, uma equipe de cinco homens, chefiada por Avner Kaufman, recebe a tarefa de matar os terroristas como vingança.
Munich – Uma organização terrorista mata onze atletas israelenses nas Olimpíadas de Munique de 1972. No entanto, uma equipe de cinco homens, chefiada por Avner Kaufman, recebe a tarefa de matar os terroristas como vingança. Apple TV/Divulgação

Steven Spielberg optou por contar a história do ataque terrorista na Olimpíada de 1972, a partir da retaliação do governo israelense.

Disponível na Apple TV

5 – Carruagens de Fogo (1981)

Dois homens, Harold Abrahams e Eric Liddell, disputam o ouro nas Olimpíadas de 1924. Enquanto um corre pela fé, o outro participa para deixar o preconceito para trás.
Dois homens, Harold Abrahams e Eric Liddell, disputam o ouro nas Olimpíadas de 1924. Enquanto um corre pela fé, o outro participa para deixar o preconceito para trás. YouTube/Reprodução

Este clássico não pode ficar de fora quando falamos de Olimpíadas. A obra mostra a preparação da equipe de atletismo da Grã-Bretanha para os Jogos Olímpicos de Paris, em 1924. O foco da história está em dois corredores, um judeu e um cristão, que participaram das competições.

Continua após a publicidade

Vale ressaltar que a música tema do filme, L’Enfant, do grego Vangelis, até hoje é associada a maratonas. Ela recebeu destaque na abertura das Olimpíadas de Londres (2012) e é tão manjada que já apareceu em uma série de paródias. Atualmente o filme não se encontra disponível nas plataformas de streaming

 

6 – B1 – Tenório em Pequim (2010)

B1 Tenório em Pequim
B1 Tenório em Pequim: Antônio Tenório, judoca brasileiro, deficiente visual e figura conhecida no esporte, se prepara para conquistar a quarta medalha de ouro nos Jogos Paralímpicos de Pequim. YouTube/Reprodução

O documentário produzido por brasileiros mostra a preparação do judoca Antônio Tenório para disputar a quarta medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de Pequim (2008). O atleta é um dos poucos no mundo competindo tanto nos campeonatos paraolímpicos quanto nos regulares.

Disponível no YouTube e Globoplay

7 – Ouro, Suor e Lágrimas (2014)

Documentário Ouro, Suor e Lágrimas
Documentário Ouro, Suor e Lágrimas conta a história da década mais vitoriosa da história do vôlei nacional Divulgação/Divulgação

O documentário brasileiro Ouro, Suor e Lágrimas tem como foco o vôlei e mostra o desempenho das seleções masculina e feminina no Brasil entre 2001 e 2012 – período de maior vitórias de nossos atletas.

Disponível no Canal Brasil

8 – Raça (2016)

Filme Raça
Raça – Cinebiografia de Jesse Owens (Stephan James), atleta negro americano que ganhou quatro medalhas de ouro nas Olimpíadas de Berlim, em 1936, superando corredores arianos em pleno regime nazista de Adolf Hitler Netflix/Divulgação

Este drama conta a história de uma das figuras mais emblemáticas do esporte: Jesse Owens. Além dos desafios como atleta, Owens enfrentou o racismo na Olimpíada de 1936, que ocorreu em Berlim em plena Alemanha nazista.

Disponível na HBO GO e Apple TV

9 – Olympia (1938)

Olympia
O documentário “Olympia”, lançado em 1938, foi dirigido por Leni Riefenstahl e financiado pelo Terceiro Reich. O filme aborda as Olimpíadas de Berlim de 1936, e é dividido em duas partes: “Ídolos do estádio” e “Vencedores olímpicos”. Pinterest/Reprodução

O documentário alemão é sobre as Olimpíadas de 1936. A obra é polêmica porque existem rumores de que seu diretor era conivente com o nazismo. Um dos destaques da obra também é o desempenho de Jesse Owens.

Disponível na plataforma Looke

10 – Paratodos (2016)

Paratodos - O documentário acompanha oito atletas paraolímpicos brasileiros desde os jogos de 2012, em Londres
Paratodos – O documentário acompanha oito atletas paraolímpicos brasileiros desde os jogos de 2012, em Londres. Amazon Prime/Divulgação

O documentário brasileiro explora a questão do esporte paraolímpico. Além de apresentar os bastidores desse universo, a obra propõe uma reflexão sobre a inclusão de pessoas com deficiência na sociedade.

Disponível no Prime Vídeo

  • Continua após a publicidade
    Publicidade